Mosaicismo da placenta
DOENÇAS DA PLACENTA. Mosaicismo placentário; Infarto placentário; Insuficiência Placentária; Desnutrição fetal; Placental insufficiency.
Sexo: Não informado. Idade: Não informada. Distribuição. Diagnóstico diferencial.
Epidemiologia:
Clínica:
Laboratório: MORFO da placenta:. Macroscopia da placenta com sinais de retenção, a placenta é um órgão fetal que se nutre do sangue materno, após a morte do feto intrautero pára de circular sangue fetal pelas vilosidades, mas estas não degeneram pois são mantidas pelo sangue materno que continua a circular pela câmara vilosa, a parada da circulação fetal leva a trombose de vasos placentários nos troncos vilosos, nas vilosidades os vasos são substituídos por tecido fibroso, há calcificação do tecido mesenquimal da vilosidade, na forma de grânulos basófilos, e mais acentuada a nível da membrana basal, que serve de limite entre o trofoblasto e o mesênquima, a calcificação da membrana basal é visível como uma fina linha sinuosa e basófila, como o feto morreu e não foi eliminado (aborto) fala-se em retenção fetal ou feto morto retido, as alterações na placenta são chamadas sinais de retenção. VILOSITE. Vilosite é inflamação crônica das vilosidades coriais. É menos comum que a corioamnionite e, ao contrário desta, ocorre por via hematogênica a partir de uma infecção materna, como sífilis, toxoplasmose, doença de Chagas, citomegalovirose, rubéola, etc. O exame sorológico é fundamental no diagnóstico etiológico mas, em muitas vilosites, a causa permanece obscura mesmo assim. As vilosidades apresentam-se aumentadas de volume e com infiltrado crônico inespecífico (linfoplasmohistiocitário), podendo ter também neutrófilos. As consequências podem ser desde mínimas até retardo do desenvolvimento fetal, malformações ou óbito intraútero. INFARTOS PLACENTÁRIOS. Infartos ocorrem em 25% das placentas normais, ficando restritos a pequena área (< 5% da superfície). Quando superam 10% podem causar hipóxia, retardo do crescimento e morte do feto. São mais comuns em pacientes hipertensas e na toxemia gravídica.
Nenhum conjunto compatível de até 5 elementos foi encontrado!