Regurgitação da valva mitral
CIRCULATÓRIO: VALVAS CARDÍACAS. Insuficiência da valva mitral, não reumática; Insuficiência da valva mitral; Incompetência mitral; Incompetência da valva mitral; Regurgitação mitral; Mitral valve insufficiency. A ruptura das cordoalhas tendinosas foi descrita em 1806 por Jean-Nicolas Corvisart (1755-1821), médico francês.
Sexo: Não informado. Idade: Não informada. Distribuição. Diagnóstico diferencial.
Epidemiologia: HISTÓRIA PESSOAL:. Estenose mitral. Síndrome de Marfan. Endocardite, infecciosa. Disfunção subvalvar com ruptura dos cordões tendíneos. Disfunção dos músculos papilares do ventrículo esquerdo. Infarto agudo do miocárdio, complicado. Tumores cardíacos. Mixoma atrial esquerdo. PROGNÓSTICO: Complicações: Fibrilação atrial. Dilatação progressiva do átrio esquerdo. Aumento da pressão venosa pulmonar durante o exercício. Insuficiência cardíaca congestiva esquerda. Edema agudo de pulmão. Fibrilação ventricular. Endocardite infecciosa. CONDIÇÃO: Assintomático, em casos leves.
Clínica:. Ictus cordis globoso, forte, súbito, com frêmito, proeminente, hiperdinâmico, para fora da linha médio clavicular, após exercício em decúbito lateral esquerdo. B1M hipofonética, ou normal. B1M com sopro, holossistólico, que encobre a B2, apical, alto, soprante, áspera, musical, com irradiação para a axila. B3 hiperfonética. Estalido mesodiastólico. Fadiga muscular. Dispneia, em repouso.
Laboratório: RX de tórax:. Cardiomegalia por AE e VE. ECG:. Onda P alta, nas derivaçõs clássicas, bifásica em V1. Onda P entalhada, nas derivaçõs clássicas, bifásica em V1. Sobrecarga atrial. Eixo elétrico desviado para a esquerda. Hipertrofia do ventrículo esquerdo. ECO:. Prolapso da valva mitral. Ruptura das cordoalhas tendinosas. Vegetações. Aumento do VE. DOP:. Grau de regurgitação. Evidência de Hipertensão pulmonar. ECO-E:. Anormal. CNT:. Anormal. IRM. CAT:. Grau de regurgitação. Função do VE. Pressão na AP.
Lista de 8 síndromes minimais compatíveis de até 5 elementos...
. Estalido mesodiastólico.
. B1M com sopro. B1M hipofonética.
. B1M com sopro. B3 hiperfonética.
. B1M com sopro. Ictus cordis globoso.
. B1M hipofonética. B3 hiperfonética.
. B3 hiperfonética. Dispneia.
. B3 hiperfonética. Fadiga muscular.
. B3 hiperfonética. Ictus cordis globoso.