Modelos básicos
11:53:07
1- ? In vitro, o Anticoagulante lúpus inibe a coagulação
Modelo

2- ?A célula endometrial tem fosfolipase (fator de risco hereditário)
Modelo

3- ?A inibição desta enzima pela Nitisinone diminui a Succinilacetona que também inibe a síntese do Heme [fígado]
Modelo

4- ?A Succinilacetona também inibe a Enzima metionina adenosil transferase
Modelo

5- ?A trombose só ocorre após o nascimento
Modelo

6- ?Acúmulo crônico de ferro está associado ao hepatocarcinoma (porfiria hepática)
Modelo

7- ?Aminolevulinato (ALA) é neurotóxico
Modelo

8- ?Como o NANA vai pra urina (Sialúria)
Modelo

9- ?Há distúrbios da peristalse da trompa uterina
Modelo

10- ?Na PEX o pulmão não é afetado por falta de colágeno
Modelo

11- ?Na Sialidose o NANA é livre
Modelo

12- ?O Cro_X do pai é determinante
Modelo

13- ?O Implante endometrial [extra útero] depende da movimentação circunjacente
Modelo

14- ?O oxalato deveria estar diminuído
Modelo

15- ?Toxicidade renal da Succinilacetona
Modelo

16- {gal-galNAc}
Modelo

17- {galNAc-4S}
Modelo

18- {galNAc-6S}
Modelo

19- {glc-2S-glcN}
Modelo

20- {glc-galNAc}
Modelo

21- {glc-glcN}
Modelo

22- {glcNAc-6S}
Modelo

23- {ido-glcN-6S}
Modelo

24- 1- Ceramida (Esfingosina + 1 ácido graxo + [hidrogênio])
Modelo

25- 1- NECROSE ISQUÊMICA (por coagulação; coagulativa)
Modelo

26- 1- Quilomícron (triacilglicerol + colesterol + proteínas)
Modelo

27- 1,25-dihidroxicolecalciferol
Modelo

28- 1,3-difosfoglicerato
Modelo

29- 10ª semana, pico do Hormônio gonadotrofina coriônica humana (hGC)
Modelo

30- 11-Desoxicortisol
Modelo

31- 12-hidroxicolesterol
Modelo

32- 16ª e 22ª semana, movimentos fetais
Modelo

33- 17-OH-Pregnenolona
Modelo

34- 17-OH-Progesterona
Modelo

35- 18-OH-Corticosterona
Modelo

36- 18º dia após a fecundação, detecção de hGC na urina
Modelo

37- 19ª semana, atividade cerebral, início da vida humana
Modelo

38- 2- Glicoesfingolipídeos simples ou cerebrosídeos (Ceramida + [galactose ou glicose])
Modelo

39- 2- NECROSE POR LIQUEFAÇÃO (liquefativa; por coliquação; coliquativa)
Modelo

40- 2- VLDL (transporta triacilglicerol endógeno)
Modelo

41- 2-fosfoglicerato
Modelo

42- 2-hodroxiftanoil-CoA
Modelo

43- 2-metil-3-hidroxibutirato [urina]
Modelo

44- 2-metilacetoacetato [urina]
Modelo

45- 2-metilacetoacetil-CoA
Modelo

46- 22ª semana, início da vida humana, feto viável
Modelo

47- 3- IDL = lipoproteína de densidade intermediária
Modelo

48- 3- NECROSE GANGRENOSA (gangrena)
Modelo

49- 3- Sulfogalactosilceramida (Ceramida + [galactose-SO4])
Modelo

50- 3-fosfoglicerato
Modelo

51- 3-metil-3-hidroxibutiril-CoA
Modelo

52- 3-metilcrotonil-CoA
Modelo

53- 3-metilglutaconil-CoA
Modelo

54- 30% dos pacientes com PAN têm o antígeno de superfície do virus da hepatite B (HbSAg) no soro. Foram isolados imunocomplexos circulantes compostos de HbSAg e imunoglobulinas
Modelo

55- 37ª - 42ª semanas, nascimento
Modelo

56- 3º par de bolsas faríngeas
Modelo

57- 4- Globosídeo (Ceramida + [di, tri ou tetrassacarídeo])
Modelo

58- 4- LDL (transporta colesterol)
Modelo

59- 4- NECROSE HEMORRÁGICA
Modelo

60- 4ª semana, Ciclo Cardíaco
Modelo

61- 4º e 6º par de arcos branquiais
Modelo

62- 5- Gangliosídeos complexos (Ceramida + [oligossacarídeos complexos + ácido siálico (NANA)])
Modelo

63- 5- HDL (retira colesterol)
Modelo

64- 5- NECROSE CASEOSA (de caseificação; aspecto de queijo)
Modelo

65- 5-adenosil metionina (SAM)
Modelo

66- 5-hidroxi-indol-acético
Modelo

67- 5-hidroxitriptofano
Modelo

68- 5-Metil tetrahidrolato
Modelo

69- 50% dos lipídios do estrato córneo da pele
Modelo

70- 6- Fucose + Gangliosídeos complexos
Modelo

71- 6- NECROSE FIBRINÓIDE (degeneração fibrinóide)
Modelo

72- 6-Fosfogliconato
Modelo

73- 6-P-gliconolactona
Modelo

74- 60% dos casos, especialmente a Trissomia do cromossomo 16. Gametas anormais.
Modelo

75- 65 éxons (sequências codificadoras) secretadas por fibroblastos, osteoblastos, células muscular lisa e pericondrócitos
Modelo

76- 6º-7º dia, início da nidação
Modelo

77- 7- NECROSE ENZIMÁTICA
Modelo

78- 7-dehidrocolesterol
Modelo

79- 7-hidroxicolesterol
Modelo

80- 7 tipos de receptores serotoninérgicos
Modelo

81- 7º-10º dia, início da secreção do hormônio gonadotrofina coriônica humana (hGC) pelo trofoblasto
Modelo

82- 8ª semana, 3 cm, 3 folhetos embrionários (ectoderma, mesoderma e endoderma)
Modelo

83- 8º-14º dia, final da nidação
Modelo

84- a
Modelo

85- a-Cetobutirato
Modelo

86- a-cetoglutarato
Modelo

87- a-man-b-man-fuc-Gangliosídeo GM1
Modelo

88- a-metilacrilil-CoA
Modelo

89- a-metilbutiril-CoA
Modelo

90- a-Metilbutiril-CoA
Modelo

91- A anóxia também leva a instabilidade elétrica no córtex e predispõe a convulsões, as quais por sua vez agravam a anóxia
Modelo

92- A ausência desta enzima impede a Glicogênese e, por isso, não há Glicogênio
Modelo

93- A cardiolipina é um fosfolípide mitocondrial de carga negativa e de diagnóstico sorológico para sífilis
Modelo

94- A colchicina parece impedir a produção dessa glicoproteína pelos leucócitos.
Modelo

95- A doença de Basedow - Graves (ou só doença de Graves)
Modelo

96- A endometriose prolifera e degenera a cada ciclo menstrual, como o endométrio em localização normal
Modelo

97- A fagocitose na periferia da lesão causa o aumento das proteínas e enzimas intracelulares no sangue
Modelo

98- A faixa bem delimitada na região da imunoglobulina de PS do paciente é reconhecida por anti-soros contra a cadeia pesada IgG (G) e a cadeia leve kappa (K), indicando que esta faixa é uma proteína M de 19GK
Modelo

99- A fibrose pode causar intensas deformações e disfunções nas valvas do coração esquerdo, sendo mais comuns a estenose mitral e a insuficiência aórtica
Modelo

100- A forma clínica mais benigna da histiocitose das células de Langerhans
Modelo

101- A forma neuro-ocular pode causar cegueira e morte
Modelo

102- A hemorragia pode complicar a eliminação do tecido necrótico pelo organismo
Modelo

103- A não regressão decorre de falha do desenvolvimento das veias corticais que drenam para o seio sagital superior (veias-ponte ou bridging veins), especialmente na porção posterior dos hemisférios cerebrais
Modelo

104- A neutralização relaciona-se à dissociação do dímero E pela presença do anticorpo, impedindo as alterações conformacionais que levam à formação dos trímeros da molécula
Modelo

105- A quantidade de colóide na luz dos folículos fica pequena, pois a célula metaboliza o colóide para liberar T3 e T4 no sangue circulante. Macroscopicamente, há aumento pequeno a moderado da tiróide (portanto, bócio), com aspecto difuso (não nodular, ao contrário do bócio colóide). Fala-se em bócio difuso tóxico devido ao hipertiroidismo (ou tireotoxicose). A circulação sanguínea local aumenta e a glândula sangra facilmente se operada
Modelo

106- A queda na PAS máxima (pós-carga) é bom para o coração (Valsalva) mas não para os demais órgãos
Modelo

107- A tiamina é substrato da tiamina pirofosfato que é a coenzima da oxidação dos carboidratos e inibidora da Piruvato carboxilase
Modelo

108- A tipo úmida frequentemente envolve a participação de bactérias anaeróbias, as quais promovem uma acentuada destruição protéica e putrefação
Modelo

109- Abalos musculares
Modelo

110- Abaulamento do cristalino
Modelo

111- Abdome distendido
Modelo

112- Abertura de canais de Ca+2 na membrana pré-sináptica
Modelo

113- Abortamento
Modelo

114- ABORTAMENTO
Modelo

115- ABORTAMENTO ESPONTÂNEO
Modelo

116- ABORTAMENTO INTENCIONAL
Modelo

117- ABORTO
Modelo

118- ABORTO ESPONTÂNEO COMPLETO
Modelo

119- ABORTO ESPONTÂNEO INCOMPLETO
Modelo

120- Aborto recorrente
Modelo

121- ABORTO RETIDO
Modelo

122- ABORTO SÉPTICO
Modelo

123- Absorção de alimentos
Modelo

124- Absorção de cobre [estômago, duodeno]
Modelo

125- Absorção de ferro [duodeno]
Modelo

126- Absorção de ferro [intestino]
Modelo

127- Absorção de gás hidrogênio
Modelo

128- Absorção de gorduras
Modelo

129- Absorção de vitamina K
Modelo

130- Absorção de Vitamina K
Modelo

131- Absorção de vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K)
Modelo

132- Absorção de zinco [estômago, duodeno]
Modelo

133- Absorção do ferro (intestino)
Modelo

134- Absorção intestinal da exotoxina botulínica (tipo A, B ou E)
Modelo

135- Absorção intestinal de lactoglobulina e lactoalbumina
Modelo

136- Absorção intestinal de sais biliares no íleo
Modelo

137- Absorção intestinal diminuída
Modelo

138- Abulia
Modelo

139- Ação direta nos endotélios dos vasos e nos rins e hemácias
Modelo

140- Ação semelhante ao MSH
Modelo

141- ACERULOPLASMINEMIA
Modelo

142- Acetaldeído
Modelo

143- Acetato
Modelo

144- Acetil-CoA
Modelo

145- Acetil CoA
Modelo

146- Acetil CoA [fígado]
Modelo

147- Acetil CoA [músculo]
Modelo

148- Acetilcolina
Modelo

149- Acetilcolina sináptica
Modelo

150- Acetilcolinesterase
Modelo

151- Acetlcolina na sinapse colinérgica esquelética
Modelo

152- Acetlcolina na sinapse colinérgica glandular
Modelo

153- Acetlcolina na sinapse colinérgica lisa
Modelo

154- Acetoacetato
Modelo

155- Acetoacetil-CoA
Modelo

156- Acetona
Modelo

157- Acidez (Vitamina C)
Modelo

158- Acidez tubular > deposição de cristais de ácido úrico em concentrações elevadas
Modelo

