www.bioinfo.ufc.br       CID-10       DATASUS       Curriculum       Cronograma       login
Ementa de Fisiologia
        1- O Princípio da Homeostase... Teoria celular. Meio interno. Sinais vitais. Insuficiência. Adrenalina. Morte encefálica.
 ...do misticismo (manipulação do medo) à Teoria Celular 
Nung,
Shen Nung (~3000 aC), sábio imperador chinês, sob inspiração do poderoso deus Pan Ku, acreditava em 2 princípios polares: Yin (fêmea) e Yang (macho). Estas forças (energia vital) fluem por meridianos que, se obstruídos, causam as doenças e a Acumputura (latim: acus = agulha + punctura = punção), serveria para desobstruí-los.
Papiro de Edwin,
Papiro de Edwin Smith (~1.700 aC) do Egito Antigo. Caso #33: Paciente emite sons e respira mas não sente nem movimenta o corpo = Pescoço quebrado na 2ª vértebra cervical. Fisiopatologia: Transecção total da medula espinhal entre os metâmeros C4-C5 (origem do nervo frênico: C3-C4). Tratamento: Paliativo.
Hipócrates,
Hipócrates de Cos (460-370), filósofo grego, pai da Medicina Clínica, ensinava que a Saúde era o equilíbrio da combinação (Eucrasia) de 4 tipos de humores (estações do ano), e, que a doença não era em castigo dos deuses. Atualmente tanto os "princípios polares" de Nung, os "humores" de Hipócrates e o "magnetismo animal" de Mesmer foram substituídos pelo Princípio da Homeostase de Cannon.
Saúde,
Segundo a OMS, Saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade. A Expectativa de Vida é um dos indicadores de Saúde de uma Comunidade.
Mesmer,
Franz Mesmer (1734-1815), médico e músico alemão, inspirado no magnetismo mineral criou a teoria do "magnetismo animal" e do conceito de fluido universal, ambos rejeitados por várias Academias de Medicina.
Darwin,
Charles Darwin (1809-1882), naturalista britânico, publicou, em 1859, autor de On the Origin of Species by Means of Natural Selection. Atualmente sabe-se que o mecanismo desta Seleção são as mutações cromossômicas "adaptativas".
Hooke,
Robert Hooke (1635-1703), cientista inglês, rival de Newton, criou o conceito de Célula posteriormente generalizada para Teoria Celular "Todo ser vivo é constituído por células." por Virchow, Schleiden, Schwann... e, cuja sobrevivência, depende do meio aquoso que as banha (de Claude Bernard).
*Kossel,
Albrecht Kossel (1853-1927), médico alemão, *Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1910, descobriu que a estrutura química do DNA contém as bases purínicas Adenina e Timina (cujo principal catabólito é o ácido úrico). À propósito, a mercaptopurina, um antineoplásico, age na fase S (duplicação do DNA) do ciclo de divisão celular.
*Morgan,
Thomas Morgan (1866-1945), *1933, zoólogo e geneticista americano, provou experimentalmente a Teoria Cromossômica da Hereditariedade (1902) e ganhou um *Nobel por provar que os cromossomas são portadores de genes (que ele próprio não acreditava!).
*Watson & *Crick,
James Watson (1928-?), biólogo americano, Francis Crick (1916-2004), biólogo briânico e Maurice Wilkins (1916-2004), fisiologista neozelandês, *1962, descobriram a estrutura em alfa-hélice do DNA em 1953. Esta estrutura em alfa-hélice (ou dupla hélice) é a mesma dos filamentos contráteis (miosina e actina).
Singer & Nicolson.
Seymour Singer (1924-?), biólogo e Garth Nicolson (1943-?), químico, americanos, em 1972 criaram o modelo do mosaico fluido da membrana (mas está em aberto o problema das células assimétricas como os enterócitos e as células tubulares renais).
Discutir os diferentes modelos de Saúde (biomédico, biopsicossocial e holístico).
Discutir o conceito de célula e Teoria Celular.

 Meio Interno e o Princípio da Homeostase 
Bernard,
Claude Bernard (1813-1878), médico francês, pai da Fisiologia, criou o conceito de Meio Interno (mar interno ou milieu intérieur), atualmente chamado de Líquido Intersticial, e, no futuro, Citosfera (Biofase da Biodisponibilidade na Farmacologia), isto, um século depois de Robert Hooke criar o conceito de célula.
Cannon,
Walter "#praqueserve?" Cannon (1871-1945), fisiologista americano, criou o Princípio da Homeostase (estabilidade do Meio Interno) cujo operadores são os Reflexos e resolveu um antigo problema: Heráclito dizia "Tudo flui" e Parmênides dizia "Nada muda". Estabilidade = Equilíbrio dinâmico. Cannon é a-do-ra-do porque para qualquer pergunta em Fisiologia a resposta é: "P'ra manter a Homeostase."
Flourens.
Pierre Flourens {flúran} (1794-1867), médico francês e patrono espiritual dos Suicidas, demonstrou que a remoção do Tronco Encefálico causa morte imediata, para irritação de Empédocles. Morreu sem saber que os principais centros de regulação da Homeostase e o SARA (motor elétrico do cérebro) se localizam no TE e que o conceito de Morte mudaria a partir de 1959... por causa dos transplantes de órgãos ímpares.
Discutir os conceitos de Meio Interno e o Princípio da Homeostase.
Descrever os tipos de células (residentes e transientes) e as classes de tecido conjuntivo.
Descrever os principais contituintes da matriz intersticial fundamental do tecido conjuntivo. ®
Descrever os principais contituintes da matriz intersticial fibrilar do tecido conjuntivo. ®

 Sinais Vitais, PreGO e Adrenalina 
Herófilo,
Herófilo da Calcedônia (335-280aC), médico grego, pai dos Sinais Vitais, mediu a frequência do Pulso Arterial (TPR-PA) usando uma Clepsidra (relógio d'água). Ele deve ter ficado muito confuso quando encontrou uma pessoa com a Síndrome de Takayasu ou Doença sem pulso...
Santorius,
Santorius Santorius (1561-1636), médico italiano, pai do Metabolismo, inventou uma cadeira-balança onde se pesava incluindo a ingestão/excreção. Esta conta nunca "fechava", ele nunca soube, nem perguntou, mas o déficit era da transpiração insensível e da água evaporada na expiração (ambas parte do mecanismo de esfriamento corporal).
Semmelweis,
Ignaz Semmelweis (1818-1865), médico húngaro, reduziu a incidência da Febre puerperal determinando a lavagem das mãos com CaCl2 (desinfetante), isto, 4 anos depois de Oliver Holmes (1809-1898), ensinar que a Febre puerperal era falta de higiene.
Nightingale,
Florence Nightingale [flurênce náitingel] (1820-1910), enfermeira britânica, mãe da Bioestatística, foi uma defensora do uso de Estatística como instrumento de avaliação dos tratamentos. Ela nunca entendeu o ódio que os alunos devotam a esta disciplina...
*Warburg & Lipmann,
Fritz Lipmann (1899-1986), *1953, bioquímico americano, descobriu a função da coenzima A e Otto Warburg (1883-1970), *1931, fisiologista e bioquímico alemão, descobriu que a riboflavina (vitamina B2) como FAD e FMN, que ambas são necessárias na formação do ATP, cuja quebra produz calor.
*Theorell.
Axel Theorell (1903-1982), *1955, médico sueco, estudou os processos de respiração celular. O aumento do tônus muscular consome ATP que aumenta rapidamente a temperatura corporal (como os calafrios na Malária), no coração, por exemplo, 80% do ATP consumido é só para gerar calor e esquentar o sangue. Os desacopladores da fosforilação oxidativa (dinitrofenol) aumentam o consumo de O2 e da temperatura, sem síntese de ATP.
Compreender a importância da PA, glicemia e O2 plasmático (PreGO) no funcionamento do Tronco Encefálico.
Listar as funções do hormônio Adrenalina na proteção do Sistema Nervoso.
 Sistema Reticulado Ativador Ascendente (SARA) e Morte Encefálica 
Mollaret & Goulon
Em 1959, Pierre Mollaret (1898-1987) e Maurice Goulon (1876-1961), neurologistas franceses, estabeleceram o conceito de Morte cerebral "Le coma dépassé", definida por Cristopher Pallis (1923-2005) como uma "decaptação fisiológica", o que permitiu um grande avanço no transplante de órgão únicos, isto, 150 anos depois de Flourens... À propósito a atividade cerebral começa na 19 semama de gestação.
, Schiavo
Herófilo da Calcedônia (335-280aC), médico grego, pai dos Sinais Vitais, mediu a frequência do Pulso Arterial (TPR-PA) usando uma Clepsidra (relógio d'água). Ele deve ter ficado muito confuso quando encontrou uma pessoa com a Síndrome de Takayasu ou Doença sem pulso...
, Virgínia.
Virgínia de Sousa, médica brasileira, 19/02/2013, acusada de homicídio doloso por "abreviar" a vida de pacientes internados na UTI no Hospital Evangélico de Curitiba. A defesa alega que houve apenas uma antecipação do teste de apnéia, ou seja, foi um simples desvio de protocolo sem o TCLE e não, assassinato.
Descrever sucintamente a Escala de coma de Glasgow e os testes para diagnóstico de Morte Encefálica.
Todos os objetivos...

        2- Unidade Motora Esquelética... Potenciais de membrana. Sinápse neuro-muscular esquelética. Contração muscular.

 Unidade Motora Esquelética 
Galvani,
Luigi Galvani (1737-1798), médico italiano, descobriu o estimulador elétrico, a bioeletricidade e a preparação neuro-muscular esquelética.
Southwick,
Alfred Southwick (1826-1898), dentista americano, inventor da cadeira elétrica e inaugurada por William "Fusível" Kemmler (1890) e, segundo o inventor, uma "evolução histórica na arte da execução" (antes era o enforcamento!).
*Sherrington & *Adrian,
Charles Sherington (1857-1952), *1932, fisiologista britânico, pai da Fisiologia e Edgar Adrian (1889-1977), *1932, médico britânico, criaram o conceito de Via Motora Final Comum.
Fick,
Adolf Fick (1829-1901), médico alemão, estabeleceu a 1ª Lei da difusão em estado estacionário e a 2ª Lei da difusão em estado não estacionário.
Lohmann,
Karl Lohmann (1898-1978), bioquímico alemão, descobriu a moeda energética biológica: o ATP.
*Skou,
Jens Skou (1918-?), químico dinamarquês, *1997, descobriu a famosa enzima: A bomba de Na+/K+ ATP dependente.
Yoshida & Muneyuki & Hisabori,
Masasuke Yoshida, Muneyuki e Hisabori, químicos japoneses, descobriram o funcionamento da ATPase mitocondrial.
Davy,
Humphry Davy (1778-1829), químico inglês, usou a pilha elétrica de Volta para separar sais por eletrólise e estudou a ação do óxido nitroso.
01- Definir e classificar os tipos de Unidade Motora Esquelética.
02- Descrever os mecanismos de transporte através da membrana, com base na fonte de energia e nos processos moleculares para: difusão e transporte ativo e exemplificar cada um.
03- Discutir a função da Bomba de Na+/K+ ATP dependente e compreender a Equação de Nernst.
 
 Potenciais eletro-químico de membrana 
Reymond,
Emil du Bois-Reymond (1818-1896), fisiologista alemão, pai da Eletrofisiologia, descobriu a corrente elétrica (fluxos de íons) do potencial de ação propagado. A publicação de "Pesquisas Sobre a Eletricidade Animal" foi iniciada em 1848 e terminada 36 anos depois.
*Eccles,
John Eccles (1903-1997), neurofisiologista australiano, descobriu as diferenças entre os potenciais pós-sinápticos excitatórios e inibitórios.
Helmholtz,
Hermann von Helmholtz (1821-1894), médico e físico alemão, mediu a velocidade de condução nervosa.
Schwann,
Theodor Schwann (1810-1882), citologista alemão. descobruiu as bainhas de mielina das fibras nervosas.
Ranvier,
Louis Ranvier (1835-1922), histologista francês, descobruiu as interrupções das bainhas de mielina das fibras nervosas.
*Erlanger e *Gasser,
Joseph Erlanger (1874-1965) e Herbert Gasser (1888-1963), fisiologistas americanos, autores de "A study of the action currents of nerve with a cathode ray oscillograph".
Koller,
Karl Koller (1857-1944), médico austríaco, introduziu a cocaína como anestésico local em cirurgias oculares.
*Neher & *Sakmann.
Erwin Neher (1944-), biofísico alemão e Bert Sakmann (1942-?), fisiologista alemão inventaram a técnica do patch clamp e estudaram a função de canais iônicos individuais.
05- Descrever o mecanismo iônico do Potencial de repouso da membrana, hiperpolarização, potencial limiar, despolarização, repolariazação e do potencial de ação propagado.
06- Discutir a condutibilidade em fibras nervosas mielinizadas e não-mielinizadas.
 
 Transmissão sináptica neuro-muscular esquelética 
Bernard,
Claude Bernard (1813-1878), médico francês, provou que a transmissão neuro-muscular esquelética era química, não elétrica. Bernard queria ser escritor de comédias mas o crítico Saint-Marc Girardin o aconselhou a estudar Medicina!
*Ramon y Cajal,
Santiago Ramon y Cajal (1852-1934), *1906, histologista espanhol, ao contrário de Camillo Golgi (1843-1926), histologista italiano, *1906, propôs que os neurônios são individuais. Santiago usou o corante desenvolvido por Golgi.
*Dale,
Henry Dale (1865-1968), *1936, médico britânico, identificou a ACh e que esta é o neurotransmissor entre os neurônios pré-ganglionares autonômicos.
d'Anghiera,
Pietro d'Anghiera (1457-1526), historiador espanhol, descreveu a paralisia causada por flechas envenenadas com curare. George Harley (1829–1896), descobriu que o curare pode ser usado para tratamento de espasmos musculares causados pelo tétano e pela estricnina.
*Sherrington,
Charles Sherrington (1857-1952), *1932, fisiologista britânico, deduziu a existência da sinápse química com base no retardo da transmissão do potencial de ação.
*Blobel,
Günter Blobel (1936-?), biólogo alemão, descobriu que as proteínas têm sinais intrínsecos que direcionam seu transporte e sua localização nas células.
*Kandel & *Greengard & *Carlsson.
Pietro d'Anghiera (1457-1526), historiador espanhol, descreveu a paralisia causada por flechas envenenadas com curare. George Harley (1829–1896), descobriu que o curare pode ser usado para tratamento de espasmos musculares causados pelo tétano e pela estricnina.
07- Descrever a função da junção neuro-muscular, listando a sequência temporal dos eventos.
08- Listar os principais fatores que interferem na junção neuro-muscular e explicar seus mecanismos.
 
 Contração e relaxamento muscular esquelético 
van Leeuwenhoek,
Anton van Leeuwenhoek, [antôn vean líanvanhûf] (1632-1723), fabricante de lentes holandês, descobriu das estrias musculares transversais.
*Meyerhof,
Otto Meyerhof (1884-1951), médico alemão, descobriu a relação fixa entre o consumo de O2 e a produção de ácido lático, e, juntamente com Gustav Embden e Jakub Parnas, elucidou a rota da glicólise anaeróbica.
*Hill,
Archibald Hill (1886-1977), fisiologista britânico, descobriu a relação entre a produção de calor na contração muscular, conhecido como modelo matemático da contração muscular ou modelo de Hill.
Frank & Starling.
Otto Frank (1865–1944), médico alemão e Ernest Starling (1866-1927), fisiologista britânico, descobriram a relação comprimento-tensão muscular.
09- Definir sarcômero e fazer um diagrama da estrutura dos miofilamentos grossos e finos e rotular as proteínas constituintes.
10- Interpretar a sequência das etapas responsáveis pelo acoplamento excitação-contração.
11- Diagramar as etapas químicas e mecânicas do Ciclo das pontes transversas e explicar sua relação com o encurtamento do músculo.
12- Enunciar e interpretar a Lei de Frank-Starling, a Lei de Nysten-Sommer. e explicar a Equação de resfriamento de Newton.
Todos os objetivos...

