Insuficiência cardíaca congestiva esquerda com edema agudo de pulmão
CIRCULATÓRIO: INSUFICIÊNCIAS | Respiratório_11: Hematose (Ventilação, Difusão e Perfusão). Insuficiência cardíaca congestiva esquerda complicado com edema agudo de pulmão; EAP complicado com ICCE.
Sexo: Não informado. Idade: Não informada. Distribuição. Diagnóstico diferencial.
Epidemiologia: HISTÓRIA PESSOAL:. Infarto agudo do miocárdio. Isquemia do miocárdio severa. Insuficiência cardíaca crônica, exacerbada. Sobrecarga volumétrica aguda do ventrículo esquerdo. Regurgitação valvar. Defeito do septo interventricular. Estenose mitral. PROGNÓSTICO: Início súbito na Insuficiência cardíaca crônica. Primeira manifestação de cardiopatia. Infarto agudo do miocárdio.
Clínica:. Insuficiência cardíaca, congestiva, esquerda. Edema agudo de pulmão. Expectoração espumosa, róseo.
Laboratório: CAT:. Pressão capilar pulmonar >25 mmHg. HORMÔNIO PLASMÁTICO:. Hormônio natriurético tipo beta aumentado, >100 pg/mL. MORFO do pulmão:. Microscopia do pulmão com congestão (hiperemia passiva com dilatação da microcirculação) crônica, alvéolos pouco expandidos contendo material escuro. Septos interalveolares espessados, com mais células e colágeno que o normal (sinal de congestão crônica) com transudato intersticial (edema não inflamatório ente os alvéolos pobre em proteínas). Hemácias na luz alveolar por hipertensão (hemorragia por diapedese) fagocitadas por macrófagos alveolares dando origem a hemossiderina (pigmento hemossiderótico) marrom, granuloso, rico em ferro, estes grânulos variam de tamanho de finos a grosseiros e são encontrados dentro e fora de macrófagos alveolares, são refringentes (brilham quando se abaixa o condensador do microscópio e se mexe no foco micrométrico). A hemoglobina é digerida em heme (grupo com ferro) e globina (parte protéica). O Fe2 (ferroso) é incorporado a moléculas de apoferritina (proteína aceptora dos macrófagos) na forma de micelas de hidroxifosfato férrico (Fe3).
Lista de 2 síndromes minimais compatíveis de até 5 elementos...
. Expectoração espumosa.
. Edema agudo de pulmão. Insuficiência cardíaca.