159- Ácido 3-metil-glutacônico
Modelo

160- Ácido 3-metilcrotonilglicina
Modelo

161- Ácido 3-metilcrotonilglicina [urina]
Modelo

162- Ácido 3-metilglutacônico (urina)
Modelo

163- Ácido 3-metilglutárico (urina)
Modelo

164- Ácido 3-OH-3-metilglutárico (urina)
Modelo

165- Ácido 4,5-dihidro-orótico
Modelo

166- Ácido a-ceto-b-metilvalérico
Modelo

167- Ácido a-ceto-isocapróico
Modelo

168- Ácido a-ceto-isocapróico [plasma]
Modelo

169- Ácido a-ceto-isocapróico [urina]
Modelo

170- Ácido a-ceto-isovalérico
Modelo

171- Ácido a-ceto-isovalérico (plasma)
Modelo

172- Ácido a-ceto-isovalérico [plasma]
Modelo

173- Ácido a-ceto-isovalérico [urina]
Modelo

174- Ácido a-ceto-metilvalérico
Modelo

175- Ácido a-ceto-metilvalérico (plasma)
Modelo

176- Ácido a-ceto-metilvalérico [plasma]
Modelo

177- Ácido a-ceto-metilvalérico [urina]
Modelo

178- Ácido a-cetoisocapróico
Modelo

179- Ácido a-cetoisovalértico
Modelo

180- Ácido acético
Modelo

181- Ácido acetilneuramínico {NANA}
Modelo

182- Ácido acetilneuramínico {NANA} [citoplasma]
Modelo

183- Ácido araquidônico
Modelo

184- Ácido b-OH-isobutírico
Modelo

185- Ácido b-OH-valérico
Modelo

186- Ácido butírico
Modelo

187- Ácido cólico
Modelo

188- Ácido delta-aminolevulínico (ALA) [urina]
Modelo

189- Ácido fitâmico
Modelo

190- Ácido fitânico (ácido graxo de cadeia ramificada)
Modelo

191- Ácido fosfatídico = Glicerol + 2 ácidos graxos + fosfato
Modelo

192- Ácido glicocólico
Modelo

193- Ácido glicoquenodesoxicólico
Modelo

194- Ácido glucurônico
Modelo

195- Ácido glucurônico {glcA}
Modelo

196- Ácido glutâmico
Modelo

197- Ácido graxo
Modelo

198- Ácido graxo [fígado]
Modelo

199- Ácido hialurônico {glc-glcNAc}... (substância fundamental)
Modelo

200- Ácido homogentísico
Modelo

201- Ácido homogentísico [urina]
Modelo

202- Ácido idurônico {idoA}
Modelo

203- Ácido isovalérico
Modelo

204- Ácido lático sanguíneo
Modelo

205- Ácido litocólico
Modelo

206- Ácido maleilacetoacético
Modelo

207- Ácido maleilacetoacético [plasma]
Modelo

208- Ácido metil-malônico semialdeído
Modelo

209- Ácido mevalônico
Modelo

210- Ácido micofenólico
Modelo

211- Ácido N-acetilgalactosamina {NAcgal}
Modelo

212- Ácido orótico (vitamina B13)
Modelo

213- Ácido orótico urinário (vitamina B13)
Modelo

214- Ácido p-OH-fenilacético
Modelo

215- Ácido p-OH-fenillático
Modelo

216- Ácido pristânico (beta-oxidação)
Modelo

217- Ácido propiônico
Modelo

218- Ácido quenodesoxicólico
Modelo

219- Ácido taurocólico
Modelo

220- Ácido tauroquenodesoxicólico
Modelo

221- Ácido úrico
Modelo

222- Ácido úrico [músculo]
Modelo

223- Ácido úrico [plasma]
Modelo

224- Ácidos biliares primários
Modelo

225- Ácidos graxos de cadeia curta
Modelo

226- Ácidos graxos de cadeia muito longa (AGCML)
Modelo

227- Ácidos graxos de cadeia muito longa (AGCML) [citosol]
Modelo

228- Ácidos graxos de cadeia muito longa (AGCML) [peroxissomos]
Modelo

229- ACIDOSE 3-METILCROTONILISÍNICA
Modelo

230- ACIDOSE ALFA-METIL ACETOACÉTICA
Modelo

231- ACIDOSE ISOVALÉRICA
Modelo

232- Acidose metabólica
Modelo

233- Acidose metabólica (plasma)
Modelo

234- Acidose metabólica hiperclorêmica hipercalêmica com redução da secreção de Na+ e excreção de K ou H no néfron distal
Modelo

235- Acidose metabólica lática
Modelo

236- ACIDOSE METABÓLICA POR CETOACIDOSE ALCOÓLICA
Modelo

237- Acidose metabólica´
Modelo

238- ACIDOSE PROPIÔNICA
Modelo

239- Acidose respiratória
Modelo

240- ACIDOSE TUBULAR RENAL TIPO IV POR HIPOALDOSTERONISMO HIPORRENINÊMICO
Modelo

241- ACIDÚRIA 2-METIL-BUTIRIL GLICINÚRIA
Modelo

242- ACIDÚRIA 3-HIDROXI-3-METILGLUTÁRICA
Modelo

243- ACIDÚRIA 3-METILGLUTACÔNICA TIPO I
Modelo

244- ACIDÚRIA ARGININOSUCCÍNICA
Modelo

245- ACIDÚRIA METILMALÔNICA
Modelo

246- Acne
Modelo

247- Acúmulo de ceramida [macrófago]
Modelo

248- Acúmulo de ceramida [micróglia]
Modelo

249- Acúmulo de cobre [lisossomas no fígado]
Modelo

250- Acúmulo de cobre no núcleo lenticular [putamem + globus pallidus]
Modelo

251- Acúmulo de cobre nos lissossomas [fígado]
Modelo

252- Acúmulo de Glicosilceramida (cerasina) [baço, fígado e leucócitos]
Modelo

253- Acúmulo de Globotriaosilceramida {Gb3, gal-a-gal-glc-ceramida [endotélio de pequenos vasos sanguíneos]
Modelo

254- Acúmulo de GM2 [nervoso]
Modelo

255- Acúmulo de GM2 [neuroepitélio]
Modelo

256- Acúmulo de grânulos de cobre sulfatado na periferia da córnea
Modelo

257- Acúmulo de lípides em macrófagos
Modelo

258- Acúmulo de neurofilamentos com bloqueio no final do axônio dos motoneurônios
Modelo

259- Acúmulo do aminoácido lisina e hidroxilisina
Modelo

260- Acúmulo local de outras células
Modelo

261- Adenina
Modelo

262- Adenina [músculo]
Modelo

263- Adenocarcinoma hepático
Modelo

264- Adenoma hipofisário (mais de 50% dos casos)
Modelo

265- Adenomegalia
Modelo

266- Adenomegalia, cervical
Modelo

267- Adenomegalia, generalizada
Modelo

268- Adenomegalia, regional
Modelo

269- ADENOMIOSE UTERINA
Modelo

270- Adenosina
Modelo

271- Adenosina-5-monofosfato {AMP}
Modelo

272- Adenosina-deaminase aumentada
Modelo

273- Adenovírus
Modelo

274- Adesão das plaquetas ao colágeno
Modelo

275- Adesão das plaquetas ao colágeno exposto
Modelo

276- Adesão das plaquetas dentro da micorcirculação
Modelo

277- Adesão dos leucócitos no endotélio vascular
Modelo

278- Administração de Droga
Modelo

279- Administração de Proteína séricas
Modelo

280- Administração de Soro
Modelo

281- ADP [músculo]
Modelo

282- ADP intracelular no cardiomiócito
Modelo

283- Adquiridos
Modelo

284- Adrenalina
Modelo

285- Adrenoleucodistrofia ligada ao X
Modelo

286- ADRENOLEUCODISTROFIA LIGADA AO X
Modelo

287- Afasia (hemisfério dominante)
Modelo

288- Afinamento progressivo da parte central da córnea
Modelo

289- AGAMAGLOBULINEMIA ASSOCIADA AO CROMOSSOMO X
Modelo

290- Age como neurotoxina nos Gânglios da base, Tronco encefálico e Cerebelo
Modelo

291- Agitação
Modelo

292- Agonista do receptor colinérgico nicotínico
Modelo

293- Agregação das plaquetas
Modelo

294- Água
Modelo

295- Alanina
Modelo

296- ALBINISMO
Modelo

297- Albumina [néfron]
Modelo

298- Albumina [plasma]
Modelo

299- Albumina plasmática
Modelo

300- Albuminemia [plasma]
Modelo

301- Alcalinização da urina
Modelo

302- Alcalose metabólica
Modelo

303- ALCAPTONÚRIA
Modelo

304- ÁLCOOL
Modelo

305- ALCOOLISMO CRÔNICO
Modelo

306- Aldosterona
Modelo

307- Alérgenos
Modelo

308- Alergia
Modelo

309- ALERGIA A PÊLOS
Modelo

310- ALERGIA ALIMENTAR (AO LEITE DE VACA)
Modelo

311- ALERGIA AO DIU DE COBRE
Modelo

312- Alexia sem agrafia (hemisfério dominante)
Modelo

313- Aloisoleucina [plasma]
Modelo

314- Alojam em pequenas artérias renais
Modelo

315- Alopécia
Modelo

316- Alopurinol
Modelo

317- Altamente resistente aos métodos de assepsia habituais, inclusive formol e autoclavagem, mas é inativado por hipoclorito de sódio
Modelo