        3- Sistema Nervoso... Sensibilidade. Motricidade. Reflexos. Sistema Límbico e autonômico. Funções corticais.
 Fisiologia Geral do Sistema Nervoso 
Edwin
Papiro de Edwin Smith (~1.700 aC) do Egito Antigo. Caso #33: Paciente emite sons e respira mas não sente nem movimenta o corpo = Pescoço quebrado na 2ª vértebra cervical. Fisiopatologia: Transecção total da medula espinhal entre os metâmeros C4-C5 (origem do nervo frênico: C3-C4). Tratamento: Paliativo.
, Flouren
Pierre Flourens (1794-1867), médico francês, provou que a ablação do Tronco Encefálico (não do Cerebelo) causa morte imediata, por isso, a forma mais eficiente de se suicidar é destruindo o Tronco Encefálico.
, Galeno
Galeno de Pérgamo (129-199), “Príncipe dos Médicos” greco-romano, descreveu 7 dos 12 pares de nervos cranianos. Não descreveu nem o I nem o VI, juntou o III com o VI, dividiu o V em 2, juntou o VII com o VIII e juntou o XI, X e IX.
, *Ramon y Cajal
Santiago Ramon y Cajal (1852-1934), *1906, histologista espanhol, ao contrário de Camillo Golgi (1843-1926), histologista italiano, *1906, propôs que os neurônios são individuais. A prova que os neurônios não formam um sincício histológico pode ser feita furando um neurônio e demostrando que os outros não esvaziam o conteúdo citoplasmático.
, Gall
Franz Gall (1758-1828), anatomista e fisiologista alemão, pai da Frenologia (Craniologia), postulou que o comportamento está relacionada com localização específica no córtex cerebral e pode ser previsto pelo formato do crânio.
, Cannon
Walter Cannon (1871-1945), fisiologista americano, enunciou o Princípio da Homeostase (estabilidade do Meio Interno) cujo operadores são os Reflexos e resolveu um antigo problema: Heráclito (filósofo naturalista) dizia "Tudo flui" e Parmênides (filósofo humanista) dizia "Nada muda". Estabilidade = Equilíbrio dinâmico.
, Massa
Niccolò Massa (1485–1569), anatomista italiano, escreveu "Anatomiae Libri Introductorius" e descobriu o líquor ou Líquido céfalo-raquidiano (LCR) em 1536.
, Willis
Thomas Willis (1621-1675), médico inglês, pai da Neurologia, descobriu o Polígono de Willis, o XI PC e que o sangue era formado por água, terra, sal, enxofre e espírito, continuando a Escola de Hipócrates-Galeno estabelecida há mais de 1.500 anos.
, Sylvius
Franciscus Sylvius (1614-1672), médico e fisiologista alemão, descreveu a fissura de Silvius (sulco lateral) que separa o lobo frontal do temporal e comporta a artéria cerebral média, além do aqueduto cerebral ou aqueduto de Sylvius.
, Magoun & Moruzzi
Horace Magoun (1907-1991), neurocientista americano e Giuseppe Moruzzi (1910-1986), neurofisiologista italiano, foram os primeiros a investigar os componentes regulatórios do encéfalo nos mecanismo do sono e vigília.
, Teasdale & Jennett
Bryan Jennett (1926-2008) e Graham Teasdale (1940-?), médicos britânicos, desenvolveram a Escala de coma na Universidade de Glasgow que avalia o nível de consciência controlado pelo famoso Sistema Reticulado Ativador Ascendente (SARA) do Tronco Encefálico. O Coma irreversível equivale à Extrema unção, atualmente, Unção dos enfermos.
, Schiavo.
Terri Schiavo {téri shiávo} (1963-2005), paciente americana, primeira pessoa a sofrer eutanásia com Reflexos do Tronco Encefálico presentes mas o Córtex Cerebral atrofiado.
Descrever as funções do Sistema Nervoso na manutenção da Homeostase. Explicar como o Reflexo de Retirada contribui para a manutenção da Homeostase. ®
Classificar os 12 pares de nervos cranianos e suas principais funções e classificar os 31 pares de nervos espinhais em relação às suas origens metaméricas (somíticas).
Descrever sucintamente a Escala de coma de Glasgow e os testes para diagnóstico de Morte Encefálica, destacando o mecanismo do Reflexo Pupilar.
Esquematizar o fluxo sanguíneo encefálico e os componentes do Líquido céfalo-raquidiano (LCR).  
 
 Sensibilidade somática geral - Sumário 
Classificar a Sensibilidade quanto a natureza do estímulo, localização, tipo e adaptação do receptor e entender o conceito de campo receptivo.
Descrever sucintamente a organização do Sistema Sensitivo Somático Geral (Somatossensorial).
 
 Sensibilidade somática geral: Protopática 
Dor, quente e frio, indentação da pele, tato e pressão grosseira (protopática).
Baco
Baco, deus da mitologia grega, filho de Semele (intra-uterino) e Júpter (intra-coxa), criou o vinho a partir da uva para tratar as dores do amante sátiro Ampelos atacado por um touro. Disse que "A partir deste instante o vinho será o remédio mais poderoso contra as dores humanas."
, Wells
Horace Wells (1815-1848), dentista americano, descobriu que o gás hilariante (óxido nitroso - N2O) eliminava a dor durante a extração dentária.
, Morton
William Morton (1819-1868), dentista americano, sócio de Wells (o do N2O), usou éter como anestésico para uma operação de tumor na mandíbula.
, Koller
Karl Koller (1857-1944), médico austríaco, introduziu a cocaína como anestésico local e curare para paralisia em cirurgias oculares. A cocaína bloqueia o impulso e o curare impede a transmissão.
, Simpson
James Simpson (1811-1870), médico escocês, pai da Anestesiologia, usou o clorofórmio (anestésico geral) para dores do parto e usado no trabalho de parto da Rainha Vitória.
, Hirsch
Antonius Hirsch (1744–1778), em 1765 descobruiu o gânglio trigeminal ou de Gasser em homenagem ao seu mestre Johann Gasser (1723-1765), anatomista vienense.
, Ruffini
Angelo Ruffini (1864-1929), anatomista italiano, descobrui as terminações nervosas sensitivas encapsuladas, especializadas para o calor, encontradas principalmente nos tecidos profundos.
, Brodmann
Korbinian Brodmann (1868-1918), histologista alemão, classificou o córtex cerebral em 52 áreas histológicas distintas. A área da Sensibilidade Protopática (giro pós-central) é a 3,1,2 de Brodmann.
, Penfield & Rasmussen.
Wilder Penfield (1891-1976) e Brown Rasmussen (1910-2002), neurocirurgiões canadenses, mapearam a área motora primária (giro pré-central) e sensitiva geral primária (giro pós-central).
Descrever os eventos fisiológicos do estímulo protopático até a resposta cortical protopática. ®

 Sensibilidade somática geral: Epicrítica e Propriocepção 
Tato epicrítico, sensibilidade vibratória, propriocepção consciente e inconsciente.
Braille,
Louis Braille (1809-1852), professor francês, criador do sistema de leitura para cegos detectado pelo Sistema Epicrítico através do receptor tônico chamado Disco de Merkel localizado na base da epiderme.
Meissner,
George Meissner (1829-1905), médico alemão, descobriu os mecanorreceptores.
Pacini,
Fillipo Pacini (1817-1883), anatomista italiano, descobriu os corpúsculos lamelados de formato ovóide, situadas nas polpas digitais.
Brown-Séquard,
Charles Brown-Séquard (1817-1894), neurologista britânico, descreveu uma Síndrome motora-sensitiva dissociativa (protopática x epicrítica) causada por hemi-secção de medula, com hemiplegia, perda epicrítica ipsilateral e perda protopática contralateral
Gowers,
William Gowers (1845-1915), neurologista inglês, descobriu o trato espinocerebelar ventral (anterior ou cruzado) que, juntamente com o posterior é parte do Sistema da Propriocepção Inconsciente do Cerebelo.
Brodmann,
Korbinian Brodmann (1868-1918), histologista alemão, descobriu a estrutura histológica do giro pós-central (áreas 3,1,2) da Sensibilidade Epicrítica e da Sensibilidade Protopática.
Penfield & Rasmussen.
Wilder Penfield (1891-1976) e Brown Rasmussen (1910-2002), neurocirurgiões canadenses, mapearam a área motora primária (giro pré-central) e sensitiva geral primária (giro pós-central).
Descrever os eventos fisiológicos do estímulo até a resposta cortical epicrítica e proprioceptiva consciente. ®
Fazer um diagrama esquemático do Sistema Somático Sensitivo Geral da Propriocepção inconsciente desde o Estímulo até a Resposta no cerebelo.
Descrever o Homúnculo sensitivo e sua relação com os potenciais evocados primários.
 Sensibilidade somática especial: Visão  ®
Plêiades,
As 7 Estrelas Plêiades, filhas de Atlas e Pleione, fazem parte da Constelação de Touro (21/04-20/05) e foram usadas para avaliar a Acuidade Visual dos candidatos à profissão de Arqueiro.
Young,
Thomas Young (1773-1829), médico e físico britânico, pai da Fisiologia óptica, demonstrou experimentalmente a Teoria ondulatória de Luz de Cristiaan Huygens (1629-1695) e que a curvatura variável do cristalino é a causa da acomodação visual.
Helmholtz,
Hermann von Helmholtz (1821-1894), médico e físico alemão, inventou o augenstegel (oftalmoscópio) usado para o estudo do fundo do olho e, portanto a origem (cabeça) do nervo óptico na papila óptica da retina nasal (ponto cego).
Michelson,
Albert Michelson (1852-1931), físico americano, além de demonstrar que a velocidade da luz é constante, desenvolveu a teoria do (inacreditável) Tomógrafo de convergência óptica capaz de fazer uma "biópsia não invasiva" das camadas da retina.
Garrod,
Archibald Garrod (1857-1936), médico inglês, descobriu que o albinismo é causado pela deficiência da enzima tirosinase ou do transportador de melanina.
*Wald,
George Wald (1906-1997), *1967, bioquímico americano, descobriu o ciclo visual de Wald estudando a função da vitamina A na síntese dos fotopigmentos da retina, i.e, a capacidade da vitamina A (total-trans retinol) de mudar sua forma espacial (isomerização).
Edinger&Westphal,
Ludwig Edinger (1855-1918) e Otto Westphal (1833-1890), médicos alemães, descobriram o núcleo eferente mesencefálico das fibras autonômicas vegetativas parassimpáticas pré-ganglionares do nervo oculomotor. O reflexo pupilar bilateral é o primeiro do protocolo de Morte Encefálica...
*Gullstrand,
Allvar Gullstrand (1862-1930), *1911, oftalmologista sueco, pai da biomicroscopia, inventou a lâmpada de fenda (biomicroscópio ocular) usada por Alfred Vogt (1879-1943), oftalmologista suíço para descobrir o "berçário" das células epiteliais da córnea no limbo córnea-esclera.
Brodmann,
Korbinian Brodmann (1868-1918), nosso conhecido histologista alemão, classificou a área de projeção visual no lobo occiptal nas bordas do sulco calcarino como área 17 de Brodmann. Se esta área for lesada a pessoa vira um cego cortical e não pode ver, já que é cego...
Caton,
Richard Caton (1842-1926), médico eletrofisiologista britânico, o primeiro a estudar, em animais, a relação entre o EEG e os potenciais evocados primários (PEP).
Alhazen,
Abu Ali Alhazen (965-1040), físico e matemático árabe, pai da Óptica, descobriu as leis da refração da luz meio século antes de Halley enuciar a Equação dos fabricantes de lentes e muito depois do Teorema de Pitágoras (570-495aC), filósofo e matemático grego.
Snellen, Halley
Edmond Halley (1656-1742), astrônomo britânico, pai do "Big data", bancou a publicação do "Principia... de Newton", criou a Equação dos fabricantes de lentes e, usando a Lei da Gravidade descobriu o padrão periódico de 76 anos do cometa Halley.
Descrever a morfologia funcional do olho destacando as grandes estruturas e a inervação.
Descrever os eventos fisiológicos do estímulo luminoso até a resposta cortical visual.

Analisar o mecanismo do Reflexo pupilar. ®
Descrever o Reflexo de acomodação visual, destacando a mudança de refração da luz pelo cristalino na visão de um objeto próximo e remoto.
Definir Acuidade visual e usar a Equação das lentes para calcular o raio (r) de uma lente em função da flecha (f) e da corda (w).
Fisiopatologia da Retina
 Sensibilidade somática especial: Audição 
Pitágoras,
Pitágoras de Samos (570-495aC), filósofo naturalista grego, estabeleceu o Teorema de Pitágoras e descobriu a Lei das cordas da Escala Musical. Para os Pitagóricos tudo pode ser representado por números, inclusive a Música.
Chladni,
Ernst Chladni (1756–1827), físico alemão, pai da Acústica, estudou a vibração e calculou que, nas CNTP, a velocidade do som nos gases é de 1.224 km/h.
Eustaquio,
Bartolomeo Eustacio (1510-1574), médico italiano, redescobriu a Trompa de Eustáquio (que estabiliza a pressão no ouvido interno) a valva cardíaca de Eustáquio presente no feto e a 'origem' do nervo óptico.
Politzer,
Ádam Politzer (1835-1920), médico húngaro, inventou o Otoscópio, descobriu a inervação do tensor do tímpano (IX PC) e do estapédio (VII PC) que são os reguladores da sensibilidade auditiva (o 1º aumenta e o 2º diminui).
Reissner,
Ernst Reissner (1824-1878), anatomista alemão, descobrui a membrana de Reissner ou membrana vestibular que separa a escala vestibular da escala coclear ou média.
Corti,
Alfonso Corti (1822-1876), anatomista italiano, descobriu o Órgão espiral de Corti na escala média (ducto coclear) que faz parte da cóclea (caracol) do ouvido interno e é onde se localizam os receptores da Audição.
*Békésy,
Georg von Békésy {bikísi} (1899-1972), *1961, biofísico húngaro, descobriu que o mecanismo da deferenciação da intnsidade ao som é a onda viajante que, quanto mais grave, mais longe ela se propaga ao longo da cóclea.
Leon,
Pedro de Leon (1520-1584), monge beneditino espanhol, primeiro professor de surdos e provou que um surdo pode ser educado.
Beethoven,
Ludwig van Beethoven (1770-1827), músico alemão, o surdo mais famoso da História. No filme "Minha Amada Imortal" o fato dele encostar o ouvido no piano indica surdez de condução, sonolência e/ou amor pelo instrumento.
*Bell Davis,
Hallowell Davis (1896-1992), fisiologista americano, pioneiro no estudo dos Potenciais Auditivos de Longa Latência, em especial da P300 (ms) ou Potencial Evocado Cognitivo (Percepção).
, Dussik.
Karl Theodore Dussik (1908-1968), médico austríaco, desenvolveu a hiperfonografia (ultrassonografia ou ecografia) cujas frequências das ondas variam de 2 a 14 MHz.
Descrever a morfologia funcional do ouvido destacando as grandes estruturas e a inervação.
Descrever a estrutura das escalas, do órgão de Corti, e das células ciliadas do ouvido interno.
Descrever os eventos fisiológicos desde o estímulo sonoro até a resposta cortical auditiva. ®
 Sensibilidade somática especial: Equilíbrio vestibular 
Anaximandro,
Anaximandro "Morcegão" de Mileto (610-546 aC), filósofo naturalista grego, acreditava que a Terra era um disco plano suspenso no Ápeiron (infinito) e na geração expontânea evolutiva.
Newton,
Isaac Newton (1643-1727), cientista inglês, pai da Mecânica Clássica, estabeleceu a Lei da gravitação universal e as 3 Leis da Mecânica. A 1ª Lei (da inércia) estabelece que: "Um corpo está em equilíbrio quando a resultante de todas as forças que atuam sobre ele é igual a zero."
Hensen,
Christian Victor Hensen (1835-1924), fisiologista alemão, descobriu o canal que liga o ducto coclear ao sáculo no ouvido interno chamado Ductus reuniens ou canal de Hensen, todos preenchido com endolinfa (rica em K+) e envoltos pela perilinfa.
Scarpa,
Antonio Scarpa (1752-1832), anatomista italiano, descobriu o gânglio vestibular (de Scarpa) onde se localizam os corpos dos 1º neurônios da parte vestibular do nervo vestíbulo-coclear (VIII PC). Na parte colcear é o gânglio espiral da cóclea.
Bárány,
Robert {báran} Bárány (1876-1936), *1914, cirurgião austríaco, teorizou que a temperatura poderia causar a movimentação da endolinfa (por convecção horizontal) dentro dos canais semicirculares, e, consequentemente, a mudança da posição das cristas ampolares e, portanto, a cinetose.
Ménière,
Prosper Ménière (1799-1862), médico francês, identificou a Síndrome de Ménière (Hidropsia endolinfática), geralmente unilateral, causada por hipertensão endolinfática no ouvido interno.
Flourens & Ewald,
Pierre Flourens (1794-1867), médico francês e Richard Ewald (1855-1921), fisiologista alemão, estabeleceram as 3 Leis dos canais semicirculares e sua relação como o nistágmo.
Lei de Flourens: Cada ducto semicircular produz um nistagmo em seu respectivo plano de ação.
1ª Lei de Ewald: A direção da componente lenta do nistagmo tem a mesma direção da corrente endolinfática.
2ª Lei de Ewald: Para os ductos laterais, a corrente endolinfática ampulípeta produz uma resposta nistágmica mais intensa do que quando o movimento da endolinfa é ampulífugo, ocorrendo o contrário para os ductos verticais.
Deiters.
Otto Deiters (1834-1863), histologista alemão, descobriu as células de sustentação (de Deiters) do Órgão de Corti e o núcleo vestibular lateral (de Deiters) de onde parte o fascílulo vestibuloespinhal lateral que facilita os músculos extensores e inibe os flexores ipsilaterais.
Descrever os eventos desde a ação de uma força de aceleração linear à sensação de equilíbrio. ®
Descrever os eventos desde a ação de uma força de aceleração angular ao equilíbrio rotacional. ®
Enunciar e interpretar as Leis de Ewald e Flourens e suas relações com o nistágmo.
 
