Hipertensão arterial sistêmica renovascular
CIRCULATÓRIO: REGULAÇÃO (Pressão arterial). Hipertensão renovascular; Hipertensão de Goldblatt; Hypertension, renovascular. O modelo animal de hipertensão foi desenvolvido em 1934 por Harry Goldblatt (1891-1977), cirurgião americano.
Sexo: <M. Idade: Adolescente. Jovem. Meia-idade. Idoso. Menos de 20A. Mais de 50A. Distribuição. Diagnóstico diferencial.
Epidemiologia: HISTÓRIA PESSOAL:. Hipertensão arterial, em 1-2%. Estenose da artéria renal, causa mais comum, bilateral em 25%. Doença aterosclerótica, em 15-25%. Aterosclerose. Hiperplasia fibromuscular, em 30% das vasculopatias estenóticas das artérias renais. PROGNÓSTICO: Queda rápida das funções renais com uso de Inibidores da enzima conversora (ECA).
Clínica:. Cefaleia, subocciptal, pulsátil, pela manhã, melhora durante o dia. Dor torácica. Sonolência. Confusão mental. Visão embaçada. Impotência. Hipertensão arterial, variável, no início, persistente. Taquicardia, em jovens. B2A hiperfonética. B2A com estalido, de ejeção, protossistólico. Débito cardíaco aumentado, em jovens. Sopro abdominal, epigástrico.
Laboratório: PLASMA:. Potássio diminuído. Renografia radioisotópica:. antes e após uso de inibidores da ECA. Captopril. Enalaprilato. ARTERIOGRAFIA renal:. Positiva. HORMÔNIO PLASMÁTICO:. Renina nas veias renais, concentração diferente, eventual, estenose >80% e unifocal.
Lista de 11 síndromes minimais compatíveis de até 5 elementos...
. B2A com estalido.
. Débito cardíaco aumentado.
. B2A hiperfonética. Sopro abdominal.
. Cefaleia. Sopro abdominal.
. Confusão mental. Sopro abdominal.
. Dor torácica. Sopro abdominal.
. Hipertensão arterial. Sopro abdominal.
. Impotência. Sopro abdominal.
. Sonolência. Sopro abdominal.
. Sopro abdominal. Taquicardia.
. Sopro abdominal. Visão embaçada.