318- Alteração direta na estabilidade das hemácias
Modelo

319- Alteração do ciclo sono-vigília
Modelo

320- Alterações da imagem corporal
Modelo

321- Alterações na voz
Modelo

322- Alterações no metabolismo e neurotransmissão dopaminérgica
Modelo

323- Altered receptor, transport function
Modelo

324- Alto risco: HPV (tipo 16, 18, 45 e 56)
Modelo

325- Alucinações inespecíficas
Modelo

326- Alucinações visuais
Modelo

327- Alveolite alérgica extrínseca
Modelo

328- Alveolite persistente
Modelo

329- Amemia
Modelo

330- Amenorréia
Modelo

331- Amido
Modelo

332- Amigdala temporal (Agressividade)
Modelo

333- Amilóide AA
Modelo

334- Amilóide AA (fígado)
Modelo

335- Amilóide AA (intertício)
Modelo

336- Amilóide AA (plasma)
Modelo

337- Amilóide AH
Modelo

338- Amilóide AL
Modelo

339- Amilóide ATTR
Modelo

340- Amiloidose hereditária
Modelo

341- AMILOIDOSE HEREDOFAMILIAR TIPO 1
Modelo

342- Amiloidose localizada
Modelo

343- AMILOIDOSE PRIMÁRIA
Modelo

344- AMILOIDOSE SECUNDÁRIA
Modelo

345- Amiloidose sistêmica
Modelo

346- Aminoácidos [fígado]
Modelo

347- Aminoácidos [plasma]
Modelo

348- Aminoimidazol carboxamida ribótido {AICAR}
Modelo

349- Aminolevulinato
Modelo

350- Aminolevulinato (ALA)
Modelo

351- Aminolevulinato (ALA) [eritroblasto]
Modelo

352- Aminolevulinato (ALA) [fígado]
Modelo

353- Aminolevulinato (ALA) [plasma]
Modelo

354- Amônia
Modelo

355- Amônia (urina)
Modelo

356- Amônia aumentada
Modelo

357- Amônia plasmática
Modelo

358- AMP [músculo]
Modelo

359- AMP cíclico intracelular no enterócito
Modelo

360- AMPcíclico (fígado, rim)
Modelo

361- Anasarca
Modelo

362- Ancoragem Ca+2 dependente no coágulo
Modelo

363- Andar desajeitado
Modelo

364- Androgênese com desenvolvimento a partir apenas de cromossomos paternos, tendo o óvulo fertilizado perdido seu núcleo, cariótipo diplóide (46 XX (90%) ou 46 XY)
Modelo

365- Andrógenos
Modelo

366- Androstenediona
Modelo

367- Anéis de Kayser-Fleischer
Modelo

368- Anemia
Modelo

369- ANEMIA FERROPRIVA
Modelo

370- Anemia hemolítica
Modelo

371- Anemia hemolítica auto-imune
Modelo

372- Anemia hemolítica microangiopática
Modelo

373- ANEMIA HEMOLÍTICA POR DEFICIÊNCIA DA ENZIMA GLICOSE-6-FOSFATO-DESIDROGENASE SECUNDÁRIA
Modelo

374- ANEMIA HEREDITÁRIA LIGADA AO X (gene nuclear)
Modelo

375- ANEMIA MACROCÍTICA
Modelo

376- Anemia megalobástica
Modelo

377- Anemia microcítica
Modelo

378- Anemia não-megaloblástica
Modelo

379- ANEMIA POR DEFICIÊNCIA DA ENZIMA GLICOSE-6-FOSFATO DESIDROGENASE POR VICIA FAVA
Modelo

380- ANEMIA SIDEROBLÁSTICA AUTOSSÔMICA RECESSIVA
Modelo

381- Anemia, hemolítica, auto-imune
Modelo

382- Aneurisma dissecante da aorta
Modelo

383- ANGINA PECTORIS
Modelo

384- ANGINA PECTORIS ESTÁVEL
Modelo

385- Angioma capilar cutâneo
Modelo

386- Angioqueratomas
Modelo

387- Angiotensina I (plasma)
Modelo

388- Angiotensina II (plasma)
Modelo

389- Angiotensinogênio (plasma)
Modelo

390- Anormalidade genital
Modelo

391- Anos de depósito de sais de Ca+2
Modelo

392- Anovulação
Modelo

393- Ansiedade
Modelo

394- Antagonista competitivo do neurotransmissor inibidor glicina secretado pela célula de Renshaw no motoneurônio alfa
Modelo

395- Antagonistas da Vitamina K (lactonas)
Modelo

396- Anti-DNA de duplo filamento (anti-DNA-dh)
Modelo

397- Anticoagulante lúpico
Modelo

398- Anticorpo anti-La (antigo anti-SSB)
Modelo

399- Anticorpo anti alfa-6-beta-4 integrina
Modelo

400- Anticorpo anti colágeno VII
Modelo

401- Anticorpo anti colágeno XVII (BP180)
Modelo

402- Anticorpo anti desmogleína 3
Modelo

403- Anticorpo anti laminina 5
Modelo

404- Anticorpo anticardiolipina
Modelo

405- Anticorpos anti-enzima ADAMTS-13
Modelo

406- Anticorpos anti-Enzima piruvato desidrogenase [mitocôndria no fígado]
Modelo

407- Anticorpos antimelanócitos
Modelo

408- Anticorpos atacam as junções desmossomas entre os ceratinócitos epidérmicos
Modelo

409- Anticorpos das placas de fixação das células basais à membrana basal (hemidesmossomas) formando uma bolha subepidérmica
Modelo

410- Anticorpos produzidos contra estreptococo reagem de forma cruzada com antígenos do coração
Modelo

411- Antidepressivos tricíclicos (Amitriptilina)
Modelo

412- Antígeno (eg proteína)
Modelo

413- Antígeno do Micropolyspora faeni. Antígeno do Thermoactinomyces vulgaris.
Modelo

414- Antígeno por meio da molécula HLA (human leukocyte antigen) classe I
Modelo

415- Antígenos de pêlos
Modelo

416- Antioxidante celular
Modelo

417- Antitrombina [fígado, endotélio vascular]
Modelo

418- Aorta
Modelo

419- Aorta ascendente
Modelo

420- Apenas o endereçamento de proteínas com PTS2 está comprometido
Modelo

421- APENDICITE AGUDA
Modelo

422- Apetite por doces
Modelo

423- APLASIA CUTÂNEA CIRCUNSCRITA CONGÊNITA
Modelo

424- Aplasia de células vermelhas.
Modelo

425- Apnéia
Modelo

426- Apoceruloplasmina [fígado]
Modelo

427- Apoferritina [célula]
Modelo

428- Apolipoproteína AI, Proteína priónica, (Pro)calcitonina, Fator natriurético atrial, Insulina (injetável não humana), Prolactina, Prolipopeptídeo amilóide das ilhotas pancreáticas e outras
Modelo

429- Apoptose de melanócitos
Modelo

430- Apoptose natural do núcleo neoestriado responsável pelo feed-back inibitório
Modelo

431- Após as crises de destruição de mielina segue-se uma gliose reativa dispersa na substância branca do cérebro, medula e nervos ópticos
Modelo

432- Apotransferrina (fígado)
Modelo

433- Apotransferrina [fígado]
Modelo

434- Apotransferrina [plasma]
Modelo

435- Aproveitador
Modelo

436- Aranhas vasculares abdominais
Modelo

437- Arbovírus (DENV-1, DENV-2, DENV-3, DENV-4), um vírus RNA do gênero Flavivírus, os sorotipos identificados pelos epítopos da proteína E
Modelo

438- Arco da aorta
Modelo

439- Área de projeção aferente cortical
Modelo

440- Área tegumental ventral
Modelo

441- Arginina
Modelo

442- ARGININEMIA
Modelo

443- Argininossuccinato
Modelo

444- Armazenamento cistina [lisossomo]
Modelo

445- Armazenamento das vitaminas A, B12, D, E e K
Modelo

446- Armazenamento de bilirrubina direta [fígado]
Modelo

447- Armazenamento de Ferro
Modelo

448- Armazenamento de glicogênio
Modelo

449- Armazenamento de minerais
Modelo

450- Armazenamento na tireóide
Modelo

451- Armazenamento no baço
Modelo

452- Armazenamento no fígado
Modelo

453- Armazenamento no pâncreas
Modelo

454- Armazenamento no SNC
Modelo

455- Armazenamento nos leucócitos
Modelo

456- Armazenamento nos músculos da faringe e esôfago
Modelo

457- Armazenamento nos músculos distais
Modelo

458- Armazenamento nos olhos [córnea e conjuntiva]
Modelo

459- Armazenamento renal no túbulo proximal
Modelo

460- Arreflexia
Modelo

461- Arritmia cardícaca
Modelo

462- Arritmia supra-ventricular
Modelo

463- Artéria acústica interna
Modelo

464- Artéria basilar
Modelo

465- Artéria carótida externa
Modelo

466- Artéria carótida interna
Modelo

467- Artéria cerebelar anteroinferior
Modelo

468- Artéria cerebelar posteroinferior
Modelo

469- Artéria cerebelar superior
Modelo

470- Artéria cerebral anterior
Modelo

471- Artéria cerebral média
Modelo

472- Artéria cerebral posterior
Modelo

473- Artéria coroidéia anterior
Modelo

474- Artéria espinhal anterior
Modelo

475- Artéria oftálmica
Modelo

476- Artéria pontina curta e longa
Modelo

477- Artéria vertebral
Modelo

478- Artérias
Modelo

479- ARTERITE TEMPORAL
Modelo

480- Articulações hiperflexíveis
Modelo

481- Articulações soltas
Modelo

482- ARTRITE REUMATÓIDE SORO-POSITIVA
Modelo

483- ARTRITE REUMATÓIDE TIPO ADULTA
Modelo

484- As articulações mais acometidas são as distais, e a cartilagem auricular
Modelo

485- As células NK frequentemente são a primeira linha de defesa contra infecção viral. Os neutrófilos produzem resposta imune inespecífica, basicamente contra infecções bacterianas, e não contra infecções virais intracelulares
Modelo

486- As células NK têm a capacidade de responder sem sensibilização prévia. Possuem receptores para moléculas do MCH de classe I que inibem sua função lítica
Modelo

487- As fibras do nervo ulnar se originam nas regiões cervical inferior e torácica superior da medula espinhal (geralmente entre C7 e T1), correm via fascículo medial do plexo braquial
Modelo

488- As valvas fibrosadas ficam espessas e rígidas, perdem sua flexibilidade normal e frequentemente se calcificam
Modelo

489- Ascite
Modelo

490- Asfixia
Modelo

491- ASMA
Modelo

492- ASMA BRÔNQUICA POR SULFITOS
Modelo

493- Asma. Bronquite crônica. Enfisema agudo. Obstrução parcial das vias aéreas
Modelo

494- Aspartato
Modelo

495- Aspecto de célula vegetal após remoção por fixadores aquosos como o formol
Modelo

496- Aspereza cutânea
Modelo

497- Aspirina + Heparina
Modelo

498- Asterixis
Modelo

499- ASTIGMATISMO
Modelo

500- Ataxia
Modelo

501- Ataxia cerebelar
Modelo

502- Ataxia cerebelar ipsilateral
Modelo

503- Aterogênese
Modelo

504- Aterosclerose
Modelo

505- ATEROSCLEROSE
Modelo

506- ATEROSCLEROSE DAS ARTÉRIAS CORONARIANAS
Modelo

507- Aterosclerose, Embolia arterial, Arterite sifilítica, Tuberculose vascular, IDIOPÁTICA.
Modelo

508- Atetose
Modelo

509- Atinge SNC por via hematogênica, onde causa, em poucos pacientes, encefalomielite aguda com preferência por motoneurônios
Modelo

510- Ativa a produção da Lamin A (proteína)
Modelo

511- Ativação da AChase
Modelo

512- Ativação da plasmina, resultando em fibrinólise e geração de produtos de degradação da fibrina
Modelo

513- Ativação de neutrófilos por cristais de urato. O ácido úrico resulta do catabolismo das purinas (adenina e guanina), e é a única via de excreção das mesmas, que se dá pela urina. As purinas necessárias à síntese de ácidos nucleicos (DNA e RNA) são produzidas no organismo. As purinas ingeridas não são incorporadas a ácidos nucleicos. São convertidas a ácido úrico por enzimas da mucosa intestinal e do fígado e também excretadas na urina
Modelo