 Sensibilidade visceral especial: Olfação 
Abel
E Jeová começou a sentir um aroma agradável. Gênesis 8:21.
, Scheele
Carl Scheele (1742-1786), farmacêutico sueco, descobrui entre outras substâncias químicas o ácido cianídrico (HCN), com odor de amêndoas amargas, que o matou e provavelmente também a 10 jogadores do Flamengo em 08/fev/2019, é, ainda hoje, usada para execução de condenados na câmara de gás.
, Grenouille
Romance sobre a história da Perfumaria, que, só no Brasil fatura uns US$ 20 bi por ano.
, Grasse
O etanol é o principal solvente dos perfumes. (latim) Per = originado de + fumum = fumaça.
Sério, eu nunca vi tanta merda de cachorro quanto naquelas ladeiras da Capital dos Perfumes.
, Kekulé
Friedrich Kekulé von Stradonitz (1829-1896), químico alemão, sonhou que os carbonos do benzeno (C6H6, a mãe das moléculas aromáticas) se dispunham num anel fechado (ciclohexatrieno) com alternância de ligações simples e duplas.
, Perkin
William Perkin (1838-1907), químico britânico, sintetizou diferentes ácidos carboxílicos aromáticos mediante um processo conhecido como a reação química de Perkin dando início à indústria da perfumaria.
, Kallmann
Franz Kallmann (1897-1965), geneticista alemão, demonstrou o caráter genético entre indivíduos com hipogonadismo hipogonadotrófico e anosmia, esta, relacionada à deficiência de GnRH porque a migração e diferenciação dos neurônios secretores de GnRH (Hormônio liberador de gonadotrofina que causa a liberação de FSH e LH) dependem da formação do bulbo olfatório.
, Følling
Ivar Følling (1888-1973), médico norueguês, descreveu em 1934 a Fenilcetonúria, um erro inato do metabolismo da Fenilalanina, na qual a urina tem cheiro de rato por causa do catabólito fenil-lactato. Os aminoácidos aromáticos são: Fenilalanina, Tirosina e Triptófano.
, *Buck & *Axel,
Linda Buck (1947-?), *2004, bióloga e Richard Axel (1946-?), *2004, médico, americanos, descobriram que os receptores moleculares da olfação pertencem a família das G-proteínas.
, Edvards.
Michael Edwards (1943-?), bioquímico britânico, autor de Fragrances of the World e da atual classificação das fragrâncias (1984).
Descrever a morfologia funcional do nariz destacando as grandes estruturas e a inervação.
Descrever os eventos fisiológicos desde o estímulo olfativo até a resposta cortical olfativa. ®
 Sensibilidade visceral especial: Gustação 
Alcméon,
Alcméon de Crotona (560-500aC), filósofo grego, pai da Embriologia e avô de Hipócrates, ensinava que a língua é o órgão da gustação, pois, sendo quente e macia juntamente com a saliva, dissolve as partículas sólidas, enquanto a porosidade e a delicadeza da sua estrutura as detecta e as transmite ao sensório, portanto, não é na lingua que se sente o gosto!.
Especiarias,
Pedro Álvares Cabral (1467-1520), navegador portugês. A rota do lucrativo comércio das especiarias (temperos; condimentos) entre a Europa e a Ásia, via cidade do Cairo, só foi bloqueada em 1517 quando o Egito foi invadido pelos trucos do poderoso Império Otomano 64 anos após tomarem Constantinopla.
Savarin,
Jean Anthelme Brillat-Savarin (1755-1826), químico, médico, advogado, músico, escritor e cozinheiro francês, autor de "Fisiologia do gosto, ou meditações de gastronomia trascendente; obra teórica, histórica e posta ao dia, dedicada aos gastrónomos parisienses por um professor, membro de diversas sociedades literárias e científicas".
Schlatter.
James Schlatter (1942-?), químico americano, sintetizou o Aspartame (adoçante) a partir de dois aminoácidos, o Aspartato (salgado) e a Fenilalanina (insípido, odor levemente adocicado), nenhum destes dois são doces.
Descrever a morfologia funcional da língua destacando as grandes estruturas e a inervação.
Descrever os eventos fisiológicos desde o estímulo gustativo até a resposta cortical gustativa. ®
 
 
 Motricidade somática e visceral 
Descrever sucintamente a organização do Sistema Motor Somático Piramidal e do Sistema alça gama.
Descrever sucintamente o Sistema Motor Somático Extra-piramidal, o regulador da alça gama.
Descrever sucintamente o Sistema Motor Visceral Geral Periférico (SNA).
 
 Motricidade somática: controle da força muscular 
Edwin,
Papiro de Edwin Smith (~1.700 aC) do Egito Antigo. Caso #33: Paciente emite sons e respira mas não sente nem movimenta o corpo = Pescoço quebrado na 2ª vértebra cervical. Fisiopatologia: Transecção total da medula espinhal entre os metâmeros C4-C5 (origem do nervo frênico: C3-C4). Tratamento: Paliativo.
*Sherrington,
Charles Sherrington (1857-1952), *1932, fisiologista britânico, criou o conceito de Via Motora Final Comum (o motoneurônio α), a "ponte" que liga a Sistema Nervoso Central ao Músculo.
*Eijkman & *Hopkins,
Christiaan Eijkman (1858-1930), *1929, médico holandês e Frederick Hopkins (1861-1947), *1929, bioquímico britânico, descobriram que o Beribéri é causado por deficiência de Tiamina (a vitamina B1 ou vitamina F), importantíssima na descarboxilação oxidativa.
Bell & Magendie,
Charles "Paralisia" Bell (1774-1842), escocês e François Magendie (1783-1855), francês, fisiologistas, descobriram a Lei do unidirecionamento sináptico (a raiz posterior é sensitiva e a raiz anterior é motora) .
Erb,
Wilhelm Erb (1840-1921), neurologista alemão, percebeu a importância dos reflexos tendinosos (profundos) e entendeu a "inteligência" da medula espinhal.
Renshaw,
Birdsey Renshaw (1911–1948), neurologista americano, descobriu a famosa Célula de Renshaw que inibe (hiperpolariza) o motoneurônio α através do neurotransmissor Glicina.
Southwick,
Alfred Southwick (1826-1898), dentista americano, inventor da cadeira elétrica (poderoso estimulante motor e sensitivo) e inaugurada em William "Fusível" Kemmler (1890) e, segundo o inventor, uma "evolução na arte da execução" (antes era o enforcamento e depois foi a guilhotina e, sempre, veneno).
Harley,
George Harley (1829–1896), médico britânico, estendeu o uso do Curare para a Eletroconvulsoterapia ainda usada em episódios de mania, depressão grave e tentativa de suicídio.
Betz.
Vladimir Betz (1834-1894), histologista russo, descobriu os neurônios gigantes piramidais do córtex motor primário (Homúnculo motor) que dão origem aos feixes córtico-nuclear e córtico-espinhal (Sistema Piramidal).
Penfield & Rasmussen.
Wilder Penfield (1891-1976) e Brown Rasmussen (1910-2002), neurocirurgiões canadenses, mapearam a área motora primária (giro pré-central) e sensitiva geral primária (giro pós-central).
Definir e discutir resumidamente a função de cada elemento da Unidade Motora Esquelética alfa. ®
Listar e descrever o mecanismo dos Reflexos momonossinápticos e polissinápticos.
Fazer um diagrama esquemático do Sistema Motor Somático desde o estímulo no Homúnculo motor até a contração muscular esquelética. ®
Descrever o Sistema Motor Somático Piramidal desde o Estímulo cortical até a Resposta dos seguintes músculos esqueléticos: 1- zigomático maior, 2- bíceps braquial e 3- quadríceps femoral.
 
 Motricidade somática: regulação do tônus muscular 
Varolius
Constantius Varolius (1543–1575), médico e anatomista italiano, nomeou a Ponte (de Varolius) do Tronco Encefálico (entre o Bulbo e o Mesencéfalo) cuja função é interligar os hemisférios cerebelares (assim como o corpo caloso interliga os hemisférios cerebrais).
, Flourens
Pierre Flourens (1794-1867), médico francês, provou que a ablação do Cerebelo (arbor vitae) não causa morte, mas a lesão do Tronco Encefálico é morte imediata.
, Monakow
Constantin von Monakow (1853-1930), neuropatologista russo, descobriu o núcleo cuneiforme bulbar (ou cuneatus da propriocepção consciente) o feixe arqueado (da repetição das palavras) e o feixe extrapiramidal rubro-espinhal (uma espécie de "assistente" do Sistema Piramidal e do Cerebelo).
, Benedikt
Moritz Benedikt (1835-1920), neurologista austro-húgaro, descreveu a Síndrome de Benedikt, umka lesão no mesencéfalo envolvendo o núcle rubro descoberto por Monakow.
, Soemmering
Samuel Soemmering (1755-1830), anatomista alemão, descobriu a Substância Negra mesencefálica, também chamada de Gânglio de Soemmering, que contém a melanina e fazem parte do sistema inibitório dopaminérgico nigro-neoestriatal (Caudado e Putamen).
, Parkinson
James Parkinson (1755-1824), cirurgião inglês, descreveu a Paralisia agitans, renomeada para Síndrome de Parkinson por Jean-Martin Charcot causada pela degeneração da Subtância Negra mesencefálica descoberta por Soemmering.
Listar os feixes extrapiramidais e discutir a regulação do Sistema Extrapiramidal.
 
 Motricidade somática: coordenação e regulação dos movimentos 
Luys
Jules Luys (1828-1898), médico francês, descobrui os corpos de Luys (núcleos subtalâmicos), cuja lesão causa a Síndrome do corpo de Luys (balismo).
, Wilson
Samuel Wilson (1878-1937), neurologista americano, diferenciou as funções do Sistema Piramidal do Sistema Extrapiramidal e descobriu a degeneração hepatolenticular (por depósito de Cobre no fígado e no núcleo Lenticular = Putâmen + Globo pálido).
, Huntington
George Huntington (1850-1916), médico americano, descreveu a Coréia de Huntington, uma "coreografia" transmitida geneticamente. Thomas Sydenham (1624-1689), já havia descrito a mesma sintomatologia na doença Dança de São Vito (Coréia de Sydenham), uma das complicações da Febre reumática.
, Fulton
John Fulton (1899-1960), neurofisiologista americano, propôs que o córtex pré-motor (área 6 de Brodmann) é a principal área de projeção eferente cortical terciária do Sistema Extra-piramidal (como ele não controla diretamente os Núcleos Extrapiramidais, é chamado de Sistema para-piramidal).
, Broca
Paul Broca [pôul brucá] (1824-1880), médico francês, encontrou uma lesão cortical comum no giro frontal inferior entre pacientes com afasia motora, onde a fala é in-pré-com-en-vel-sí!, além disto ele também propos o termo lobo límbico para as margens superiores imediatas do Tronco Encefálico.
, Wernickie
Carl Wernicke (1848-1905), médico alemão, encontrou uma lesão cortical comum entre pacientes no giro temporal superior posterior com afasia sensorial, onde a pessoa não consegue entender (sacar, compreender, Perceber) as palavras dra pripmopa LíngU2raei.
, ECT.
A relação inversa entre Epilepsia e Esquizofrenia foi explorada por Manfred Sakel (1900-1957), psiquiatra austríaco, com choque insulínico, por Ladislas von Meduna (1896–1964), neuropatologista húngaro, com metrazol e por Ugo Cerletti (1877-1963) e Lucio Bini (1908–1964) neurologista e psiquiatra italiano, com a Eletroconvulsoterapia para tratamento da Esquizofrenia.
Descrever a função do cerebelo no equilíbrio postural e na coordenação dos movimentos.
Descrever a função do gânglios da base na regulação da aplitude dos movimentos.
Descrever a função do córtex motor cerebral no controle do início dos movimentos e da linguagem.
 
