Intoxicação por ambroxol
INTOXICAÇÃO. Cloridrato de ambroxol; Mucosolvan.
Sexo: Não informado. Idade: Não informada. Distribuição. Diagnóstico diferencial.
Epidemiologia: FÓRMULA: Xarope - 3mg/ml e 6mg/ml Solução oral - 7,5mg/ml. INDICAÇÕES: Broncopneumonias. Bronquites e outras patologias broncopulmonares nas quais está indicada a eliminação das secreções. POSOLOGIA: Adulto: 30mg VO, 3 vezes ao dia. Crianças até 2 anos: 7,5mg VO, 2 vezes ao dia. Crianças de 2 a 5 anos: 7,5mg VO, 3 vezes ao dia. Crianças acima de 5 anos: 15mg VO, 3 vezes ao dia. CONTRA INDICAÇÃO: Gravidez (1º e último trimestre). Hipersensibilidade ao ambroxol e outros componentes da fórmula. Pacientes com alterações hepáticas e/ou renais. INTERAÇÕES: Aumenta a concentração pulmonar da amoxicilina, cefuroxima, eritromicina e doxiciclina. PRECAUÇÕES: A solução oral contém cloreto de benzalcônio que, quando inalado acidentalmente, pode causar broncoespasmo. TIPO: Expectorantes.
Clínica:. Pirose. Dispepsia. Diarreia. Náuseas. Vômitos. Exantema, múltiplos.
Laboratório:
Nenhum conjunto compatível de até 5 elementos foi encontrado!