514- Ativação dos macrófagos
Modelo

515- Ativação dos receptores nicotínicos tipo m
Modelo

516- Ativação dos receptores nicotínicos tipo muscarínicos
Modelo

517- Ativação e agregação [plaquetas]
Modelo

518- Ativação plaquetária [secreção de grânulos das plaquetas]
Modelo

519- Ativação por contato de superfície com cargas negativas (via intrínseca) [colágeno ou endotoxina]
Modelo

520- Atividade bacteriana
Modelo

521- Atividade das bombas iônicas
Modelo

522- Atividade das células de Renshaw
Modelo

523- ATIVIDADE DO NEURÔNIO MOTOR INFERIOR
Modelo

524- Atividade do SRAA aumentada
Modelo

525- Atividade peroxidásica exacerbada da SOD I
Modelo

526- Atopia (predisposição genética)
Modelo

527- ATP
Modelo

528- ATP [músculo]
Modelo

529- ATP intracelular no cardiomiócito
Modelo

530- ATRANSFERRINEMIA
Modelo

531- Atrofia cerebral difusa com perda de neurônios no prosencéfalo basal, córtex cerebral e em outras áreas do cérebro
Modelo

532- Atrofia cutânea
Modelo

533- Atrofia da pele
Modelo

534- Atrofia do motoneurônio alfa da medula espinhal e dos pares cranianos
Modelo

535- Atrofia do núcleo lenticular [núcleos da base]
Modelo

536- Atrofia dos fâneros
Modelo

537- Atrofia e rarefação de estruturas ósseas de membranas sinoviais poliarticulares
Modelo

538- Atrofia muscular
Modelo

539- ATROFIA MUSCULAR ESPINHAL INFANTIL TIPO I
Modelo

540- Aumenta a reabsorção do ácido úrico e a alcalinização do interstício deposita cristais de urato
Modelo

541- Aumento acentuado na Resistência vascular coronariana
Modelo

542- Aumento da permeabilidade capilar
Modelo

543- Aumento da serotonina no SNC
Modelo

544- Aumento da temperatura corporal
Modelo

545- Aumento de volume do lobo caudado
Modelo

546- Aumento moderado na Resistência vascular coronariana
Modelo

547- Aumento progressivo da permeabilidade ao Na+:Ca+2 na Fase 0
Modelo

548- Ausência de hipertensão na presença de concentrações de renina plasmática acentuadamente elevadas, e insensibilidade aos efeitos pressores da angiotensina
Modelo

549- Ausência de pele
Modelo

550- Ausência de peroxissomos
Modelo

551- Ausência de pulso
Modelo

552- Auto-anticorpos antifosfolipídeos [membrana das plaquetas]
Modelo

553- auto-anticorpos antimembrana basal glomerular (MBG)
Modelo

554- auto-anticorpos contra o colágeno tipo IV
Modelo

555- Autoimune com anticorpos contra os canais de Ca+2
Modelo

556- Automatismo cardíaco
Modelo

557- AUTOMATISMO CARDÍACO
Modelo

558- Auxilia na fagocitose por macrófagos
Modelo

559- Avidina (clara do ovo)
Modelo

560- Azatioprina
Modelo

561- b
Modelo

562- b-2-glicoproteína I
Modelo

563- b-hidroxibutirato
Modelo

564- b-man-fuc-Gangliosídeo GM1
Modelo

565- b-metilcrotonil-CoA
Modelo

566- b-OH-butirato
Modelo

567- b-OH-isobutiril-CoA
Modelo

568- b-OH-metilglutaril-CoA
Modelo

569- B1M hipofonética
Modelo

570- B1T hipofonética
Modelo

571- Bacilos migraram pelos linfáticos (barra do halteres) com linfangite
Modelo

572- Bacilos podem atingir as veias ou as artérias pulmonares
Modelo

573- Baço
Modelo

574- Bacteremia transitória
Modelo

575- Bactéria
Modelo

576- Bactérias anaeróbicas, em 66% dos casos. Prevotella melaninogênica. Estreptococos anaeróbicos. Fusobacterium nucleatum
Modelo

577- Bactericida
Modelo

578- Baixa tolerância à frustração
Modelo

579- Baixo peso
Modelo

580- Baixo risco: HPV (tipo 6, 11, 42, 43 e 44).
Modelo

581- BARBITÚRICO
Modelo

582- Barreira hemato-encefálica
Modelo

583- Basófilos
Modelo

584- Benzoato
Modelo

585- BENZODIAZEPÍNICO
Modelo

586- Beta2-microglobulina (Abeta2-M)
Modelo

587- Bexiga
Modelo

588- Bilirrubina conjugada (direta)
Modelo

589- Bilirrubina conjugada com o ácido glucurônico (direta, hidrossolúvel) no fígado
Modelo

590- Bilirrubina conjugada no intestino grosso
Modelo

591- Bilirrubina direta [bile]
Modelo

592- Bilirrubina direta [fígado]
Modelo

593- Bilirrubina direta [plasma]
Modelo

594- Bilirrubina indireta [citoplasma do fígado]
Modelo

595- Bilirrubina indireta [enterócito]
Modelo

596- Bilirrubina indireta [intestino]
Modelo

597- Bilirrubina indireta [plasma]
Modelo

598- Bilirrubina indireta [SRE do fígado]
Modelo

599- Bilirrubina indireta aumentada
Modelo

600- Bilirrubina ligada às proteínas ligandinas no hepatócito
Modelo

601- Bilirrubina livre (não-conjugada ligada à albumina) no sangue
Modelo

602- Bilirrubina não-conjugada (indireta)
Modelo

603- Bilirrubina não-conjugada (indireta) aumentada
Modelo

604- Bilirrubina, total aumentada
Modelo

605- Biliverdina
Modelo

606- Biliverdina (lipossolúvel)
Modelo

607- Biliverdina [enterócito]
Modelo

608- Biliverdina indireta [enterócito]
Modelo

609- Biogênese dos perixossomos
Modelo

610- Blastos granulados (sangue)
Modelo

611- Blástula [4º-7º dia
Modelo

612- Bloqueador do receptor de serotonina 1A. Buspirone
Modelo

613- BLOQUEADORES DA ENZIMA ACETILCOLINESTERASE
Modelo

614- BLOQUEADORES DOS RECEPTORES COLINÉRGICOS MUSCARÍNICOS - ALCALÓIDES DA BELADONA
Modelo

615- BLOQUEADORES DOS RECEPTORES DE GLICINA - ESTRICNINA
Modelo

616- Bloqueia a divisão celular na metáfase
Modelo

617- Bloqueia o ciclo que resulta na resposta inflamatória Redução das atividades metabólica e fagocitária desses granulócitos e outras células móveis
Modelo

618- BLOQUEIO ATRIOVENTRICULAR DO TERCEIRO GRAU
Modelo

619- Bloqueio da ruptura do Folículo de Graaf
Modelo

620- Bloqueio de condução
Modelo

621- Bloqueio do neurotransmissor GABA
Modelo

622- Bloqueio irreversível de sub-unidades de ribossomas
Modelo

623- Boca com diminuição de tamanho
Modelo

624- Boca seca
Modelo

625- Bola hialina glomerular com volume igual ou maior que o normal
Modelo

626- Bolha subepidérmica
Modelo

627- Bolhas cutâneas
Modelo

628- Bolo alimentar
Modelo

629- Bomba de Na+/K+ ATP dependente
Modelo

630- Bomba de recaptação da Dopamina
Modelo

631- Bomba de recaptação da Serotonina
Modelo

632- Borborigmos audível
Modelo

633- BOTULISMO
Modelo

634- Bradicardia
Modelo

635- Bradicinina
Modelo

636- Bradicinina inativa
Modelo

637- Broncoespasmo
Modelo

638- Brucella melitensis. B_abortus. B_suis. B_canis
Modelo

639- BRUCELOSE
Modelo

640- Ca+2 [plaquetas]
Modelo

641- Cabelo lanoso
Modelo

642- Cabelos em palha de aço
Modelo

643- Cadeia pesada da miosina IIA não-muscular
Modelo

644- Cadeias de procolágeno tipo III
Modelo

645- Cádmio plasmático aumentado
Modelo

646- Cãimbras
Modelo

647- Calcificação das fibras elásticas
Modelo

648- Calcificação distrófica
Modelo

649- Calcificações cerebrais
Modelo

650- Calcificações corticais só ocorrem nas áreas cerebrais subjacentes ao angioma
Modelo

651- Calcinose
Modelo

652- Cálcio [músculo]
Modelo

653- Cálcio [plasma]
Modelo

654- Cálcio [urina]
Modelo

655- Cálcio plasmático aumentado
Modelo

656- Cálcio urinário aumentado
Modelo

657- Cálculo urinário de cistina
Modelo

658- Cálculos no trato urinário de cristais de ácido úrico
Modelo

659- CALCULOSE URINÁRIA POR ÁCIDO ÚRICO AGUDA
Modelo

660- CALCULOSE URINÁRIA POR ÁCIDO ÚRICO FORMA CRÔNICA
Modelo

661- Calicreína
Modelo

662- Calicreína ativa
Modelo

663- Calicreína inativa
Modelo

664- Camada de Malphigi
Modelo

665- Canais de Ca+2 no botão sináptico diminuídos
Modelo

666- Capacidade residual funcional
Modelo

667- Capacitância alveolar
Modelo

668- Capacitância da bexiga urinária
Modelo

669- Capacitância das artérias sistêmicas
Modelo

670- Capacitância das veias sistêmicas
Modelo

671- Capacitância de CO2 na microcirculação pulmonar
Modelo

672- Capacitância de O2 na microcirculação pulmonar
Modelo

673- Capacitância do átrio direito
Modelo

674- Capacitância do ventrículo direito
Modelo

675- Capacitância do ventrículo esquerdo
Modelo

676- Capacitância torácica
Modelo

677- Capacitância venosa
Modelo

678- Capacitância venosa diminuída
Modelo

679- Capacitância ventricular direita
Modelo

680- Captação da bilirrubina indireta [fígado]
Modelo

681- Captação da bilirrubina no fígado por transporte facilitado
Modelo

682- Captação de ácidos graxos [fígado]
Modelo

683- Captação de glicose [célula]
Modelo

684- Carbamoil-aspartato
Modelo

685- Carbamoil-fosfato
Modelo

686- Carcinoma pulmonar de células pequenas
Modelo

687- Cardiomegalia
Modelo

688- Cardiomegalia direita
Modelo

689- Carga de ATP produzida no miocárdio
Modelo

690- Carga de O2 arterial miocárdica
Modelo

691- Carga de O2 consumida pelo miocárdio
Modelo

692- Carga de O2 venosa miocárdica
Modelo

693- Carga filtrada de oxalato [rim]
Modelo

694- Carga filtrada de proteína
Modelo

695- Carga filtrada renal de cistina
Modelo

696- Carga tubular renal de cistina
Modelo

697- Cariótipo 45,X0
Modelo

698- Cariótipo 69XXX
Modelo

699- Cariótipo 69XYY
Modelo

700- Cartilagem
Modelo

701- Cartilagem da orelha
Modelo

702- Cartilagem elástica
Modelo

703- Cartilagem fibrosa
Modelo

704- Cartilagem hialina
Modelo

705- Cartilagens da coluna vertebral
Modelo

706- Cartilagens da laringe
Modelo

707- Cartilagens de articulações periféricas
Modelo

708- Catabolismo da membrana da hemácias
Modelo

709- Catabólitos da paraproteína IgM monoclonal
Modelo

710- Catalase [fígado]
Modelo

711- Causa o desaparecimento dos microtúbulos fibrilares dos granulócitos e outras células móveis
Modelo