 Fisiologia das Emoções, Sistema Límbico e Hipotálamo 
Pasteur,
Louis Pasteur (1822-1895), físico-químico francês, desenvolveu a vacina anti-rábica que causa edema e hemorragia cerebral principalmente no hipocampo.
Stokvis,
Barend Stokvis (1834-1902), médico holandês, descreveu a Porfiria Aguda Intermitente. O rei George III da Inglaterra sofria de Porfiria, durante as crise sentia dor abdominal, gritava e corria atrás das damas da corte.
Cannon,
Walter "Homeostase" Cannon (1871-1945), fisiologista americano, descreveu as alterações fisiológicas na dor, fome e nas reações de fuga-luta.
Vicq d’Azyr,
Felix Vicq d’Azyr [feliks vik dazir] (1748-1794), anatomista francês, autor de "Atlas de Neuroanatomia" descobriu o feixe mamilo-talâmico que faz parte do Circuito (Límbico) de Papez, a Substância Negra (locus niger) e o locus coeruleus (estresse e pânico).
Papez,
James Papez (1883–1958), anatomista americano, descobriu o Circuito neuronal de Papez, que, aparentemente, já havia sido descrito por Christofredo Jakob (1866-1956), psiquiatra argentino, é parte do "Cérebro visceral".
MacLean,
Paul MacLean (1913-2007), médico americano, criou o conceito de Sistema Límbico e a Teoria do cérebro trino. O Cérebro Reptiliano, o Cérebro dos Mamíferos Inferiores (Cérebro visceral?) e o Cérebro Racional.
Lindsley,
Ogden Lindsley (1922-2004), psicólogo americano, percebeu na importância do Sistema Reticulado Ativador Ascendente (SARA) do Tronco Encefálico na fisiologia das Emoções.
Gage,
Phineas Gage, (1823-1860) operário americano, se acidentou com uma barra de ferro que lhe atravessou a área pré-frontal cortical, e que, pela foto foi provávelmente no hemisfério não-dominante (no caso o direito, já que ele aparentemente é destro).
*Hess & *Moniz
Walter Hess (1881-1973), *1949, fisiologista suíço e António Moniz (1874-1955), *1949, médico português, desenvolveram a angiografia cerebral e a técnica da lobotomia pré-frontal transorbital.
Klüver & Bucy.
Heinrich Klüver (1897-1979), psicólogo alemão e Paul Bucy (1904-1992) neurocirurgião americano, realizaram a cirurgia de lobectomia temporal de maior impacto no comportamento.
Identificar as principais estruturas do Sistema Límbico e citar suas repectivas funções. ®
Identificar os principais núcleos hipotalâmicos e citar suas repectivas funções. ®
 
 Motricidade visceral geral: Sistema Nervoso Autônomo (SNP e SNS) 
Langley,
John Langley (1852-1925), fisiologista britânico, propôs o termo Sistema Nervoso Autônomo, identificou os neurônios pré e pós-ganglionares e criou o conceito de Substâncias receptivas (Receptores químicos).
Schutz,
Hugo Schutz (1859-1923), médico alemão, descobriu o Fascículo longitudinal dorsal se origina no Hipotálamo e controla os motoneurônios pré-ganglionares autonômicos, tanto parassimpáticos (crânio-sacral) quanto os simpáticos (tóraco-lombar).
Weber & Weber,
Ernst Weber (1795-1878) e Eduard Weber (1806-1871), irmãos e médicos alemães, demonstraram a ação inibitória do nervo vago (X PC) no coração.
*Loewi,
Otto Loewi {otu lêvi} (1873-1961), *1936, farmacêutico alemão, pai da Neurociência, descobriu o neurotransmissor Vagusstoffe = material do vago (Neurotransmissor Acetilcolina).
Nathansohn & Lederer,
David Nathansohn (1899-1983), cientista alemão e Edgar Lederer (1908-1988), bioquímico francês, em 1939 purificaram a Enzima Acetilcolinesterase (acetilcolina esterase ou AChE) da arraia Torpedo, que, assim como o peixe Poraquê geram corrente elétrica de centenas de Volts.
von Bezold,
Albert von Bezold (1836-1868), fisiologista alemão, descobriu os nervos cardioacelaradores simpáticos e criou o modelo de isquemia cardíaca e de um belo corte de cabelo.
Cannon,
Walter Cannon (1871-1945), fisiologista americano, autor do "Princípio da Homeostase" descobriu o neurotransmissor Simpatina (Noradrenalina ou Norepinefrina) e descreveu as alterações fisiológicas na "Reação de Fuga ou Luta".
Oliver & Schafer,
George Oliver (1841-1915) e Edward Schafer (1850-1935), médicos ingleses, descobriram os efeitos hipertensores da medula das adrenais.
Takamine.
Jokichi Takamine (1854-1922) bioquímico japonês, o primeiro a isolar e purificar o hormônio Adrenalina e ficou rico vendendo este hormônio na porta das UTIs.
Fisiologia geral do Sistema Nervoso Autônomo.
Discutir os efeitos da ativação Parassimpática. ®
Discutir os efeitos da ativação Simpática. ®
Discutir as funções do hormônio Adrenalina. ®
 
 Sinápses químicas autonômicas 
Ahlquist,
Raymond Ahlquist (1914-1983), framacêutico americano, usando fármacos consegui diferenciar dois tipos de receptores adrenérgicos, os receptores adrenérgicos alfa e beta.
*Dale.
Henry Dale (1865-1968), *1936, médico britânico, identificou a ACh, que ela é o neurotransmissor pré-ganglionar e que o receptor é colinérgico do tipo nicotínico neural.
Caracterizar as sinápses pré-ganglionares colinérgicas nicotínicas tipo n (neural).
Caracterizar as sinápses pós-ganglionares colinérgicas muscarínicas (M1 a M5) e as adrenérgicas α e β.
Explicar por que as seguintes substâncias e métodos são proibidas no esporte olímpico.
 
 

 
 EEG, Ciclo sono-vigília e Epilepsia 
Akhenaton
Akhenaton (1364-1347), faraó egipcio, sofria do "Mal Sagrado" quando teve a visão do deus Aton, o deus Sol e substituto de Amon, causando com isto, a maior e mais violenta reforma religiosa do Egito Antigo.
, Berger
Hans Berger (1873-1941), neurologista e psiquiatra alemão, pai da Eletroencefalografia, usando um galvanômetro detectou e registrou a eletricidade no couro cabeludo.
, von Economo
Constantin von Economo (1876-1931), neurologiasta romeno, classificou histológicamente o córtex cerebral e descreveu a Encefalite letárgica ou Doença européia do Sono, não confunda com a Doença africana do Sono.
, Magoun&Moruzzi
Horace Magoun (1907-1991), neurocientista americano e Giuseppe Moruzzi (1910-1986), neurofisiologista italiano, foram os primeiros a investigar os componentes regulatórios do encéfalo nos mecanismo do sono e vigília.
, Mollaret&Goulon
Em 1959, Pierre Mollaret (1898-1987) e Maurice Goulon (1876-1961), neurologistas franceses, estabeleceram o conceito de Morte cerebral "Le coma dépassé", definida por Cristopher Pallis (1923-2005) como uma "decaptação fisiológica", o que permitiu um grande avanço no transplante de órgão únicos, isto, 150 anos depois de Flourens... À propósito a atividade cerebral começa na 19 semama de gestação.
, *Axelrod&*Katz&*von Euler.
Julius Axelrod (1912-2004), bioquímico americano, *1970, Bernard Katz (1911-2003) *1970, e Ulf von Euler (1905-1983), *1970, biólogo sueco, elucidaram os mecanismos que regulam a formação do hormônio noradrenalina no encéfalo.
, *Hall&*Rosbash&*Young
Jeffrey Hall (1945-?), Michael Rosbash (1944-?) e Michael Young (1949-?), biólogos americanos, *2017, elucidaram o mecanismo do gene “period” na síntese da proteína PER que se acumula nas células durante a noite e se degrada durante o dia.
Discutir as bases fisiológicas do EEG.
Descrever as características do Ciclo Sono-Vigília.
Definir, classificar e discutir Epilepsia.
 
 Funções psíquicas, Exame mental e Neurotrasmissores 
Anaxágoras
Anaxágoras de Clazômenas (500-428aC), filósofo naturalista grego, mostrou a limitação da percepção visual dissolvendo gradualmente líquídos de cores diferentes.
Demócrito
Demócrito de Abdera (460-370aC), filósofo naturalista grego, autor da Teoria Atômica grega, ensinava que as côres, sabores, odores, ruídos e propriedades tácteis não são propriedades intrínseas dos corpos e sim, efeitos dos corpos sobre nossos sentidos.
, Gage
Phineas Gage, (1823-1860) operário americano, se acidentou com uma barra de ferro que lhe atravessou a área pré-frontal cortical, e que, pela foto foi provávelmente no hemisfério não-dominante (no caso o direito, já que ele aparentemente é destro).
, *Pavlov
Ivan Petrovich Pavlov (1849-1936), *1904, fisiologista russo, descobriu os reflexos condicionados (condicionamento do comportamento) e, portanto, as bases da memória não-genética.
, Freud
Sigmund Freud (1856-1939), médico austríaco, pai da Psicanálise, achava que os sonhos eram manifestações do inconsciente e que pela análise deles se chegaria a fonte da ansiedade.
, *Hess & *Moniz
Walter Hess (1881-1973), *1949, fisiologista suíço e António Moniz (1874-1955), *1949, médico português, desenvolveram a angiografia cerebral e a técnica da lobotomia pré-frontal transorbital.
, Scoville
William Scoville (1906-1984), neurocirurgião americano, realizou a primeira lobotomia parcial bitemporal em Henry Molaison (1926-2008), paciente epiléptico americano, resultando em cura da epilepsia e amnésia anterógrada permanente.
, *Sperry*Hubel*Wiesel
Roger Sperry (1913-1994), *1981, fisiologista americano, David Hubel (1926-?), *1981, biólogo canadense e Torsten Wiesel (1924-?), *1981, biólogo sueco, descobriram que o córtex visual se organizam em colunas verticais, cada uma com três tipos de neurônios que, por sua vez, recebem diferentes tipos de informação.
, Hoffman&Phelps
Edward Hoffman (1942-2004), médico e Michael Phelps (1939-?), biofísico, americanos, criaram o PET scan (Positron Emission Tomography).
, Folstein
Marshall Folstein (1941-?), médico americano, desenvolveu o mini teste cognitivo de Folstein para triagem de demência.
, Damásio.
António Damásio (1944-?), neurologista português, encontrou uma lesão cortical comum no lobo pré-frontal dominante entre pacientes com distúrbios na tomada de decisões.
Listar e definir cada uma das 8 funções psíquicas globais do Sistema Nervoso.
Analisar a função psíquica Consciência e Orientação e exemplificar com alguns distúrbios.
Definir a função límbica Afetividade e resumir as principais Teorias das Emoções.
Analisar a função psíquica do Pensamento e exemplificar com alguns sintomas.
Discutir os mecanismos da Memória, Aprendizagem e Inteligência.
Descrever as principais áreas corticais da Linguagem e exemplificar com alguns distúrbios.
Diferenciar entre os conceitos de Epecialização e Dominância.
Listar, classificar e resumir as funções dos Neurotransmissores.
Todos os objetivos

        4- Sistema Circulatório... Débito Cardíaco. Retorno Venoso. Volume. Pressão. Resistência. Fluxo sanguíneo microcirculatório.

 Fisiologia Geral do Sistema Circulatório  ®
Fluxo sanguíneo local HIPEREMIA na área irrigada.
Fluxo sanguíneo local ISQUEMIA na área irrigada.
Zumbi, desenvolva o seguinte caso: 55 anos, masculino, leva a mão ao peito, oscila e cai... o pulso carotídeo... os achados da necropsia mortraram que as artérias coronárias... miocárdio esquerdo esbranquiçado, compatível com um...
Flourens, por que normalmente a parede do capilar não explode? E se explodir?
Singer & Nicolson, qual o comprimento máximo do pescoço (long neck) necessária e suficiente para manter a perfusão contínua no TE em posição ortostática (em pé)?
Cabeção, por que o que é bom para a circulação sistêmica é ruim para o coração e vice-versa?
Hales, ajude seus colegas corrigindo as 12 bobagens mais frequentes: 1- Segundo Harvey a função do Sistema Circulatório é de circular o Sangue, portanto, uma obstrução parcial (isquemia) não causa nenhum problema já que o Sangue continuará circulando. 2- Flourens mostrou que o Tronco Encefálico é essencial à vida e, portanto, uma lesão na artéria basilar (originada das carótidas) é fatal. 3- A parede arterial é espessa por causa da grande pressão interna. Se a pressão capilar aumentar ele explode. 4- A ruptura das cordoalhas tendinosas da valva aórtica pode causar alterações hemodinâmicas. 5- Se a pressão sanguínea diminui, então o fluxo sanguíneo também diminui. 6- Na hipertensão arterial tanto o fluxo coronariano quanto o sistêmico aumentam. 7- Se a pressão atrial é maior que a ventricular e esta é maior que a arterial então o coração está em na fase de Sístole. 8- Durante uma hemorragia a tanto o hematócrito quanto a volemia diminuem. 9- O Pulso é um sinal vital e a ausência de pulso é incompatível com a vida. 10- As células P do nodo S-A são neurônios diferenciados que fazem parte do sistema de condução elétrico cardíaco. 11- A função do Sistema Circulatório é levar oxigênio e remover o gás carbônico das células. 12- O último batimento cardíaco expulsa o sangue das artérias.
Valsalva,
Antonio Valsalva (1666-1723), médico italiano, criou a manobra de Valsalva: um bloqueio do Retorno Venoso que causa uma Insuficiência Cardíaca (diminuição relativa ou absoluta do Débito Cardíaco) secundária.
Empédocles,
Empédocles "Bomba Respiratória" de Agrigento (492-432aC), filósofo naturalista grego, mostrou que o ar invisível ocupa espaço e exerce pressão e propôs que durante a respiração o ar empurra o sangue das veias para baixo e para cima e, por isso, se vc parar de respirar o sangue pára e vc morre... foi contestado por Flourens 2.500 anos depois.
Herófilo,
Herófilo da Calcedônia (335-280aC), médico grego, pai da Anatomia e da Doutrina do Pulso, contou a frequência de Pulso Arterial usando uma Clepsidra. Deixou em aberto: 1º- a origem do pulso (Células P), 2º- em magros pode-se palpar o pulso na aorta abdominal, 3º- por que uma massagem no seio carotídeo (Hering) pode causar síncope e 4º- como uma pessoa pode viver sem pulso (Takayasu).
Erasístrato,
Erasístrato de Chio (310-250aC), filósofo naturalista grego, pai da Fisiologia, ensinava que o ar inspirado chegava às artérias através de poros invisíveis do septo interventricular, foi imediatamente contestado pelos borracheiros que as seccionaram dentro d'água e mostraram que não havia borbulhamento!
Harvey,
William Harvey (1578-1657), médico britânico, pai da MBE, encontrou evidências que o sangue circula entre o coração, artérias, poros invisíveis (microcirculação!) e veias. Portanto, segundo o "descobridor da circulação", o Sistema Circulatório tem a função de circular o sangue.
Malpighi,
Marcello Malpighi (1628-1694), médico italiano, pai da Histologia, usando o microscópio inventado em 1590?, por Zacharias Janssen (1580-1638) descobriu a camada espinhosa na pele, as papilas linguais, o corpúsculo no baço, as pirâmides e o corpúsculo renal (de Malpighi) e, estudando a circulação pulmonar, concluiu, sozinho, que os capilares são os poros invisíveis de Harvey .
Torricelli,
Evangelista Torricelli (1608-1647), físico italiano, inventor do barômetro de Hg (gelágua!), que, ao nível do mar é de 760 mmHg de altura... e tudo por causa de um poço de 11 m de profundidade! (1 mmHg=1,36 cmH2O). A Pressão Arterial Sitêmica é 120/80 mmHg de altura ACIMA da pressão local.
Hales,
Stephen Hales (1677-1761), reverendo e fisiologista britânico, mediu diretamente a PAS numa égua deitada cuja coluna de sangue variou entre (inacreditáveis) 258 e 312 cm de altura (Pressão de Pulso = 40 mmHg), recebeu várias honrarias e foi esquecido... mas não por *Korotkoff que a mediu indiretamente!
Flourens,
Pierre Flourens {flúran} (1794-1867), médico francês e patrono espiritual dos Suicidas, demonstrou que a remoção do Tronco Encefálico causa morte imediata, para irritação de Empédocles. Morreu sem saber que os principais centros de regulação da Homeostase e o SARA (motor elétrico do cérebro) se localizam no TE e que o conceito de Morte mudaria a partir de 1959... por causa dos transplantes de órgãos ímpares.
Bernard,
Claude Bernard (1813-1878), médico francês, pai da Fisiologia, criou o conceito de Meio Interno (mar interno ou milieu intérieur), atualmente chamado de Líquido Intersticial, e, no futuro, Citosfera (Biofase da Biodisponibilidade na Farmacologia), isto, um século depois de Robert Hooke criar o conceito de célula.
Cannon,
Walter "#praqueserve?" Cannon (1871-1945), fisiologista americano, criou o Princípio da Homeostase (estabilidade do Meio Interno) cujo operadores são os Reflexos e resolveu um antigo problema: Heráclito dizia "Tudo flui" e Parmênides dizia "Nada muda". Estabilidade = Equilíbrio dinâmico. Cannon é a-do-ra-do porque para qualquer pergunta em Fisiologia a resposta é: "P'ra manter a Homeostase."
Barnard,
Christiaan "Heat Heart" Barnard (1922-2001), cirurgião sul-africano, em 1967 realizou o primeiro transplante de coração em humanos. Desconsiderando a ação da #nomedohormônio? Adrenalina, um coração desnervado consegue bombear até 3x o normal (inervado chega a 5x).
Gibbon,
John Gibbon (1903-1973), cirurgião americano, em 1953 inventou a máquina Coração-Pulmão, um Sistema cuja função é manter um fluxo de sangue com uma concentração adequada de gases respiratórios (CO2 e O2) na microcirculação, ou seja, realizar a função do Sistema Circulatório E do Sistema Respiratório.
TPR-PA
T (temperatura), de um total de 1,5 kcal/min (100 W) consumidas, 0,15 (10 W) é consumida pelo coração, e, 80% (8 W) é transformada em Calor, este "desperdício" foi vital para o funcionamento enzimático nos primórdios dos animais homeotérmicos. Normalmente é regulada pelo tônus muscular.
P (pulso), é o resultado das variações (indesejáveis) de pressão dentro de um vaso distensível, causada pelo enchimento/esvaziamento parcial de sangue e sua "origem" é o nodo SA.
PA (pressão sanguínea arterial), mas, o que importa é a diferença de Pressão (a-v) necessária para vencer a Resistência e MANTER UM FLUXO ADEQUADO DE SANGUE NA MICROCIRCULAÇÃO, senão, é hiperemia ou isquemia, que, pode causar necrose coagulativa (Infarto do miocárdio, um tecido pobre em lipídeos).
Descrever a organização anátomo-funcional do Sistema Circulatório e explicar como ele contribui para a manutenção da Homeostase. ®
Cite as "n" patologias que dão suporte a este modelo!