712- CAXUMBA
Modelo

713- Cefaléia
Modelo

714- Cefaléia, intensa
Modelo

715- Cefaléia, temporal
Modelo

716- Cegueira
Modelo

717- Cegueira (emergência médica)
Modelo

718- Cegueira cortical. Alucinações visuais
Modelo

719- Cegueira monocular ipsilateral, transitória (amaurose fugaz) ou permanente
Modelo

720- Célula-tronco hematopoiética
Modelo

721- Célula-tronco hematopoiética multipotente ( (medula óssea)
Modelo

722- Célula-tronco hematopoiética multipotente (medula óssea)
Modelo

723- Célula-tronco linfóide (medula óssea)
Modelo

724- Célula-tronco mielóide
Modelo

725- Célula-tronco mielóide (medula óssea)
Modelo

726- Célula basal [epiderme]
Modelo

727- Célula primordial mielóide com deficiência de proteínas ligadas à membrana pelo fosfoinositoil
Modelo

728- Célula tronco hematopoiética
Modelo

729- Células-T e por anticorpos auto-imune dirigida contra à mielina da célula de Schwann
Modelo

730- Células B com ativação policlonal
Modelo

731- Células B diminuída
Modelo

732- Células com núcleo deslocado e citoplasma com grande quantidade de substância branca
Modelo

733- Células da teca interna do Folículo de Graaf
Modelo

734- Células da Teça interna do Folículo de Graaf
Modelo

735- Células da teca interna do Folículo de Graaf (enzima)
Modelo

736- Células danificadas reversivelmente sofrem um processo de cicatrização ou reparo
Modelo

737- Células de Gaucher
Modelo

738- Células de Kupffer (fígado)
Modelo

739- Células de Kupffer com acúmulo de pigmentos irregulares e enegrecidos
Modelo

740- Células de Langerhans (epiderme)
Modelo

741- Células de Langerhans nas superfícies mucosas ajudam na infecção inicial dos linfócitos T CD4 pelo HIV
Modelo

742- Células de Purkinje do cerebelo
Modelo

743- Células dendríticas foliculares captam vírus HIV revestidos por anticorpos com receptores Fc
Modelo

744- Células dilatadas por glicogênio [lisossomos no coração, músculo esquelético, cérebro, medula espinhal, fígado]
Modelo

745- Células dos linfonodos
Modelo

746- Células espumosas [articulações]
Modelo

747- Células espumosas [laringe]
Modelo

748- Células espumosas [pulmões]
Modelo

749- Células espumosas [tecido subcutâneo]
Modelo

750- Células espumosas infiltradas
Modelo

751- Células G do antro gástrico
Modelo

752- Células germinativas primordiais
Modelo

753- Células grânulo-adiposas
Modelo

754- Células irreversivelmente danificadas sofrem um processo de apoptose
Modelo

755- Células justaglomerulares da arteríola aferente
Modelo

756- Células NK
Modelo

757- Células NK com citotoxicidade diminuída
Modelo

758- Células pilosas (sangue)
Modelo

759- Células piramidais do hipocampo com pouca inflamação
Modelo

760- Células regeneradoras [endométrio]
Modelo

761- Células sanguíneas azuis
Modelo

762- Células TCD4
Modelo

763- Células TCD4+
Modelo

764- Células TCD8
Modelo

765- Células TCD8+
Modelo

766- Centro da fome hipotalâmico
Modelo

767- Centro da fome hipotalâmico (póstero lateral)
Modelo

768- Centro da saciedade
Modelo

769- Centro da saciedade hipotalâmico
Modelo

770- Centro da saciedade hipotalâmico (ventro-medial)
Modelo

771- Centros respiratórios do TE
Modelo

772- Ceramida
Modelo

773- CERAMIDOSE
Modelo

774- Ceratina obstruindo o folículo piloso
Modelo

775- CERATOCONE
Modelo

776- Cerebrosídeos
Modelo

777- CEREBROSIDOSE
Modelo

778- Ceruloplasmina transportadora cobre [plasma]
Modelo

779- Cetogênese hepática (hipoglicemia sem cetose) excesso de Acetil-CoA da lipólise
Modelo

780- CH50
Modelo

781- CHOQUE ANAFILÁTICO
Modelo

782- Choque endotóxico
Modelo

783- CHOQUE HEMORRÁGICO
Modelo

784- Choque hipovolêmico
Modelo

785- Chumbo
Modelo

786- Cianato
Modelo

787- Cianose
Modelo

788- CICATRIZ QUELÓIDE
Modelo

789- Cicatrização
Modelo

790- Cicatrizes formadas em pontos elevados de curvatura expostos
Modelo

791- Cicatrizes punctate em almofadas dedo
Modelo

792- Ciclo do sono-vigília
Modelo

793- Ciclo Respiratório
Modelo

794- Ciclos de desnervação e reinervação
Modelo

795- CID é uma coagulopatia de consumo na qual o PT e o PTT estão aumentados e as plaquetas estão reduzidas (embora sua função permaneça normal). O fibrinogênio aumenta em várias condições inflamatórias ou infecciosas, mas, em uma coagulopatia de consumo como a CID, a concentração de fibrinogênio deve ser baixa.
Modelo

796- Cilindros celulares
Modelo

797- Cinanato
Modelo

798- Cininogênio de alto peso molecular (HMWK)
Modelo

799- Cirrose [fígado]
Modelo

800- Cirrose auto-imune [ductos biliares septais intra-hepáticos]
Modelo

801- CIRROSE BILIAR PRIMÁRIA
Modelo

802- CIRROSE HEPÁTICA
Modelo

803- Cistationina
Modelo

804- Cisteína
Modelo

805- Cisteína [lisossomo]
Modelo

806- Cisteína [plasma]
Modelo

807- Cisteína sulfinato
Modelo

808- Cistianina [lisossomo]
Modelo

809- Cistina
Modelo

810- Cistina [lisossomo]
Modelo

811- Cistina [urina]
Modelo

812- CISTINOSE
Modelo

813- CISTINÚRIA
Modelo

814- Cistos cerebrais com até 5cmD
Modelo

815- Citocina pirógena (TNF-a)
Modelo

816- Citocinas
Modelo

817- Citocinas inflamatórias
Modelo

818- Citocromo c oxidase [fígado]
Modelo

819- Citocromo P450 [fígado]
Modelo

820- CITOMEGALOVÍRUS, CMV, tipo 5 (CMV5)
Modelo

821- Citotoxicidade mediada por células T
Modelo

822- Citotoxicidade mediada por linfócitos antígeno-específicas oligoclonais
Modelo

823- Citotoxicidade por células TCD8+
Modelo

824- Citrato de potássio
Modelo

825- Citrulina
Modelo

826- CITRULINEMIA
Modelo

827- CLASSIFICAÇÃO DOS LIPÍDEOS
Modelo

828- Clearance da creatinina
Modelo

829- Clivagem ou segmentação (1º dia, 2 células - 2º dia, 8 células)
Modelo

830- Cloasma
Modelo

831- CLOASMA POR USO DE DROGAS
Modelo

832- Clone de plasmócitos (Linfócitos B diferenciado) com multiplicação excessiva
Modelo

833- Clone de plasmócitos (Linfócitos B diferenciados com multiplicação excessiva (só na medula óssea (se não é Síndrome de Bing-Need)
Modelo

834- Clone de plasmócitos (Linfócitos B diferenciados) com multiplicação excessiva (a rigor só na medula óssea, senão é Síndrome de Bing-Neel)
Modelo

835- Clones de melanócitos
Modelo

836- Cloreto (urina)
Modelo

837- Clostridium botulinum
Modelo

838- Clostridium tetani
Modelo

839- Co-transportador Na+K+:2Cl- (parte espessa da alça ascendente de Henle)
Modelo

840- COAGULAÇÃO INTRAVASCULAR DISSEMINADA
Modelo

841- Coagulação sanguínea
Modelo

842- Coagulopatia
Modelo

843- Cobre-metalotioneína [enterócito]
Modelo

844- Cobre-metalotioneína [fígado]
Modelo

845- Cobre [bile]
Modelo

846- Cobre [célula]
Modelo

847- Cobre [plasma]
Modelo

848- Cobre [urina]
Modelo

849- COCAÍNA (Alcalóide da folha da coca)
Modelo

850- Cofator Molibdênio
Modelo

851- Cofator saposina C
Modelo

852- Cogumelos. Inocybe geophylla. Clitocybe sp. Dealbata. Podutores altos níveis (3-4%) de muscarina.
Modelo

853- Colágeno
Modelo

854- Colágeno exposto
Modelo

855- Colágeno na derme durante o reparo do tecido conectivo
Modelo

856- Colágeno tipo I
Modelo

857- Colágeno tipo I frouxo
Modelo

858- Colágeno tipo II
Modelo

859- Colágeno tipo III
Modelo

860- Colágeno tipo III (fibras reticulares)
Modelo

861- Colágeno tipo III (Fibras reticulares)
Modelo

862- Colágeno tipo IV
Modelo

863- Colágeno tipo IX
Modelo

864- Colágeno tipo V
Modelo

865- Colágeno tipo VI
Modelo

866- Colágeno tipo VII
Modelo

867- Colágeno tipo VIII
Modelo

868- Colágeno tipo XI
Modelo

869- Colágeno tipo XVII
Modelo

870- Colágeno VII
Modelo

871- Colagenose por degeneração fibrinóide, limitada à pele
Modelo

872- CÓLERA
Modelo

873- COLESTASE INTERMITENTE BENIGNA
Modelo

874- COLESTASE INTRAHEPÁTICA FAMILIAR PROGRESSIVA TIPO 1
Modelo

875- COLESTASE INTRAHEPÁTICA FAMILIAR PROGRESSIVA TIPO 2
Modelo

876- Colesterol
Modelo

877- Colesterol [fígado]
Modelo

878- Colesterol e Ésteres (R1-COO-R2) de colesterol
Modelo

879- COLESTEROSE
Modelo

880- COLESTEROSE CEREBROTENDINOSA
Modelo

881- COLESTEROSES
Modelo

882- Colestrol
Modelo

883- Colina
Modelo

884- Colite
Modelo

885- Coma
Modelo

886- Começam na substância branca subcortical e depois aparecem no córtex, predominantemente nas camadas II e III (por isquemia crônica por deficiência da drenagem venosa)
Modelo

887- Comedões
Modelo

888- Comossomo 12
Modelo

889- Complemento C3
Modelo

890- Complemento C4
Modelo

891- Completa dissociação entre a frequência atrial e a ventricular
Modelo

892- Complexo Cistianina-Cisteína (citoplasma)
Modelo

893- Complexo Cistianina-Cisteína [lisossomo]
Modelo

894- Complexo cobre-CTR1 [plasma]
Modelo

895- Complexo enzimático das desidrogenase dos a-cetoácios de cadeia ramificada {CACR}
Modelo

896- Complexo enzimático das desidrogenases dos a-cetoácios de cadeia ramificada {CACR}
Modelo

897- Complexo enzimático desidrogenase dos cetoaminoácidos de cadeia ramificada
Modelo

898- Complexo hapteno-anticorpo
Modelo

899- Complexo HFE-TfR2-Transferrina
Modelo

900- Complexo III da cadeia respiratória
Modelo

901- Complexo muitiprotéico
Modelo

902- Complexo TTR-RBP-retinol (plasma)
Modelo

903- Complexo TTR-T4 (plasma)
Modelo

904- Complexos fosfolipídios-proteínas
Modelo

905- Componente da matriz extracelular do osso
Modelo

906- Componente das coenzimas NAD e NADP das reações de oxireduções
Modelo

907- Comportamento social (Córtex motor)
Modelo

908- Comportamento violento
Modelo

909- Compressão ao nível da axila, ranhura retroepicondilar, túnel cubital no cotovelo) e canal de Guyon no pulso
Modelo

910- Compressão contínua ou recorrente do plexo braquial, artéria e veia subclávia ou artéria e veia axilares entre o escleno anterior ou escleno mediano e a primeira costela toráxica ou uma costela cervical extranumerácia
Modelo

911- Compressão da bexiga urinária
Modelo

912- Compressão da veia cava inferior
Modelo

913- Compressão e deformação do cérebro
Modelo

914- Compressão neurovascular (Plexo braquial, artéria e veia subclávia) na saída torácica superior
Modelo

915- Compressão ou aterosclerose da artéria renal ou seus ramos
Modelo

916- Comprometimento talâmico
Modelo

917- Comum em membros inferiores e em órgãos internos que entraram em contato com o exterior, como pulmões e intestino
Modelo

918- Comum em membros inferiores e em órgãos internos que entraram em contato com o exterior, como pulmões e intestino. um tipo de necrose de coagulação que acomete principalmente as extremidades de membros que perderam o suprimento sanguíneo, gerando gangrena, isto é, uma necrose seguida de invasão bacteriana e putrefação tecidual
Modelo

919- Comum na ateroesclerose, na úlcera péptica, doenças autoimunes e hipertensão arterial maligna
Modelo

920- Comum na tuberculose pulmonar, na tularemia, em neoplasias malignas e em alguns tipos de infarto
Modelo

921- Comunicação entre a artéria hepática e o trato biliar
Modelo

922- Concentração de ACh na fenda sináptica
Modelo

923- Concentração de ATP no miocárdio
Modelo

924- Concentração de Ca+2 intracelular
Modelo

925- Concentração de Ca+2 no miocárdio
Modelo

926- Concentração de citocinas na conjuntiva do olho
Modelo

927- Concentração de Epinefrina plasmática
Modelo

928- Concentração de glicose plasmática
Modelo

929- Concentração de insulina plasmática
Modelo

930- Concentração de K+ extracelular
Modelo

931- Concentração de K+ intracelular
Modelo

932- Concentração de Na+ (fim da alça ascendente de Henle)
Modelo

933- Concentração de Na+ extracelular
Modelo

934- Concentração de Na+ intracelular
Modelo

935- Concentração de NE na no tecido
Modelo

936- Concentração leucocitária de Trifosfato de desoxiadenosina
Modelo

937- Concentração plasmática de Ca+2
Modelo

938- Concentração plasmática de estrógenos
Modelo

939- Concentração plasmática de FSH
Modelo

940- Concentração plasmática de H+
Modelo

941- Concentração plasmática de HCO3-
Modelo

942- Concentração plasmática de K+
Modelo

943- Concentração plasmática de LH
Modelo

944- Concentração plasmática de O2
Modelo

945- Concentração plasmática de PO4-2
Modelo

946- Concentração plasmática de testosterona
Modelo

947- Concentração urinária
Modelo

948- Concrócitos
Modelo

949- CONDILOMA ACUMINADO
Modelo

950- CONDRODISPLASIA RIZOMÉLICA PUNCTATA TIPO I
Modelo

951- Condroitina 4-sulfato {glc-galNAc-4S}...
Modelo

952- Condroitina 6-sulfato {glc-galNAc-6S}...
Modelo

953- Condroitina sulfato B [urina]
Modelo

954- Condutibilidade cardíaca
Modelo

955- Congênita
Modelo

956- Congestão centrolobular
Modelo

957- Congestão sistêmica
Modelo

958- Congestão venosa pulmonar
Modelo

959- Congestão venosa sistêmica
Modelo

960- Conjuntivite
Modelo

961- CONJUNTIVITE
Modelo

962- Conjuntivite, hemorrágica
Modelo

963- Consciência diminuída
Modelo

964- Constipação
Modelo

965- Constituinte da córnea
Modelo

966- Consumo de ATP [músculo]
Modelo

967- Contato com pessoas infectadas
Modelo

968- Contato com roedores contaminados
Modelo

969- Contato íntimo, leite, perdigoto, saliva, transfusão de sangue, transplante de órgão de pessoa contaminada
Modelo

970- Contração da parede uterina
Modelo

971- Contração do complexo actina-miosina [plaqueta]
Modelo

972- Contração do m ciliar
Modelo

973- Contração do m circular da íris
Modelo

974- Contração do miocárdio
Modelo

975- Contração do músculo circular da íris
Modelo

976- Contração dos músculos gastrointestinais
Modelo

977- Contração dos músculos lisos brônquicos
Modelo

978- Contração muscular
Modelo

979- Contração muscular esquelética
Modelo

980- Contratransporte Na+/Ca+2 transmembrana
Modelo

981- Conversão da proteína prion normal para uma configuração anormal, por pós-translacão.
Modelo

982- Convulsão
Modelo

983- Convulsões
Modelo

984- COPROPORFIRIA HEREDITÁRIA (Hepática aguda)
Modelo

985- Coproporfirina [urina]
Modelo

986- Coproporfirina I [urina]
Modelo

987- Coproporfirinogênio I
Modelo

988- Coproporfirinogênio I (citoplasma no eritroblasto)
Modelo

989- Coproporfirinogênio I [plasma]
Modelo

990- Coproporfirinogênio I [urina]
Modelo

991- Coproporfirinogênio III
Modelo

992- Coproporfirinogênio III (citoplasma do eritroblasto)
Modelo

993- Coproporfirinogênio III (citoplasma do fígado)
Modelo

994- Coproporfirinogênio III [mitocôndria do eritroblasto]
Modelo

995- Coproporfirinogênio III [mitocôndria no fígado]
Modelo

996- Coproporfirinogênio III [plasma]
Modelo

997- Coproporfirinogênio III [urina]
Modelo

998- Cordas tendíneas alongadas
Modelo

999- Cordoalhas tendinosas da valva mitral
Modelo

1000- Coréia
Modelo

1001- CORÉIA DE HUNTINGTON FORMA ADULTA
Modelo

1002- CORÉIA REUMÁTICA AGUDA
Modelo

1003- Córnea
Modelo

1004- Corpo estranho intra uterino
Modelo

1005- Corpos cetônicos plasmático
Modelo

1006- Corpúsculos de Heinz
Modelo

1007- Corpúsculos de Negri (colônias de virus da raiva intraneuronal)
Modelo

1008- Córtex auditivo bilateral
Modelo

1009- Córtex frontal
Modelo

1010- Córtex límbico
Modelo

1011- Córtex motor
Modelo

1012- Córtex pré-frontal dominante (Previsão e Decisão)
Modelo

1013- Córtex pré-frontal não dominante (Controle emocional)
Modelo

1014- Córtex sensitivo
Modelo

1015- Corticóides
Modelo

1016- Corticosterona
Modelo

1017- Cortisona
Modelo

1018- CPK aumentada
Modelo

1019- Creatinina plasmática
Modelo

1020- Crescimento desorganizado dos aldeídos ou peroxinitritos
Modelo

1021- Criança alimentadas exclusivamente com leite de vaca
Modelo

1022- Crista neural
Modelo

1023- cristais de colesterol e outros debris se separam de placas ateromatosas
Modelo

1024- Cro_01p34
Modelo

1025- Cro_01p34.17q21.32. Cro_03q26.3-q27. Cro_09p24. 11q23. Cro_10p12.1. Cro_Xp11.23-p11.22. Cro_p11.23-p11.22.
Modelo

1026- Cro_01p36.2, Cro_01q22, Cro_01p22-p21. Cro_02p15. Cro_06q23-q24. Cro_07q21-q22. Cro_08q21.1. Cro_11p12-p11.2. Cro_12p13.3. Cro_22q11.21
Modelo

1027- Cro_01q21.31
Modelo

1028- Cro_01q22
Modelo

1029- Cro_01q42, Cro_Xp11.23-p11.22, Cro_Xp22.3
Modelo

1030- Cro_02p23.1
Modelo

1031- Cro_02q21
Modelo

1032- Cro_02q36-37
Modelo

1033- Cro_02q37
Modelo

1034- Cro_03p12
Modelo

1035- Cro_03p21.33
Modelo

1036- Cro_03p22.3
Modelo

1037- Cro_03p31.2-p21.3
Modelo

1038- Cro_03q12
Modelo

1039- Cro_03q2
Modelo

1040- Cro_03q22-q26 (AR)
Modelo

1041- Cro_03q23-q24
Modelo

1042- Cro_04p16.3
Modelo

1043- Cro_05 com deleção
Modelo

1044- Cro_05q13-14
Modelo

1045- Cro_05q13-q14
Modelo

1046- Cro_06p
Modelo

1047- Cro_06p21.3
Modelo

1048- Cro_06q21
Modelo

1049- Cro_07 com deleção
Modelo

1050- Cro_07q21.11
Modelo

1051- Cro_07t(17;22)(q22;q13)
Modelo

1052- Cro_08p11-q13
Modelo

1053- Cro_09p23
Modelo

1054- Cro_09q22.3
Modelo

1055- Cro_09q34
Modelo

1056- Cro_10p12
Modelo

1057- Cro_10q23
Modelo

1058- Cro_10q24
Modelo

1059- Cro_10q24-q25
Modelo

1060- Cro_10q24.3
Modelo

1061- Cro_10q25.2
Modelo

1062- Cro_11
Modelo

1063- Cro_11p13
Modelo

1064- Cro_11q13
Modelo

1065- Cro_11q13.4
Modelo

1066- Cro_11q14-21
Modelo

1067- Cro_11q23
Modelo

1068- Cro_11q23.3
Modelo

1069- Cro_12
Modelo

1070- Cro_12p12.2
Modelo

1071- Cro_12p13.3
Modelo

1072- Cro_12q13.2-12q13.3
Modelo

1073- Cro_12q14
Modelo

1074- Cro_13p1
Modelo

1075- Cro_13q14.3-q21.1
Modelo

1076- Cro_14
Modelo

1077- Cro_14q
Modelo

1078- Cro_14q31.3
Modelo

1079- Cro_15q
Modelo

1080- Cro_15q11.2-q12
Modelo

1081- Cro_15q23
Modelo

1082- Cro_15q23-q25
Modelo

1083- Cro_16
Modelo

1084- Cro_16p12.1-p11.2 (tipo XLG2)
Modelo

1085- Cro_16p12.1-p11.2 subunidade gama
Modelo

1086- Cro_16q24.3
Modelo

1087- Cro_17
Modelo

1088- Cro_17 com anomalia cromossômica com fusão do gene do colágeno tipo-1 alfa-1 (COL1A1)
Modelo