Descrever a anatomia funcional do coração externa e interna.
Compreender a função das valvas cardíacas e suas relações com o Ciclo Cardíaco.
Explicar como nos 3 tipos de circulação o sangue mais oxigenado é o que irriga a cabeça.
 

 As propriedades mecânicas do coração (bulhas)  ®
Num vaso distensível se a pressão externa for maior que a interna o vaso colaba e o sangue pára, mas, nas coronárias transmurais é a pressão externa (maior durante a contração) quem gera a pressão interna (menor). Clique no botão
*Hodgkin & *Katz & Goodman, finalmente, se gasta ATP p'ra relaxar ou p'ra contrair?
Cabeção, numa competição entre 2 suicidas, um se injetou KCl e o outro CaCl2... bulhas hipofonéticas... infelizmente houve uma troca na medicação e... na necropsia o coração do... estava dilatado e do outro...
Nightingale, o quê poderia acontecer se se injetasse "suco" de coração com miocardiopatia hipertrófica primária na veia de uma pessoa não-atleta? Numa competição esportiva ela poderia ser acusada de dopping? E se fosse injetado ATP?
Harvey, que relação existe entre uma ventriculectomia parcial e uma cirurgia bariátrica?
Brodmann, explique a diferença entre "Até um certo limite, à medida que o tamanho do músculo aumenta, a tensão no músculo também aumenta" e "Até um certo limite, à medida que o tamanho do músculo aumenta, a tensão pelo músculo também aumenta". À propósito o tensiômetro mede tensão ou pressão?
*Sherington, se a cardiopatia reumática é causada pela reação auto-imune cruzada então seria de se esperar que toda endocadite expusesse o antígeno sub-endocárdico, né?
Laennec,
René Laennec [rôenê laenec] (1781-1826), médico e carpinteiro francês, inventor do estetoscópio e autor de De l'Auscultation Médiate (Ausculta indireta).
Withering,
William Withering (1741-1799), médico britânico, pai dos Ensaios Clínicos, relacionou o uso da Digitalis "dedaleira" purpúrea, origem da Digitoxina (Exposição) na ICC (Doença) com o aumento da diurese e a diminuição da hidropsia = edema (Desfecho).
Frank & Starling,
A Lei Frank-Starling explica a auto-regulação do Débito Cardíaco (coração desnervado).
Otto Frank (1865-1944), médico alemão e Ernest Starling (1866-1927), fisiologista britânico, descobriram a relação comprimento-tensão muscular, confundiram Withering, abriram caminho para um agradecido Barnard, para o futuro da Cirurgia bariátrica e para o brasileiro Randas Batista (1995).
*Forssmann & *Richards Jr & *Cournand,
Werner Forssmann (1904-1979), médico alemão, Dickinson Richards Jr. (1895-1973) e André Cournand (1895-1988), fisiologistas americanos, desenvolveram o método do cateterismo cardíaco e da coronariografia e, só por isso, ganharam o Prêmio *Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1956.
Guyton,
Arthur Guyton (1919-2003), médico e fisiologista americano, desenvolveu o método de medida da Pessão de Enchimento Sistêmico ~7 mmHg (de Suplência Circulatória, Circulatória Média, de um Morto "en passant") e das famosas Curvas de trabalho "volume-pressão" cardíaco, que tem uma Eficiência Mecânica de apenas 20%.
Trabalho externo total (28,9 cal/min) / Energia consumida (144,4 cal/min) = 20%
Fallot.
Arthur Fallot (1850-1911), médico francês, professor de Mediciana Legal, descreveu as características de uma das dezenas de cardiopatias congênitas cianóticas, a famosa Tetralogia de Fallot.
Descrever o mecanismo de contração e relaxamento da fibra muscular cardíaca (Lei de Frank-Starling).
Descrever a singularidade do fluxo sanguíneo coronariano. ®
Infarto é necrose (morte de parte de um organismo vivo) por isquemia, portanto, não existe Infarto coronariano sim, Isquemia coronariana.

Descrever as características dos sopros da estenose e da regurgitação das valvas cardíacas.
 

 As propriedades elétricas do coração (Eletrocardiograma) 
Bernard, 7 anos, sofreu tontura e síncope há 2 horas... a valva mitral apresenta espessamento nas cúspides... a diferença de pressão átrio-ventricular E estava...
Bernard, por que a onda T tem a voltagem menor que o complexo QRS?
Guyton, se a onda de repolarização atrial P' ocorre durante o complexo QRS, então um retardo deste complexo deveria expor a P', né? Qual dos dois nervos vagos deveria ser estimulado para se conseguir este retardo?
Reymond,
Emil du Bois-Reymond (1818-1896), fisiologista alemão, pai da Eletrofisiologia, descobriu a corrente elétrica (fluxos de íons) do potencial de ação propagado. A publicação de "Pesquisas Sobre a Eletricidade Animal" foi iniciada em 1848 e terminada 36 anos depois.
von Kölliker,
Albert Kent (1863-1958), fisiologista inglês, em 1893 descobrui o fascículo atrioventricular ou feixe de His.
*Nernst, Kent,
Albert Kent (1863-1958), fisiologista inglês, em 1893 descobrui o fascículo atrioventricular ou feixe de His.
, His,
Wilhelm His Jr. (1863–1934), cardiologista suíço, descobriu o feixe de His (feixe átrioventricular), e identificou o "heart block" como a causa da Síndrome de Stokes-Adams. #Wilhelm His (1831-1904), anatomista (não matemático) suíço, descobriu do ângulo de His e inventou o micrótomo (1866).
*Einthoven.
Willem Einthoven (1860-1927), *1926, médico holandês, 1º- inventou o exame Eletrocardiográfico (ECG), que começa com a onda P que se inicia com a despolarização das células P cardíacas de Keith e Flack, 2º- confundiu todo mundo em relação ao verdadeiro início do ciclo.
Purkinje,
Johannes Purkinje {iana porkina} (1787-1869), médico checo, inventou o micrótomo, descobriu as fibras de Purkinje (a rede de distribuição de condutibilidade elétrica ventricular), as glândulas sudoríparas, as células de Purkinje (cerebelares) e estudou as pós-imagens visuais e criou o termo "protoplasma = citoplasma".
Wiggers.
Carl Wiggers (1883-1963), médico e fisiologista americano, autor da famosa hashtag #nacardiosomostodoswiggers e do diagrama de Wiggers do Ciclo Cardíaco.
Com CERTEZA este gráfico vc vai desenhar este gráfico na 2ª chamada e na 2ª, 3ª, 4ª... época.
Descrever as fases do potencial de ação não-automático e identificar onde ocorre o influxo de Ca+2. ®
Lembre-se que o gradiente químico depende da razão das concentrações iônicas (Eq. de Nernst) e a Voltagem (gradiente elétrico) é a diferença de potencial transmembrana (Eq. de Hodgkin, Katz e Goodman)

Definir e interpretar as ondas, segmentos e intervalos do ECG nas derivações frontais.
Explicar a função do Sistema de condução elétrico do coração e fazer um diagrama da sequência temporal da onda de despolarização e da repolarização.
Determinar a frequência, ritmo e o eixo elétrico a partir do ECG.
 

 Hemodinâmica e Microcirculação  ®
Insuficiência Vascular da Artéria Carótida Interna Direita
Paciente JK, sexo masculino, 54 anos, diabético, tabagista, sedentário, obeso, estressado e hipertenso, procurou o serviço de um Hospital com queixa de perda da visão há 30 minutos. Foi examinado pelo oftalmologista que encontrou no exame de fundo de olho uma palidez discreta e imagens de “arteríola em fio de cobre
Sinal patognomônico de
Hipertensão Arterial Crônica
”, sem outras alterações que justificassem a deficiência visual, o outro olho também se achava comprometido, porém com coloração normal. Ao final do exame começou apresentar parestesia no membro superior esquerdo e referiu que a visão já estava normal. Nega qualquer outro sintoma, sendo encaminhado para emergência, lá chegando 2h após do início dos sintomas, referia que continuava com parestesia no membro superior esquerdo, mas que já estava passando. Ao exame físico de admissão na emergência, o paciente estava consciente, orientado, TPR normais e PA = 130/89 mmHg, pupilas normais, sopro na região da bifurcação da carótida
US Doppler: Curva espectral da carótida interna direita com velocidade de pico sistólico maior que 400 cm/s.
e sem déficit neurológico. Solicitado TC de crânio, a imagem não mostrou nenhuma alteração digna de nota e ao final do exame (3h de evolução), o paciente estava assintomático. A Angiotomografia e a US
Complexo médio-intimal (Arteriosclerose) espessado no bulbo (seio) carotídeo variando de 0,09 a 0,13 cm, com placa heterogênea com espessura máxima de 0,22 cm. (Lesão só da íntima = Aterosclerose; Lesão só da média = Esclerose média.
foram positiva.
®
Poiseuille
Jean-Louis-Marie Poiseuille (1797-1869), o "médico-físico" francês, pai da Biofísica, criou o hemodinamômetro e a Lei de Poiseuille, 1 século depois desenvolveu a técnica de medida de Hales. A equação de Hagen-Poiseuille descreve um fluxo incompressível de baixa viscosidade através de um tubo de seção transversal circular constante e com fluxo laminar.
, Castelli
Benedetto Castelli (1577-1644), físico italiano e professor de Torricelli, estabeleceu a Equação da continuidade: "Em uma corrente líquida estacionária em um conduto, as velocidades são inversamente proporcionais às secções transversais do conduto". *Equação Pós Newton (1643-1727).
, Bernoulli
Daniel Bernoulli (1700-1782), matemático holandês, pai da Biofísica, desenvolveu o teorema que explica a fase da Protodiástole do Ciclo Cardíaco. Simplificando, a Energia total = Energia potencial + Energia cinética ('do embalo'), esta, desprezível em fluxos de baixa velocidade, que não é o caso da crossa da aorta.
, Reynold
Osborne Reynolds (1842-1912), físico britânico, estabeleceu o relacionamento numérico entre os fatores que determinam o tipo de fluxo laminar (Rey < 2.000) ou fluxo turbulento (Rey > 4.000). Este número é adimensional.
, *Korotkoff
Nikolai Korotkoff (1874-1920), *1924, médico russo, criou o método de medida indireta da PA associando o esfigmomanômetro de Riva-Rocci, o estetoscópio de Laennec e o fluxo turbulento de Reynolds. O British Medical Journal publicou que, com o uso do esfigmomanômetro, "nós (médicos) empobrecemos nossa sensibilidade e enfraquecemos nossa perspicácia clínica". (citação não encontrada!)
, Starling
Ernest Starling (1866-1927), nosso conhecido fisiologista inglês (da Lei de Frank-Starling), descobriu os fatores que determinam o fluxo transmural resultante na microcirculação e, com isso estabeleceu as bases do estudo da Inflamação. A resultante filtrante positiva explica o extravazamento de apenas 1,5 litros de plasma/dia (linfa) através da parede do capilar e, portanto, insuficiente para manter a Homeostase. A prova do laço é uma avaliação da resistência da parede capilar.
, Celso
Cornélio Celso (25aC-50dC), médico romano, descreveu a síndrome (sinais e sintomas) flogística (do grego phlogios = ígneo) da inflamação (tumor, calor, rubor e dor), e alteração da função adicionada posteriormente por Rudolf Virchow (1821-1902), médico polonês e pai da Patologia.
, *Bovet
Daniel Bovet (1907-1992), *1957, farmacêutico e fisiologista italiano, sintetizou vários fármacos incluindo a galamina (substituto do curare) e o primeiro anti-histamínico capaz de bloquear a vasodilatação causada pelo mediador inflamatório histamina liberada pelos mastócitos via receptores IgE, ("E" de pápula Eritematosa) no processo alérgico e no choque anafilático.
, Jenner
Edward Jenner (1749-1823), médico britânico, pai da Imunologia, descobriu a vacinação ao perceber que quem tem varíola bovina está imune à humana. A varíola é o protótipo das Dermatopatias bolhosas.
, Yersin
Alexandre Yersin (1863-1943), bacteriologista suíço, descobridor do bacilo (bactérias em forma de bastonetes) da Peste (Yersinia pestis), produtor de citocinas vasodilatadoras inflamatórias e causador de necrose dos gânglios linfáticos que, com estas "qualidades" matou a metade da população da Europa na pandemia de peste bubônica na Idade Média.
, *Bergström & *Samuelsson & *Vane
June Bergström (1916-2004), *1982, Bengt Samuelsson (1934-?), *1982, bioquímicos suecos, John Vane (1927-2004), *1982, farmacêutico britânico, explicaram o mecanismo de ação das prostaglandinas no aumento da permeabilidade capilar.
, Piot
Peter Piot (1948-?), microbiologista belga, co-descobridor do vírus Ebola (dos 5 tipos o mais virulento é o Zaire) cujo alvo é a célula endotelial com consequente lesão da microcirculação e hemorragia cutânea, mucosa e visceral. Funciona como se dissolvesse a microcirculação....
Relacionar Volume, Pressão, Capacitância, Resistência e Fluxo. ®
"Se pode sangrar pode morrer." O Predador (1987).

Enunciar a Lei de Poiseuille do Fluxo sanguíneo = ΔPressão/Resistência onde a Resistência = 8μl/∏r4. ®
Enunciar a Equação de Reynolds: Rey = ρvd/μ e compreender sua importância na medida da PA.
Listar as forças de Starling que agem na microcirculação e predizer as consequências de alterações nas pressões e nas resistências pré e pós-capilar. ®

 
 Regulação do Sistema Circulatório  ®
Fluxo sanguíneo (mL/min) = ΔPressão a-v/Resistência vascular (Lei de Poiseuille)
Volume (mL), Pressão (mmHg), Velolcidade (cm/min)
Capacitância ou tolerância (mL/mmHg) e Resitência ou dificuldade (mmHg*min/mL)
Tigerstedt & Bergmann,
Robert Tigerstedt (1853-1923), fisiologista e Per Bergmann, estudante de medicina, filandezes, em 1898 descobriram a Enzima renina produzida pelo aparelho justaglomerular renal.
Guyton,
Arthur Guyton (1919-2003), médico e fisiologista americano, desenvolveu o método de medida da Pessão de Enchimento Sistêmico ~7 mmHg (de Suplência Circulatória, Circulatória Média, de um Morto "en passant") e das famosas Curvas de trabalho "volume-pressão" cardíaco, que tem uma Eficiência Mecânica de apenas 20%.
Trabalho externo total (28,9 cal/min) / Energia consumida (144,4 cal/min) = 20%
Cannon,
Walter "#praqueserve?" Cannon (1871-1945), fisiologista americano. Resposta: "Para manter a Homeostase" (o milieu intérieur de Claude Bernard). Certo, mas quem são os operadores? Os reflexos de retroalimentação negativa.
Bertalanffy,
Ludwig Bertalanffy (1901-1972), biólogo austríaco, percebeu que os Sistemas Vivos são abertos e desenvolveu a Teoria Geral dos Sistemas, uma combinação de Biologia, Teoria da Informação, Cibernética e Termodinâmica. À propósito, Sistema (fisiológico) é um conjunto de elementos em interação cuja função é... manter a Homeostase. Isto também é a definição de retroalimentação negativa!
Gibbon,
John Gibbon (1903-1973), cirurgião americano, em 1953 inventou a máquina Coração-Pulmão, um Sistema cuja função é manter um fluxo de sangue com uma concentração adequada de gases respiratórios (CO2 e O2) na microcirculação, ou seja, realizar a função do Sistema Circulatório E do Sistema Respiratório.
Goldblatt,
Harry Goldblatt (1891-1977), patologista americano, desenvolveu um modelo experimental de hipertensão arterial renovascular em 1934 que possibilitou a descoberta do Sistema Renina-Angiotensina-Aldosterona (SRAA) "Tradução do russo: Opções de simulação hipertensão renovascular".
Hering.
Heinrich Hering (1866-1948), médico alemão, descobriu o nervo aferente depressor carotídeo (de Hering), ramo do IX PC, que inervam os seios carotídeos e fazem parte do Sistema Reflexo Baroreceptor. Suas últimas e enigmáticas palavras foram "se vc clampear simultânea??? acima E abaixo ??? receptores, o fluxo para mas a ? do Reflexo não ?! (risos)", 2.000 anos depois de Herófilo.
Enunciar a Lei de Frank-Starling e compreender a importância da Pressão Atrial Direita no equilíbrio entre o Débito Cardíaco X Retorno Venoso.
Explicar o mecanismo de Regulação da Pressão Arterial Sistêmica a curto prazo (Sistema Reflexo Baroceptor).
Explicar o mecanismo de Regulação da Pressão Arterial Sistêmica a longo prazo (SRAA). ®
Explicar os mecanismos de fatores neuro-hormonais-farmacológicos que regulam o DC e o RV.
 
 Sangue 
Galeno,
Galeno de Pérgamo (129-199), “Príncipe dos Médicos” greco-romano, ensinava que o fígado produz o sangue a partir dos alimentos, que, após ser aspirado pelo coração é esfriado e purificado pelo ar da artéria pulmonar, este sangue puro e enviado ao cérebro via cava superior. O sangue impuro da cava inferior é conduzido aos outros órgãos onde se transforma em carne.
Hipócrates,
Hipócrates (460-370aC), filósofo grego, acreditava que o sangue era um dos 4 tipos de humores da vida.
"Se pode sangrar, pode morrer." fala de Arnold Schwarzenegger em 'O Predador'.
Denis,
Jean-Baptiste Denis (1643-1704), médico francês do rei Luis XIV, fez a primeira transfusão de sangue de um cordeiro dócil (sem vícios ou paixões) para tratar a agressividade de um doente mental que morreu na 3º transfusão.
Blundell,
James Blundell (1791-1878), obstetra inglês, realizou em 1818, o primeiro "transplante" de sangue do marido para uma mulher com hemorragia pós-parto.
*Carrel,
Alexis Carrel (1873-1944), *1912, médico francês, pai da Cirurgia Vascular Experimental, desenvolveu a técnica de ligação dos vasos do receptor aos do doador possibilitando as transfusões de sangue antes da descoberta dos anticoagulantes.
*Landsteiner,
Karl Landsteiner (1868-1943), *1930, imunologista austríaco, descobriu os grupos sanguíneos e o fator Rh, o que possibilitou a compatibilidade doador/receptor nas transfusões. Em 1907, Reuben Ottenber realizou a primeira transfusão precedida de provas de compatibilidade, quase 1 século depois da de Blundell.
*Fischer,
Hans Fischer (1881-1945), *1930, químico alemão, descreveu as etapas da síntese dos núcleos pirrólicos da hemoglobina, dos pigmentos biliares, clorofila e elucidou a fisiopatologia das Porfirias.
*Perutz & *Kendrew,
Max Perutz (1914-2002), biólogo austríaco e John Kendrew (1917-1997), químico britânico, *1962, descobriram a estrutura funcional de proteínas globulares como a hemoglobina.
Carnot,
Paul Carnot (1869-1957), médico francês, descobriu a Hemopoietina, hoje Eritropoietina (EPO), um hormônio glicoprotéico secretado pelo córtex renal que estimula a mitose e a diferenciação celular das progenitoras das hemácias, os eritróides.
Armstrong.
Lance Armstrong (1971-?), ciclista americano, em 2012 foi desclassificado e expulso da União Ciclística Internacional pelo uso de eritropoetina (EPO).
Billroth.
Christian Billroth (1829-1894), cirurgião austríaco, descobriu os cordões de Billroth disposição da polpa vermelha no baço.
Descrever a composição do Sangue, Plasma, Linfa e Soro.
Descrever a origem e a função dos diferentes tipos de elementos figurados do sangue.
Descrever o metabolismo do ferro (absorção intestinal, transporte e função na eritropoiese). ®
Descrever o metabolismo da hemoglobina e a função da eritropoetina na regulação da eritropoiese.
Discutir o sequestro das hemácias (RBC) pelo baço e pelo sistema reticuloendotelial, a formação e excreção de bilirrubina e as causas da icterícia.

 
 Hemorragia x HEMOSTASIA x Trombose 
Virchow,
Rudolf Virchow (1821-1902), médico polonês, pai da Patologia, descobriu o mecanismo da Trombose (formação de trombos arterial branco com predominância de plaquetas e venosos vermelhos com predominância de hemácias) resumida na Tríade de Virchow.
Davie & Ratnoff,
Earl Davie (1927-?), bioquímico e Oscar Ratnoff (1916-2008), médico, americanos, descobriram em 1964 a cascata da coagulação sanguínea.
Washington,
George Washington (1732-1799), 1º presidente dos EUA, morreu após uma sangria de 1,2 L para tratar uma infecção de garganta. A sangria, como tratamento, tem pouquíssimas indicações. Na doação (450 mL ou 8mL/kg) o sangue é tipado, estocado ou processado em muitos outros derivados.
Sanguessuga,
Sanguessuga (Hirudo medicinalis, produtor hirudina, um anticoagulante e da enzima glucuronidase, destrói o ácido hialurônico do tecido conjuntivo) e a Sangria foram métodos entusiásticamente usados para todo tipo de tratamento até a morte de Joseph Stálin (1878-1953), ditador russo. Cortando-se a cauda, ele suga até a morte.
Cauterização,
Cauterização é um processo antigo para estancar uma hemorragia rápida e definitivamente, usava-se ferro em brasa, metal derretido ou óleo fervente. Atuamente usa-se o bisturi-LASER.
Gamaliel,
Shimon ben Gamaliel (10aC-70dC), rabino Doutor da Lei (Torah), proibiu a circuncisão em um menino porque os filhos de suas irmãs sangraram até a morte após a cirurgia e virou uma lei no Talmud.
Lange,
Johannes Lange (1485-1565), médico alemão, descreveu a "Clorose" como uma doença das virgens adolescentes magras, esverdeadas, dispnéicas e hipermenorréicas prescrevendo a gravidez como tratamento.
Willebrand,
Carl Henrik Dam (1895-1976), *1943, dinamarquês e Edward Doisy (1893-1986), *1943, americano, bioquímicos, descobriram as funções da Vitamina K na síntese hepática dos fatores da coagulação II, VII, IX e X, que podem ser avaliados pelo Tempo de protrombina (TAP; TP)
*Dam & *Doisy,
Carl Henrik Dam (1895-1976), *1943, dinamarquês e Edward Doisy (1893-1986), *1943, americano, bioquímicos, descobriram as funções da Vitamina K na síntese hepática dos fatores da coagulação II, VII, IX e X, que podem ser avaliados pelo Tempo de protrombina (TAP; TP)
Hustin & Agote.
Albert Hustin (1882-1967), belga e Luis Agote (1868-1954), argentino, médicos, descobriram (1914) independentemente a ação anticoagulante do Citrato de Sódio (quelante de Ca+2) que possibilitou o armazenamento de sangue líquido e a transfusão indireta.
Discutir os mecanismos da etapa da Hemostasia primária. ®
Descrever o mecanismo da Hemostasia secundária (coagulação) e explicar os mecanimos da Via extrínseca, da Via intrínseca e da Via final comum da coagulação. ®
Discutir as características dos fatores vitamina K-dependente e explicar como eles são ativados na superfície plaquetária. ®
Descrever a via extrínseca de coagulação e do papel do fator tecidual, da via intrínseca da ativação por contato e da via final comum da coagulação. ®
Descrever a via da fibrinólise (lise do coágulo) e suas formas de ativação.
 
 Fisiopatologia do Sistema Circulatório - forma aguda 
Bernard,
Claude Bernard (1813-1878), médico francês, pai da Fisiologia, criou o conceito de Meio Interno (mar interno ou milieu intérieur), atualmente chamado de Líquido Intersticial, e, no futuro, Citosfera (Biofase da Biodisponibilidade na Farmacologia), isto, um século depois de Robert Hooke criar o conceito de célula.
Cannon,
Walter "#praqueserve?" Cannon (1871-1945), fisiologista americano, criou o Princípio da Homeostase (estabilidade do Meio Interno) cujo operadores são os Reflexos e resolveu um antigo problema: Heráclito dizia "Tudo flui" e Parmênides dizia "Nada muda". Estabilidade = Equilíbrio dinâmico. Cannon é a-do-ra-do porque para qualquer pergunta em Fisiologia a resposta é: "P'ra manter a Homeostase."
Barnard.
Christiaan "Heat Heart" Barnard (1922-2001), cirurgião sul-africano, em 1967 realizou o primeiro transplante de coração em humanos. Desconsiderando a ação da #nomedohormônio? Adrenalina, um coração desnervado consegue bombear até 3x o normal (inervado chega a 5x).
Listar os testes autonômicos cardiovasculares utilizados na avaliação do paciente com distúrbios no Sistema Circulatório.
Exemplificar algumas das Fisiopatologias do Sistema Circulatório.
Fazer um diagrama da Insuficiência Cardíaca Esquerda, da Insuficiência Cardíaca Direita e do Choque hemorrágico.
Discutir a composição da solução cardioplégica usada no transporte para um Transplante cardíaco.
Todos os objetivos...