1089- Cro_17p13
Modelo

1090- Cro_17q21
Modelo

1091- Cro_17q25.3
Modelo

1092- Cro_18q11.2q12.1
Modelo

1093- Cro_18q12.2
Modelo

1094- Cro_18q21-q22
Modelo

1095- Cro_18q21.3
Modelo

1096- Cro_19p13.2-q12
Modelo

1097- Cro_19p13.3-p13.2
Modelo

1098- Cro_19q13.11
Modelo

1099- Cro_1p36-p34
Modelo

1100- Cro_2
Modelo

1101- Cro_21q22.3
Modelo

1102- Cro_22
Modelo

1103- Cro_22, t(17;22)(q22;q13)
Modelo

1104- Cro_22q11.2
Modelo

1105- Cro_22q13.1
Modelo

1106- Cro_2p21
Modelo

1107- Cro_3q11-q11.2
Modelo

1108- Cro_8q21
Modelo

1109- Cro_X
Modelo

1110- Cro_X da fosforilase B quinase
Modelo

1111- Cro_Xp11.21
Modelo

1112- Cro_Xp11.23
Modelo

1113- Cro_Xp13.3
Modelo

1114- Cro_Xp21
Modelo

1115- Cro_Xp21.1
Modelo

1116- Cro_Xp22.2-p22.1 (tipo XLG1)
Modelo

1117- Cro_Xp22.2-p22.1 (tipo XLG1) subunidade alfa
Modelo

1118- Cro_Xp22.2-p22.1 (tipo XLG2)
Modelo

1119- Cro_Xp22.2-p22.1 (tipo XLG2) subunidade alfa
Modelo

1120- Cro_Xq-28
Modelo

1121- Cro_Xq21.3-q22
Modelo

1122- Cro_Xq26.3-q27.1
Modelo

1123- Cro_Xq28
Modelo

1124- Cromatólise central
Modelo

1125- Cromossomo 01
Modelo

1126- Cromossomo 01, Cro_01p21-p13.3. Cromossomo 02, Cro_02q35. Cromossomo 03, Cro_03p14.1-p12.3. Cromossomo 08, Cro_80p23. Cromossomo 08, Cro_08q11. Cromossomo 11, Cro_11q14-q21
Modelo

1127- Cromossomo 01, Cro_01p36. Cromossomo 02, Cro_02q33. Cromossomo 09, Cro_09q34, Cro_09q21-q22. Cromossomo 15, Cro_15q15.1-q21.1. Cromossomo 16, Cro_16q12. Cromossomo 18, Cro_18q21. Cromossomo 20, Cro_20p13, Cro_20q13.3. Cromossomo 21, Cro_21q22.1.
Modelo

1128- Cromossomo 01, Cro_01q22. Cromossomo 08, Cro_08p21. Cromossomo 10, Cro_10q21.1-q22.1. Cromossomo 16, Cro_16p13,3p12. Cromossomo 17, Cro_17p11,2
Modelo

1129- Cromossomo 01, Cro_01q31-q42. Cromossomo 07, Cro_07q36. Cromossomo 09, Cro_09p22,1. Cromossomo 10, Cro_10p13, Cro_10q24. Cromossomo 12, Cro_12p11.23-q13,12. Cromossomo 14, Cro_14q24,3. Cromossomo 19, Cro_19q13,2. Cromossomo 20, Cro_20p.
Modelo

1130- Cromossomo 04, Cro_04p16.1
Modelo

1131- Cromossomo 06
Modelo

1132- Cromossomo 06, por mutações no gene do colágeno tipo XI para a cadeia alfa 2
Modelo

1133- Cromossomo 08, Cro_08p23.3-p22. Cromossomo 19, Cro_19q13.2
Modelo

1134- Cromossomo 09, Cro_09q, genopatia no TSC1. Cromossomo 16, genopatia no TSC2
Modelo

1135- Cromossomo 12
Modelo

1136- Cromossomo 12 por mutações no gene do colágeno tipo XI para a cadeia alfa 1
Modelo

1137- Cromossomo 21, subunidade b -M-W (CD18)
Modelo

1138- Cromossomo 21, trissomia, Cariótipo 47,XX(XY)+21
Modelo

1139- Cromossomo X, com mutação no gene do PIG-A
Modelo

1140- Cromossomo X, mutação
Modelo

1141- Crueldade
Modelo

1142- Curetagem com material contaminado
Modelo

1143- Curvatura da córnea ovalada (olho)
Modelo

1144- D-glicerato
Modelo

1145- D-metilmalonil-CoA
Modelo

1146- d-penicilamina (quelante)
Modelo

1147- D-Xilulose
Modelo

1148- Danos nos vasos
Modelo

1149- De forma lentamente progressiva, isto causa hemiatrofia cerebral e calcificações distróficas
Modelo

1150- Débito cardíaco
Modelo

1151- Débito Cardíaco
Modelo

1152- Débito cardíaco diminuído
Modelo

1153- Débito cardíaco direito
Modelo

1154- Débito cardíaco direito baixo
Modelo

1155- Débito cardíaco esquerdo
Modelo

1156- Débito Cardíaco esquerdo
Modelo

1157- Decaprenil-4OH-benzoato
Modelo

1158- Decaprenil pirofosfato
Modelo

1159- Defeito na substância branca [SNC, testículos, córtex adrenal]
Modelo

1160- Defeitos congênitos de fagócitos
Modelo

1161- Defeitos da imunidade inata
Modelo

1162- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 11-BETA-HIDROXIESTERÓIDE DESIDROGENASE
Modelo

1163- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 11-BETA-HIDROXILASE
Modelo

1164- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 17-ALFA-HIDROXILASE
Modelo

1165- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 21-HIDROXILASE TOTAL&Cro_06p21.3 Cro_06p21.3
Modelo

1166- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 3-B-HIDROXIESTERÓIDE DESIDROGENASE
Modelo

1167- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA 3-METILCROTONIL-COA CARBOXILASE
Modelo

1168- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA ADENOSINA-DEAMINASE
Modelo

1169- Deficiência da enzima Esfingomielina fosfodiesterase
Modelo

1170- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA FENILALANINA TRANSAMINASE
Modelo

1171- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA FRUTOSE 1,6-DIFOSFATASE
Modelo

1172- Deficiência da enzima gangliosídeo-neuraminidase
Modelo

1173- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA GANGLIOSÍDEO-NEURAMINIDASE
Modelo

1174- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA GLICOSE-6-FOSFATO DESIDROGENASE
Modelo

1175- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA N-ACETIL GLUTAMATO SINTETASE
Modelo

1176- DEFICIÊNCIA DA ENZIMA PRÓ-COLÁGENO N-ENDOPEPTIDASE
Modelo

1177- DEFICIÊNCIA DA VITAMINA K REDUTASE
Modelo

1178- Deficiência de ADA
Modelo

1179- DEFICIÊNCIA DE ADESÃO LEUCOCITÁRIA
Modelo

1180- DEFICIÊNCIA DE ANTITROMBINA
Modelo

1181- DEFICIÊNCIA DE COBRE NA DIETA
Modelo

1182- DEFICIÊNCIA DE FERRO NA DIETA
Modelo

1183- DEFICIÊNCIA DE GRÂNULOS ALFA-DELTA NAS PLAQUETAS
Modelo

1184- Deficiência de ingestão ou absorção de alimentos com Vitamina B1. Ingestão de Arroz polido como alimento básico por mais de 03M. Nutricional. Drogas. Álcool, etílico, etanol interfere com a absorção da vitamina B1.
Modelo

1185- Deficiência de PNP
Modelo

1186- DEFICIÊNCIA DE PROTEÍNA C
Modelo

1187- Deficiência de renina geralmente associada com hipoadrenalismo e deficiência ou atagonismo à aldosterona
Modelo

1188- Deficiência de Vitamina B1
Modelo

1189- DEFICIÊNCIA DE VITAMINA B1 (TIAMINA)
Modelo

1190- DEFICIÊNCIA DE VITAMINA B6 (PIRIDOXINA)
Modelo

1191- Deficiência de ZAP-70
Modelo

1192- DEFICIÊNCIA DO COMPLEXO PIRUVATO CARBOXILASE
Modelo

1193- DEFICIÊNCIA DO COMPLEXO PIRUVATO DESIDROGENASE
Modelo

1194- DEFICIÊNCIA DO FATOR DE FLETCHER
Modelo

1195- DEFICIÊNCIA DO FATOR V DA COAGULAÇÃO
Modelo

1196- DEFICIÊNCIA DO FATOR VIII:A POR ANTICORPOS
Modelo

1197- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DE PROTEÍNA S
Modelo

1198- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR I DA COAGULAÇÃO
Modelo

1199- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR II DA COAGULAÇÃO
Modelo

1200- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR IX DA COAGULAÇÃO
Modelo

1201- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR VII DA COAGULAÇÃO
Modelo

1202- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR VIII DA COAGULAÇÃO
Modelo

1203- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR X DA COAGULAÇÃO
Modelo

1204- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR XI DA COAGULAÇÃO
Modelo

1205- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR XII DA COAGULAÇÃO
Modelo

1206- DEFICIÊNCIA HEREDITÁRIA DO FATOR XIII DA COAGULAÇÃO
Modelo

1207- Deficiência na memória
Modelo

1208- Deficiência RAG-1, 2
Modelo

1209- Deficiências do sistema complemento
Modelo

1210- Deficiências predominantemente de anticorpos
Modelo

1211- Déficits de memória
Modelo

1212- Deformação irregular da superfície da córnea
Modelo

1213- Deformações nas articulações
Modelo

1214- Deformidade da hemácia
Modelo

1215- Degeneração basofílica da matriz extracelular elástica
Modelo

1216- Degeneração do corpo do neurônio motor inferior
Modelo

1217- Degeneração dos neurônios motores (XII, XI, X e XII)
Modelo

1218- Degeneração dos neurônios motores cervicais
Modelo

1219- Degeneração dos neurônios motores superiores na cápsula interna e pedúnculos cerebrais
Modelo

1220- Degeneração dos testículos
Modelo

1221- Degeneração espongiforme cortical cerebral e cerebelar
Modelo

1222- DEGENERAÇÃO FIBRINÓIDE
Modelo

1223- Degeneração fibrinóide arterial
Modelo

1224- Degeneração fibrinóide das fibras do colágeno em tecidos mesenquimais
Modelo