        5- Sistema Respiratório... Espirometria. Ventilação pulmonar. Hematose. Transporte de gases. Regulação da respiração.
 Fisiologia Geral do Sistema Respiratório 
A maioria dos objetivos de aprendizagem em cinza foram transferidos para o S5 no módulo de PNEUMOLOGIA E CIRURGIA TORÁCICA.
Hipócrates,
Na "Teoria dos Humores" de Hipócrates-Galeno parte do Ar inspirado atravessa poros invisíveis do septo interventricular cardíaco e se distribui por todo o corpo através das Artérias, outra parte, após esfriar e purificava o sangue era expirada e o sangue seguia pela na veia cava superior em direção ao cérebro. Isto foi aceito com Verdade durante 1.500 anos!
Ibn al-Nafis,
Ibn al-Nafis (1213-1288), médico árabe, descobriu a circulação pulmonar publicado no Ocidente 300 anos depois por Michael Servetus. A prova é injetar corante na artéria pulmonar e demostrar a presença deste nas veias pulmonares, como os Espeleologistas fazem para estudar o curso de rios subterrâneos... e Harvey também poderia ter feito!
Hooke,
Robert "Ugly" Hooke (1635-1703), cientista inglês, criou o conceito de Célula e mostrou que numa esternotomia a parede torácica se expande e os pulmões colabam, mas, ainda assim é possível manter a Respiração (com um fole conectado à traquéia) mesmo SEM os movimentos torácicos respiratórios (TPR-PA).
Flourens,
Pierre Flourens {flúran} (1794-1867), médico francês e patrono espiritual dos Suicidas, demonstrou que a remoção do Tronco Encefálico causa morte imediata, para irritação de Empédocles. Morreu sem saber que os principais centros de regulação da Homeostase e o SARA (motor elétrico do cérebro) se localizam no TE e que o conceito de Morte mudaria a partir de 1959... por causa dos transplantes de órgãos ímpares.
Drinker,
Philip Drinker (1894-1972), médico americano, desenvolveu a aplicação da pressão negativa extratorácica (patenteada por Alfred F. Jones em 1864) e criou o "Pulmão de aço" usado largamente na epidemia de polio bulbar em 1952.
Gibbon,
John Gibbon (1903-1973), cirurgião americano, em 1953 inventou a máquina Coração-Pulmão, um Sistema capaz de manter um fluxo de sangue com concentrações de gases respiratórios (CO2 e O2) adequado na microcirculação.
Hardy.
James Hardy (1918-2003), cirurgião americano, realizou o primeiro transplante de pulmão em seres humanos (1967).
Descrever a organização anátomo-funcional do Sistema Respiratório e listar suas funções na manutenção da Homeostase.
Explicar o método da espirometria, listar os volumes e capacidades pulmonares.
Esquematizar o fluxo sanguíneo pulmonar a partir do VD e até o AE e a particularidade do fluxo das Artérias brônquicas retornarem para o AE.
 Ventilação pulmonar 
Empédocles,
Empédocles "Bomba Respiratória" de Agrigento (492-432aC), filósofo naturalista grego, mostrou que o ar invisível ocupa espaço e exerce pressão e propôs que durante a respiração o ar empurra o sangue das veias para baixo e para cima e, por isso, se vc parar de respirar o sangue pára e vc morre... foi contestado por Flourens 2.500 anos depois.
Torricelli,
Evangelista Torricelli (1608-1647), físico italiano e discípulo de Castelli, inventou o barômetro (aparelho que mede a Pressão Atmosférica) mostrando que nós vivemos no fundo de um oceano de ar.
Post-scriptum: A superfície superior do disco voador é coberta por um repelente de matéria.
Mayow,
John Mayow (1641–1679), fisiologista inglês, sugeriu que a função da Respiração é extrair do ar inspirado o Espírito nitro-aéreo, isto é, "partículas específicas de sustentação da vida".
Laplace.
Pierre Laplace (1749-1827), matemático, astrônomo e físico francês, descobriu a relação entre tensão, pressão e raio. Prática: Aneurismas, Stents...
Analisar o mecanismo da Bomba Respiratória na geração da diferença de pressão gasosa necessária à manutenção do Volume Minuto Respiratório.
Enunciar a Lei de Laplace, definir ácino pulmonar e explicar como eles se mantêm expandidos.
Descrever os componentes da surfactante pulmonar e explicar sua importância na estabilidade do volume alveolar.
Descrever a distribuição da resistência das vias aéreas e os fatores que contribuem para isso, incluindo a compressão dinâmica das vias aéreas.
 HEMATOSE: Ventilação alveolar 
Asclepíades,
Asclepíades de Prusa (124-40 aC), médico grego, o primeiro a realizar uma traqueostomia em seres humanos.
Souza.
Laís Souza, atleta olímpica brasileira, em 18/jan/2013 deslocou a 2ª vértebra cervical e estava agendada uma implantação de marcapasso nos nervos frênicos ou no diafragma, mas, felizmente isto não foi necessário...
Definir a função e descrever graficamente o CICLO RESPIRATÓRIO.
Descrever o conceito de Espaço morto fisiológico e sua importância na ventilação alveolar.
Descrever quantitativamente o efeito da ventilação sobre a PCO2 de acordo com a equação da ventilação alveolar.
 HEMATOSE: Difusão alvéolo-capilar 
Black
Joseph Black (1728-1799), físico e químico escocês, descreveu como os carbonatos (substâncias com íon carbonato CO3-2) se tornam mais alcalinos quando perdem o "ar fixo" (CO2).
, Scheele & Priestley
Carl Scheele (1572-1634), farmacêutico sueco e Joseph Priestley (1733-1804), filósofo britânico, descobriram independentemente que o óxido de mercúrio calcinado (aquecido, queimado) liberava "ar de fogo" que mantinha a chama de uma vela encarcerada numa campânula.
, Fick.
Pierre Laplace (1749-1827), matemático, astrônomo e físico francês, descobriu a relação entre tensão, pressão e raio. Prática: Aneurismas, Stents...
Enunciar a Lei de difusão de Fick e interpretar sua importância na difusão alvéolo-capilar.
Nomear os fatores que afetam o transporte de um gás entre o alvéolo e o sangue capilar pulmonar.
 HEMATOSE: Perfusão pulmonar 
Ibn al-Nafis,
Ibn al-Nafis (1213-1288), médico árabe, descobriu a circulação pulmonar publicado no Ocidente 300 anos depois por Michael Servetus. Ele não gostou nem um pouco de substituirem a palavra Circulação (in vivo) por Perfusão (in vitro).
Starling,
Ernest Starling (1866-1927), nosso conhecido fisiologista inglês (da Lei de Frank-Starling), descobriu os fatores que determinam o fluxo transmural resultante na microcirculação e, com isso estabeleceu as bases do estudo da Inflamação.
Hughes,
Mike Hughes (1936-?), médico britânico, definiu as zonas pulmonares de West.
*Krogh,
Schack Krogh (1874-1949), médico e zoólogo dinamarquês, descobriu a fisiologia dos capilares pulmonares.
Swan e Ganz.
Jeremy Swan (1922-2005), irlandês e William Ganz (1919-2009), médicos eslovacos, inventaram o cateter de Swan-Ganz.
Identificar as diferenças entre a circulação pulmonar e a circulação sistêmica e listar as forças de Starling que agem na microcirculação pulmonar.
Descrever as diferenças regionais no fluxo sanguíneo pulmonar na posição vertical. Definir as zonas pulmonares de West em relação à pressão extra-intra vascular pulmonar.
Descrever a microcirculação pulmonar e como é possível medir as pressões na circulação pulmonar.
Diferenciar as Circulações sistêmica e pulmonar em relação a pressões, resistência ao fluxo sanguíneo e a resposta à hipóxia.
Descrever a relação ventilação-perfusão pulmonar na posição ortostática e explicar porquê é importante que esta relação seja próxima de 1.

 Transporte de gases respiratórios (O2 e CO2) no sangue 
Lower,
Richard Lower (1631-1691), médico inglês, observou que, em contato com o ar, o sangue venoso vermelho escuro fica vermelho brilhante e relacionou esta mudança à Respiração Pulmonar.
Lavoisier,
Antoine Lavoisier (1743-1794), químico francês, pai da Química, mostrou que o Oxigênio do ar inspirado (pneuma de Hipócrates, Espírito nitro-aéreo de Mayow) era essencial para a vida.
Fick.
Adolf Fick (1829-1901), fisiologista alemão, em 1855 estabeleceu a Lei da difusão simples de substâncias não-carregadas elétricamente (moléculas). #Adolf Fick (1852-1937), oftalmologista alemão, inventor do tonômetro (da pressão intraocular).
Compreender a importância da Capacidade Residual Funcional na interface do capilar com a atmosfera.
Listar as formas de transporte do O2, descrever a combinação química do O2 com a hemoglobina e citar os fatores que deslocam a curva de dissociação da hemoglobina.
Listar as formas de transporte do CO2, o respectivo porcentual e identificar cada uma das 3 formas de transporte de CO2 quimicamente combinado.
Descrever suncintamente o consumo de O2 e a produção de CO2, intracelular.

 Regulação da Respiração Pulmonar 
Hering & Breuer,
Heinrich Hering (1866-1948), médico alemão e Josef Breuer (1842-1925), médico austríaco e precursor da Psicanálise, descobriram o Reflexo Neuronal de Insuflação e Desinsuflação da Respiração.
*Heymans.
Corneille Heymans (1892-1968), fisiologista belga, *1938, descobriu a localização dos órgãos periféricos (corpos aórticos e carotídeos) onde se localiza o receptor de Oxigênio do Sistema de Regulação da Respiração Pulmonar.
Compreender os mecanismos pelos quais o Sistema Respiratório regula a pressão parcial de CO2, de O2 e o pH arterial.
Descrever as respostas do Sistema Respiratório ao Exercício Físico.
Desenhar um espirograma resultante de um esforço expiratório máximo. Rotular a capacidade vital forçada (CVF), o fluxo expiratório forçado (FEVs) e o fluxo expiratório máximo entre 25-75% da CVF (FEF25-75%).

 Equilíbrio Acido-Básico 
O Equilíbrio Acido-Básico foi transferido para o S6, módulo de NEFROLOGIA E UROLOGIA.
Representar gráficamente os principais tipos de respiração patológica e os efeitos de transsecções no Tronco Encefálico.
Todos os objetivos...

        6- Sistema Urinário... Volumes e compartimentos. Funções intrínsecas. Funções extrínsecas. Micção.
 Fisiologia Geral do Sistema Urinário 
Modelo grego,
Modelo grego, da síntese da urina pela bexiga e a purificação do sangue e sua relação com doenças hepáticas.
Urinoterapia,
O poema hindu "Shivambu" descreve como a urina (água de Shiva) trata doenças, rejuvenesce, dá poderes, etc. No Egito antigo se urinava nas feridas para evitar a infecção, em marinheiros elas cicatrizam rápidamente.
Actuarius,
Johannes Actuarius (1275-1328), médico turco, primeiro uroscopista a propor o exame de urina em recipientes de vidro graduado.
Pinder,
Ulrich Pinder (1489?-1519?), médico alemão, autor da ilustração Epiphanie Medicorum em 1506 ou "Manifestações Clínicas" baseado na cor da urina.
Malpighi,
Marcello Malpighi (1628-1694), médico italiano, pai da Histologia, usando o microscópio inventado em 1590?, por Zacharias Janssen (1580-1638) descobriu a camada espinhosa na pele, as papilas linguais, o corpúsculo no baço, as pirâmides e o corpúsculo renal (de Malpighi) e, estudando a circulação pulmonar, concluiu, sozinho, que os capilares são os poros invisíveis de Harvey .
Henle,
Jakob Henle (1809-1885), médico alemão, publicou o primeiro tratado de Histologia descobriu que as alça dos os néfrons justa-medulares desciam até a papila e subiam até o córtex renal e, postiormente homenageado com a denominação de "alça de Henle" para um segmento do néfron.
Bellini,
Lorenzo Bellini (1643-1704), anatomista italiano, descobrui os túbulos coletores renais.
*Murray.
Joseph Murray (1919-2012), *1991, cirurgião americano, realizou, em 1954, o primeiro transplante renal com êxito (entre gêmeos univitelinos). 20 anos antes, Yuriy Voronoy (1895-1961), cirurgião ucraniano, tinha feito o primeiro transplante renal, mas a paciente morreu 2 dias depois.
Cushny,
Arthur Cushny (1866-1926), fisiologista e famacologista escocês, estabeleceu a Equação de Cushny: DU = RFG + RST - RRT, estudou também o mecanismo da fibrilação cardíaca.
Kolff.
Willem Kolff (1911-2009), médico holandez, inventou o Rim artificial mas com a limitação do acesso aos vasos sangíneos chamadas de "marcas da crucificação".
Descrever a organização anátomo-funcional do Sistema Urinário e listar suas funções na manutenção da Homeostase.
Esquematizar o fluxo sanguíneo renal e identificar as estruturas do néfron.
Descrever as vias urinárias, o mecanismo da micção e a constituição da urina.
 Filtração glomerular 
Bowman
Definir os conceitos de carga filtrada, taxa de excreção e clearance renal. Calcular o RFG (mL/min) usando o clearance plasmático da inulina.
Saber os efeitos de mudanças nas resistências vascular pré e pós-glomerular no fluxo sanguíneo renal (FSR) e no ritmo de filtração glomerular (RFG).
 Reabsorção e secreção tubular 
Descrever a mecanismo de funcionamento dos diferentes segmentos do néfron na reabsorção e secreção da carga filtrada de glicose e água.
Explicar o significado funcional da polarização da distribuição de várias proteínas de transporte ao apical ou basolateral da membrana celular.
Desenhar um gráfico de concentração palsmática X excreção urinária, creatinina, ácido para-aminohipurato (HAP), glicose e penicilina.
Descrever a regulação da reabsorção/secreção de Na+ e K+ ao longo do néfron, incluindo os efeitos da ativação simpática, da angiotensina II, da aldosterona e do peptídeo natriurético atrial.
 Mecanismo de concentração e acidificação urinária 
Thompson,
Henry Thompson (1820-1904), cirurgião britânico, fez uma urolitíase em Napoleão III, imperador da França, não o Bonaparte (Napoleão I).
*Krebs.
Hans Krebs (1900-1981), médico, biólogo e químico alemão, descobriu o Ciclo da uréia e o Ciclo de Krebs.
Identificar a localização tubular e o mecanismo celular pelo qual o hormônio Anti-Durético (ADH) aumenta a permeabilidade a água e uréia. Descrever o papel destas alterações sobre a capacidade do rim de produzir urina concentrada ou diluída.
Relacionar o catabolismo protéico e a função da uréia no mecanismo de concentração urinária.
Descrever o mecanismo de acidificação urinária.
Fazer um diagrama da Fisiologia Renal que explique a Insuficiência Renal Aguda.
 Volumes e compartimentos do organismo 
Descrever os compartimentos do organismo e citar suas principais características.
Dado o peso corporal, calcular o 1) volume total água, 2) volume sanguíneo, 3) plasmático, 4) extracelular e 5) intracelular.
Identificar as principais rotas e valores normais para o ganho e perda de água e prever como o desequilíbrio afeta a distribuição da água corporal total.
Prever as mudanças no volume e na osmolalidade extracelular e intracelular causada pela infusão de três litros de H2O, uma solução de NaCl a 0,45%, de NaCl a 0,9% (soro fisiológico), de NaCl a 7,5% e de uma solução de lactato de Ringer.
Identificar a faixa normal do volume plasmático, sua osmolaridade e concentrações de Na+, K+, Cl-, HCO-3, proteínas, creatinina, uréia e diferenciá-los dos do volume intracelular.
 Regulação da Pressão Arterial e SRAA 
Descrever a função do sistema renina-angiotensina-aldosterona na regulação do equilíbrio de Na+ e da Pressão Arterial Sistêmica.
 Regulação do Equilíbrio Hidro-Eletrolítico 
Identificar a faixa normal de ingestão dietética de Ca+2 e fosfato, os principais locais de armazenamento e as principais vias de excreção. Descrever o regulação da concentração plasmática de Ca+2 e de fosfato pela calcitonina e pelo hormônio da paratireóide.
Listar a quantidade de ingestão de K+ e as principais rotas de perda de K+. Definir a função do K+ extracelular na manutenção da excitabilidade nervosa e muscular.
 Equilíbrio Ácido-Básico 
Brønsted e Lowry,
Johannes Brønsted (1879-1947), dinamarquês e Thomas Lowry (1874-1936), britânico, físico-químicos, criaram o conceito de Ácidos e Bases.
Guldberg e Waage,
Cato Guldberg (1836-1902) e Peter Waage (1833-1900), químicos noruegueses, estabeleceram a Lei de ação das massas.
*Cori e *Cori.
Carl Cori (1896-1984), bioquímico americano e Gerty Cori (1896-1957), bioquímica americana, descobriram o Ciclo de Cori.
Definir e explicar a importância do pH sanguíneo e descrever o mecanismo de ação dos sistemas tampões intra e extracelulares na mantenção o pH.
Analisar o numerador e o denominador da Equação do Equilíbrio Ácido-Básico.
Descrever o processo de compensação no pH plasmático nos desequilíbrios ácido-básico.
Todos os objetivos...

        7- Sistema Digestivo... Ingestão de alimentos. Absorção de água e nutrientes. Fome. Sede. Deglutição. Defecação.
 Fisiologia Geral do Sistema Digestivo 
Catão,
Marco Catão (234-149), militar romano, indignado com a helenização repudiou a Theriaca de Galeno e elegeu o repolho como Panacéia.
Lieberkühn,
Johann Lieberkühn (1711-1756), médico alemão, descreveu as criptas abaixo da superfície da camada interna intestinal, em oposição às vilosidades.
Kussmaul,
Adolph Kussmaul (1822-1902), médico alemão, convenceu um engolidor de espadas a inserir um tubo de 47x1,3 cm para visualizar o estômago.
Bozzini,
Philipp Bozzini (1773-1809), médico alemão, pai da Endoscopia, inventou o Lichtleiter (instrumento de orientação da luz).
Hemorróidas.
Método para de tratamento da Hemorróida na Idade Média: Cauterização.
Descrever a organização anátomo-funcional do Sistema Digestivo e listar suas funções na manutenção da Homeostase.
Descrever a composição química do adulto e sua necessidades dietéticas básicas.
Descrever a fluxo sanguíneo do Sistema Digestivo do Tronco celíaco ao Átrio direito.
 Motilidade 
Billroth,
Theodor Billroth (1829-1894), cirurgião alemão, fez a primeira cirurgia de remoção do estômago (grastectomia) e era adversário do uso da Estatística.
Meissner,
Georg Meissner (1829-1905), fisiologista alemão, descobriu o plexo submucoso do intestinoe , os corpúsculos sensitivas especializadas da pele.
Auerbach,
Leopold Auerbach (1828-1897), neuropatologista alemão, descreveu o plexo simpático mioentérico.
McBurney,
Charles McBurney (1845-1913), cirurgião americano, descobriu um sinal de Apendicite entre o umbigo e a espinha ilíaca ântero-superior.
Lane.
"Willie" Arbuthnot-Lane (1856-1943), cirurgião britânico, recomendava a limpeza e lubrificação do cólon com 1/2 litro de creme pelo menos 1 vez por semana.
Descrever e caracterizar os tipos funcionais do músculo liso e explicar o papel das junções fechadas.
Descrever tipos de atividade elétrica da fibra muscular lisa, incluindo os potenciais de ação, os potenciais de ondas lentas e ritmo elétrico básico.
Explicar as etapas do acoplamento excitação elétrica-contração muscular na fibra muscular lisa.
Diferenciar peristalse primária, secundária e movimentos de mistura. Explicar seus mecanismos de formação.
Descreva a origem e as consequências do alto tônus basal no esfíncter esofagiano superior (UES) e no esfíncter esofagiano inferior (LES).
Descrever as funções motoras do estômago.
Comparar com a atividade motora do intestino delgado com a do intestino grosso.
 Secreção 
Snow.
John Snow (1813-1858), médico inglês, pai da Epidemiologia, relacionou o uso da água de um poço com a Cólera (o vibrião foi descoberto por *Robert Koch). Em nome do "Socorros aos esforços da Natureza" o tratamento era ministrar laxantes para incrementar a diarréia! e, com sisto a mortalidade passau de 40% para 70%.
Discutir a função epitelial do Sistema Digestivo (absorção, secreção, função parácrina e endócrina).
Descrever o mecanismo de geração e secreção de H+ gástrico, incluindo o papel do K+, Cl-, HCO3-, anidrase carbônica, H +/K+ ATPase e Na+/K+ ATPase.
Descrever os efeitos dos ácidos, gorduras e de soluções de alta osmolaridade do duodeno na secreção gástrica e descrever os mecanismos pelos quais estes efeitos regulam a secreção gástrica.
 Digestão e Absorção 
Anaxágoras,
Anaxágoras de Clazômenas (500-428aC), filósofo grego, acreditava que a Digestão decompunha os alimentos que eram recompostos em músculos, ossos, etc. A doutrina de Demócrito (460-370aC), postulava que "O Universo é constituído por átomos e vácuo".
Spallanzani,
Lazzaro Spallanzani (1729-1799), fisiologista italiano, estudou a digestão engolindo pacotes de alimento e depois os estudava após vomitá-los.
Beaumon,
William Beaumont (1785-1853), cirurgião americano, estudou a digestão estomacal de Alexis St. Martin através de um orifício na parede abdominal. Segundo Beaumont, os vegetais são os alimentos mais difícies de digerir no estômago.
Aselli,
Gasparo Aselli (1581-1626), médico e anatomista italiano, descobriu que em cães, os vasos linfáticos (que ele confundiu com veias) mesentéricos ficavam leitosos após a alimentação.
Langerhans,
Paul Langerhans (1847-1888), patologista alemão, descobrui as ilhotas pancreáticas secretoras de insulina.
Wirsung,
Johann Wirsung (1600-1643), médico italiano, descobruiu o ducto pancreático principal.
Schultz,
Stanley Schultz (1932-2014), eletrofisiologista americano, pioneiro da terapêutica de rehidratação oral, desenvolveu o modelo de absorção intestinal de glicose e estudou os efeitos da toxina da cólera.
Ussing.
Hans Ussing (1911-2000), fisiologista dinamarquês, inventou a câmara de Ussing para estudar fluxo iônico transepitelial.
Listar as enzimas digestivas, descrever o local onde elas atuam e respectivas funções.
Descrever a função da CCK na excreção de bile da vesícula biliar, incluindo seus efeitos sobre o esfíncter de Oddi.
Discutir a função pancreática exócrina, a produção de zimógenos, as diferentes enzimas pancreáticas e sua ativação a partir de precursores inativos.
Descrever o papel dos microvilos da borda em escova e das junções fechadas no ritmo de absorção de água, glicose e eletrólitos.
Descrever a hidrólise de polissacarídeos, proteínas, triglicérides, DNA e RNA, levando à produção de aminoácidos, ácidos nucléicos, monossacarídeos e ácidos graxos.
 Fisiologia do Fígado 
Prometeu,
Prometeu, mito do grego Ésquilo. Crime: robou o fogo do Olimpo e entregou ao Homem. Castigo: condenado por Zeus a ser acorrentado num rochedo e ter seu fígado regenerado contínuamente e devorado intermitentemente por uma águia.
Glisson,,
Francis Glisson (1597-1677), médico inglês, descreveu a cápsula fibrosa do fígado e o ducto cístico.
Vater,
Abraham Vater (1684-1751), anatomista alemão, descobriu ampola hepatopancreática e também a papila duodenal maior.
Oddi,
Ruggero Oddi (1864-1913), fisiologista italiano, descobrui o esfíncter da ampola hepatopancreática.
Starzl.
Thomas Starzl (1926-2017), cirurgião americano, pai do transplante de fígado, em 1963 realizou o primeiro transplante de fígado em um ser humano e autor da (excelente) autobiografia "The Puzzel People", traduzida pelo Prof. Joacílio da Cirurgia.
Analisar a circulação êntero-hepática.
Discutir as funções do fígado na manutenção da Homeostase.
Listar como a água, íons, sais biliares, bilirrubina e componentes da bile são secretados pelo fígado e explicar a modificação de bile armazenada na vesícula biliar.
Estabelecer as diferença entre ácidos biliares e sais biliares primários e secundários.
Identificar o papel da secretina e da CCK na produção e excreção hepática da bile.
Fazer um diagrama da Fisiologia Hepática que explique a Insuficiência Hepática Fulminante.
  Regulação do Sistema Digestivo 
Discutir as fases e mecanismos da deglutição.
Discutir o controle neuro-hormonal das fases da digestão.
Descrever as 4 tipos de estímulos no lumem duodenal que desencadeiam os reflexos enterogástricos.
Descrever o mecanismo da defecação e da diarréia. ?$
Descrever as funções do Sistema Digestivo em relação ao Equíbrio hidro-eletrolítico, carboidratos, proteínas e lipídeos.
Todos os objetivos...

        8- Sistema Endócrino e Reprodutor... Hormônios. Metabolismo. Espermatogênese. Ciclo menstrual.
 Fisiologia Geral do Sistema Endócrino 
Cushing,
Harvey Cushing (1869-1939), neurocirurgião americano, descreveu os distúrbios endócrinos das células basófilas hipófisárias.
*Fischer e *Krebs,
Edmond Fischer (1920-?) bioquímico sueco e Edwin Krebs (1918-2009), bioquímico americano, descreveram o funcionamento da fosforilação reversível como ativador/desativador de proteínas e regulador de vários processos celulares.
*Gilman e *Rodbell.
Alfred Gilman (1941-?) e Martin Rodbell (1925-1988), bioquímicos americanos, descobriram a função das proteínas G e de seu papel na ativação dos receptores na membrana.
Descrever a organização anátomo-funcional do Sistema Endócrino e listar suas funções na manutenção da Homeostase.
Caracterizar os 3 principais mecanismos de transdução de sinal transmembrana por ativação de receptores da superfície celular e fornecer exemplos específicos.
Diferenciar entre a localização do receptor e as vias de sinalização de peptídios e hormônios esteróides. Para os receptores hormonais de peptídios, descrever o processo de ativação, desativação, up-regulação, down-regulação, sensibilização e dessensibilização.
Explicar os efeitos da secreção, excreção, degradação e volume de distribuição na concentração de um hormônio no plasma sanguíneo.
Compreender a natureza e as ações locais dos seguintes fatores de crescimento: fator de crescimento epidérmico, fator de crescimento neural, do fator derivado de crescimento plaquetário, e fator angiogênico e antiangiogênico.
 Eixo hipotálamo-hipofisário 
*Houssay,
Bernardo Houssay (1887-1971), fisiologista argentino, descobriu os efeitos dos hormônios hipofisários na regulação da glicemia.
*Guillemin, *Schally e *Yalow.
Roger Guillemin (1924-?), endocrinologista francês, Andrzej Schally (1926-?), endocrinologista polonês e Rosalyn Yalow (1921-2011), física nuclear americana, descobriram os hormônios hipotalâmicos (peptídios cerebrais).
Identificar os fatores hipotalâmicos que controlam a secreção de cada um dos hormônios da glândula adeno-hipófise.
Explicar a importância da secreção hormonal hipotalâmica pulsátil e diurna.
 Tireóide 
Basedow e Graves,
Karl Basedow (1799-1854), alemão e Robert Graves (1796-1853), irlandês, médicos que descreveram o bócio difuso tóxico.
*Kocher,
Emil Kocher (1841-1917), fisiologista alemão, estudou a fisiologia, patologia e cirurgia da tiróide.
Hashimoto,
Hakaru Hashimoto (1881-1934), médico japonês, descreveu uma reação inflamatória auto-imune na Tireóide, causando hipotiteoidismo agudo.
*Kendall.
Edward Kendall (1886-1973), bioquímico americano, isolou a tiroxina da tireóide.
Identificar as etapas na biossíntese, armazenamento e secreção de tri-iodotironina (T3) e tiroxina (T4) e sua regulação.
Descrever fatores que regulam a biossíntese, armazenamento e secreção de tri-iodotironina (T3) e tiroxina (T4) e sua regulação.
Definir a taxa metabólica basal e sua relação com os hormônios tireoidianos.
 Paratireóides 
Listar os órgãos-alvo do hormônio da paratireóide e descrever os seus efeitos.
Descrever as funções dos osteoblastos e os osteoclastos na remodelação óssea e do fatores que regulam as suas atividades.
Identificar as fontes de vitamina D e fazer um esquema da via biossintética e os órgãos envolvidos na transformação na atividade biológica do 1,25(OH2)D3.
 Pâncreas endócrino 
*Banting e *Macleod,
Frederick Banting (1891-1941), médico canadense e John Macleod (1876-1935), médico britânico, mostraram que a Insulina é secretada no pâncreas pelas ilhotas de Langerhans. Só depois de 1977, a Insulina foi produzida por bactérias modificadas, antes era obtida de porcos.
Kelley e Lillehei.
William Kelley (1925-2005) e Richard Lillehei (1927-1981), cirurgiões americanos, fizeram o primeiro tranplante de pâncreas em 1966.
Descrever como o hormônio insulina é secretada do pâncreas e como ela regula a glicemia.
Descrever a relação entre a secreção do hormônio do crescimento e os fatores de crescimento insulina-símile na regulação do crescimento.
Descrever como o hormônio glucagon é secretado e como é ele regula a glicemia.
 Fígado e metabolismo 
*Bloch e *Lynen,
Konrad Bloch (1912-2000) e Feodor Lynen (1911-1979), bioquímicos alemães, descobriram o mecanismo de síntese do colesterol.
*Brown e *Goldstein.
Michael Brown (1941-?), geneticista e químico e Joseph Goldstein (1940-?) geneticista molecular, americanos, elucidaram o metabolismo do colesterol no organismo.
Descrever o mecanismo da síntese e metabolismo do colesterol.
 Córtex das supra-renais  ®
Addison,
Thomas Addison (1793-1860), médico inglês, descreveu a Insuficiência crônica primária do córtex das adrenais (doença ou mal de Addison) além do hipoadrenocorticismo ou anemia de Addison.
Cushing,
Harvey Cushing (1869-1939), neurocirurgião americano, identificou a hiperfunção do córtex das adrenais.
*Reichstein e *Hench.
Tadeusz Reichstein (1897-1996), químico polonês e Philip Hench (1896-1965), fisiologista americano, estudaram os hormônios do córtex adrenal, isolaram a cortisona e a usaram no tratamento da artrite reumatóide.
Descrever a biossíntese dos hormônios esteróides adrenais (glicocorticóides, mineralocorticóides e andrógenos) e as principais características estruturais que distinguem cada classe.
Listar os estímulos fisiológicos que provocam o aumento da mineralocorticóide. Relacionar esses estímulos à regulação da excreção de sódio e potássio. Lista os fatores capazes de modular a resposta secretória e explicar como eles são detectados.
Descrever os componentes do eixo neuroendócrino que regulam a secreção de glicocorticóides e listar suas ações.
Listar os estímulos fisiológicos que provocam o aumento da mineralocorticóide. Relacionar esses estímulos à regulação da excreção de sódio e potássio. Lista os fatores capazes de modular a resposta secretória e explicar como eles são detectados.
 Fisiologia Geral do Sistema Reprodutor 
*Lewis, *Nüsslein-Volhard e *Wieschaus.
Edward Lewis (1918-2004), biólogo e geneticista americano, Christiane Nüsslein-Volhard (1942-?), bióloga alemã e Eric Wieschaus (1947-?) biologista americano, demonstraram que todas as funções das células são decorrentes, em última instância, por seu fator hereditário, o que possibilitou entender o segredo do desenvolvimento embrionário.
Descrever o controle genotípico do desenvolvimento sexual e sua relação com as vias fenotípicas tomadas pelo embriões masculinos e femininos.
 Sistema Reprodutor Masculino 
van Leeuwenhoek,
Anton van Leeuwenhoek, [antôn vean líanvanhûf] (1632-1723) fabricante de lentes holandês, o primeiro a observar os próprios epermatozóides.
da Vinci,
Leonardo da Vinci (1452-1519), anatomista italiano, desenhou o canal por onde trafega a "semente universal" entre a medula espinhal e o pênis.
Leydig,
Franz Leydig (1821-1908), histologista alemão, descobrui as células intersticiais do testículo produtoras de testosterona.
*Furchgott, *Ignarro e *Murad.
Robert Furchgott (1916-2009), farmacêutico, Louis Ignarro (1941-?), farmacologista e Ferid Murad (1936-?), médico, americanos, descobriram as propriedades do monóxido de azoto.
Descrever o papel da hipófise no função gonadal do sexo masculino, com ênfase no feedback negativo entre a adenohipófise os testículos.
Listar os órgãos-alvo da testosterona, descrever seus efeitos, local de síntese e precursores.
Descrever o ato sexual masculino.
 Sistema Reprodutor Feminino 
Bartholin,
Caspar Bartholin (1655-1738), anatomista dinamarquês, descobriu as as glândulas vestibulares maiores.
Douglas,
James Douglas (1675-1742), anatomista escocês, descobruiu a escavação retouterina ou fundo de saco de Douglas.
Falópio,
Gabriel 'Venerável' Falópio (1523-1562), médico italiano, descobriu as tubas uterinas ou trompas de Falópio que liga o ovários ao útero.
de Graaf,
Reinier de Graaf (1641-1673) médico holandês, descobriu que a concepção dependia não só do espermatozóide mas também da ruptura do folículo maduro.
McDowell.
Ephraim McDowell (1771-1830), médico americano, o primeiro a fazer uma ooforectomia (sem anestesia) para retirada de um cisto de ovário.
Descrever a histologia dos ovários mostrando as várias fases de maturação no ovócito e discutir o processo de maturação e secreção hormonal do folículo de Graaf.
Descrever a função dos hormônios gonadotróficos na regulação do Ciclo Ovariano.
Descrever a oogênese e a sua relação com as mudanças no folículo ovariano. Explicar os papéis do FSH, LH, estradiol, inibina, e agentes parácrinos na oogênese e na maturação folicular.
Explicar o papel dos hormônios estrógeno, progesterona, lactogênio placentário, prolactina e ocitocina no desenvolvimento do endométrio durante a puberdade, gravidez e lactação.
Explicar o papel dos hormônios estrógeno, progesterona, lactogênio placentário, prolactina e ocitocina no desenvolvimento da glândula mamária durante a puberdade, gravidez e lactação.
Descrever a sequência de fatores hormonais derivadas do desenvolvimento embrionário, corpo lúteo e da placenta, que mantêm a gravidez.
Resumir as causas de parto distórcico
Todos os objetivos de Endócrino...
Todos os objetivos de Reprodutor...

        9- Sistema Imunológico... Leucócitos. Imunoglobulinas. Reação atígeno-anticorpo. Imunossupressão.