1225- Degeneração pigmentar da retina
Modelo

1226- Deglutição
Modelo

1227- Degradação de HMG-CoA
Modelo

1228- Deidroepiandrosterona
Modelo

1229- Deleção do Cro_X paterno
Modelo

1230- Deleção dos exons 7 e 8 (gene SMN) no locus 5q11-q13 em ambas as cópias do gene SMN1, UBA1, VAPB e genes IGHMBP2
Modelo

1231- Delírio
Modelo

1232- Demência
Modelo

1233- Demência progressiva e irreversível
Modelo

1234- Denervação muscular
Modelo

1235- Denervação parcial crônica
Modelo

1236- DENGUE
Modelo

1237- Deposição de amilóide nos tufos capilares glomerulares
Modelo

1238- Deposição de cristais em forma de agulha no espaço articular
Modelo

1239- Deposição de fibras colágenas aumentada
Modelo

1240- Deposição de fibrina
Modelo

1241- Deposição de substância fibrinóide seguida de fibrose
Modelo

1242- Deposição generalizada de amilóide tipo AL (cadeias leves da imunoglobulina)
Modelo

1243- Deposição sistêmica de amilóide
Modelo

1244- Depósito de alcaptona (Ácido homogentísico) [tecidos]
Modelo

1245- Depósito de amilóide de cadeias pesadas (AH)
Modelo

1246- Depósito de amilóide nos glomérulos
Modelo

1247- Depósito de colesterol sob a camada íntima arterial
Modelo

1248- Depósito de Dermatan sulfato córnea
Modelo

1249- Depósito de Ferritina e Hemossiderina
Modelo

1250- Depósito de ferro [ductos biliares]
Modelo

1251- Depósito de ferro [fígado]
Modelo

1252- Depósito de ferro [mitocôndria do eritroblasto]
Modelo

1253- Depósito de ferro [mitocôndria no fígado]
Modelo

1254- Depósito de ferro [pele]
Modelo

1255- Depósito de fibrilina AA
Modelo

1256- Depósito de hemossiderina
Modelo

1257- Depósito de oxalato (coração)
Modelo

1258- Depósito de oxalato (rim)
Modelo

1259- Depósito de oxalato [rim]
Modelo

1260- Depósito de triglicérides [fígado]
Modelo

1261- Depósito extracelular de proteína fibrosa insolúvel (amilóide) localizada
Modelo

1262- Depósito extracelular de proteína fibrosa insolúvel (amilóide) sistêmica
Modelo

1263- Depósito nos dentes (marrom-avermelhado)
Modelo

1264- Depósito nos glomérulos renais
Modelo

1265- Depósito subcutâneo de hemossiderina
Modelo

1266- Depósitos de complexos antígenos-anticorpo em capilares
Modelo

1267- Depósitos tofáceos de cristais de urato de sódio
Modelo

1268- Depóstio de cristatis de oxalato de cálcio [rins]
Modelo

1269- Depóstio de cristatis de oxalato de cálcio [sistêmico]
Modelo

1270- Depressão
Modelo

1271- Depressão medular
Modelo

1272- Derivado da transtiretina (ou pré-albumina), proteína plasmática que transporta tiroxina e retinol (Vitamina A)
Modelo

1273- Dermatan di-sulfato {idu-2S-galNAc-4S}...
Modelo

1274- Dermatan sulfato {idu-galNAc-4S}...
Modelo

1275- DERMATITE DE CONTATO
Modelo

1276- DERMATOFIBROSSARCOMA PROTUBERANTE
Modelo

1277- DERMATOMIOSITE
Modelo

1278- Derme
Modelo

1279- Derrame pleural
Modelo

1280- Desaparecimento do espaço de Bowman
Modelo

1281- Descamação cutânea
Modelo

1282- Descamação do endométrio
Modelo

1283- Descamação epitelial
Modelo

1284- Desenvolvimento defeituoso da crista neural (neurocristopatia)
Modelo

1285- Desenvolvimento placentário defeituoso
Modelo

1286- Desestabilização do núcleo celular (todas exceto as cerebrais)
Modelo

1287- Desidratação
Modelo

1288- Deslocamento de Cálcio nos ossos
Modelo

1289- Deslocamento do cristalino
Modelo

1290- Desmielinização cíclica com bainha de mielina anormal
Modelo

1291- Desmielinização do SNC
Modelo

1292- Desmielinização grave
Modelo

1293- Desmielinização neuronal periférica
Modelo

1294- Desmosterol
Modelo

1295- Desnaturação e precipitação da hemoglobina
Modelo

1296- DESNUTRIÇÃO CRÔNICA
Modelo

1297- Desoxicorticosterona
Modelo

1298- Desprendimento parcial da parede interna uterina
Modelo

1299- Desprendimento total da parede interna uterina
Modelo

1300- Desregulação fibroblástica
Modelo

1301- Desregulação vasomotora
Modelo

1302- Destruição das células epiteliais tubulares
Modelo

1303- Destruição de células por auto-anticorpo
Modelo

1304- Destruição de macrófagos tissulares
Modelo

1305- Destruição e deformidade articular
Modelo

1306- Destruição progressiva dos hepatócitos
Modelo

1307- Desvio contralateral da linha mediana
Modelo

1308- Desvio ocular tipo skew deviation (desvio não conjugado vertical do olhar)
Modelo

1309- Dextrina (1,6)
Modelo

1310- DHI
Modelo

1311- DHICA
Modelo

1312- Diabetes mellitus
Modelo

1313- DIABETES MELLITUS
Modelo

1314- Diabetes mellitus descompensado
Modelo

1315- DIABETES MELLITUS TIPO I
Modelo

1316- Diacilglicerídeos
Modelo

1317- Diacilglicerol {DAG}
Modelo

1318- Diâmetro do nervo
Modelo

1319- Diâmetro pupilar
Modelo

1320- Diapedese de linfócitos
Modelo

1321- Diarréia
Modelo

1322- Dias até a digestão e remoção da necrose por leucócitos
Modelo

1323- Dias até a digestão e remoção da necrose por macrófagos
Modelo

1324- Dias ou semanas antes da morte do concepto
Modelo

1325- Diátese hemorrágica
Modelo

1326- Dieta
Modelo

1327- Diferença de Potencial Elétrico transmembrana na fase 0 (Complexo QRS)
Modelo

1328- Diferença de Potencial Elétrico transmembrana na fase 2 (Segmento ST)
Modelo

1329- Diferença de Potencial Elétrico transmembrana na fase 3 (Onda T)
Modelo

1330- Diferença de pressão alvéolo-atmosfera
Modelo

1331- Diferenciação e migração de melanoblastos
Modelo

1332- Dificuldade de deglutição
Modelo

1333- Dificuldade de micção
Modelo

1334- Digestão lissosômica
Modelo

1335- Digitoxina
Modelo

1336- Digoxina
Modelo

1337- Dihidropteridina
Modelo

1338- Dihidrotestosterona
Modelo

1339- Diidroxiacetona fosfato
Modelo

1340- Diidroxifenilalanina (DOPA)
Modelo

1341- Dilatação atrial esquerda
Modelo

1342- Dilatação da aorta ascendente
Modelo

1343- Dilatação do anel valvar aórtico
Modelo

1344- Dilatação do colo do útero
Modelo

1345- Dilatação do ventrículo esquerdo
Modelo

1346- Dímero covalente da proteína com radical carbonato
Modelo

1347- Dimetilalil pirofosfato
Modelo

1348- Diminui a migração dos granulócitos para a região inflamada
Modelo

1349- Diminuição da proteína SMN
Modelo

1350- Diminuição da secreção tubular de ácido úrico
Modelo

1351- Diminuição de proteínas de ancoragem na membrana da série mielóide
Modelo

1352- Diminuição de proteínas que a protege de lise por complemento ativado espontaneamente
Modelo

1353- Diminuição numérica dos neurônios e formação de placas senis (Amilóide de proteína beta ou A4) no neurópilo (rede de sinápses compactada) com perda de sinapses
Modelo

1354- Dióxido de enxofre
Modelo

1355- Dipalmitoil lecitina
Modelo

1356- Dipalmitoil lecitina (Dipalmitoil fosfatitilcolina)
Modelo

1357- Diplopia devido a skew deviation (desvio não conjugado vertical do olhar)
Modelo

1358- Disartria
Modelo

1359- Discos intervertebrais
Modelo

1360- Disfagia
Modelo

1361- Disfunção imunológica
Modelo

1362- Disfunção no tecido circundante
Modelo

1363- Disfunção renal
Modelo

1364- Disgenesia gonadal
Modelo

1365- DISLIPIDEMIAS
Modelo

1366- Dispersão dos ribossonos
Modelo

1367- Dispnéia
Modelo

1368- Dispnéia, aguda
Modelo

1369- Disponibilidade de ferro [eritroblasto]
Modelo

1370- Dispositivo intrauterino de cobre
Modelo

1371- Dissecar o tecido conectivo periportal
Modelo

1372- Disseminação hematogênica
Modelo

1373- Disseminação linfangítica
Modelo

1374- Disseminação linfática
Modelo

1375- Disseminação sanguínea e linfática
Modelo

1376- Dissolução dos corpúsculos de Nissl
Modelo

1377- Distância do nervo à superfície da pele (menor temperatura)
Modelo

1378- Distensão abdominal
Modelo

1379- Distensão do intestino grosso
Modelo

1380- Distensão dos corpos dos neurônios
Modelo

1381- Distensão dos vasos sanguíneos
Modelo

1382- Distrofia ungueal
Modelo

1383- Distrúrbio no SN autonômo
Modelo

1384- Distúrbio cromossômico
Modelo

1385- Distúrbio da bexiga
Modelo

1386- Distúrbio da propriocepção consciente
Modelo

1387- Distúrbio da sensibilidade vibratória
Modelo

1388- Distúrbio do Sistema Nervoso por ALA
Modelo

1389- Distúrbio hormonal
Modelo

1390- Distúrbio motor central
Modelo

1391- Distúrbio motor periférico
Modelo

1392- Distúrbio no SN autônomo
Modelo

1393- Distúrbio no SN somático
Modelo

1394- Distúrbio sensitivo periférico
Modelo

1395- Distúrbio uterino
Modelo

1396- Distúrbio uterino adquirido
Modelo

1397- Distúrbio uterino congênito
Modelo

1398- Distúrbio visual
Modelo

1399- Distúrbios da gustação
Modelo

1400- Distúrbios da movimentação dos dedos
Modelo

1401- Distúrbios de coagulação sanguínea
Modelo

1402- DISTÚRBIOS DO PLEXO BRAQUIAL
Modelo

1403- Distúrbios esfincterianos
Modelo

1404- Distúrbios gastrintestinais
Modelo

1405- Distúrbios visuais
Modelo

1406- Disúria
Modelo

1407- Diuréticos. Ciclosporina. Diatrizoato de meglumina. Uricosúricos
Modelo

1408- DOENÇA ATEROEMBÓLICA DO COLESTEROL
Modelo

1409- DOENÇA CARDÍACA ISQUÊMICA AGUDA
Modelo

1410- Doença cutânea por degeneração fibrinóide
Modelo

1411- Doença cutânea, colagenose
Modelo

1412- DOENÇA DE ALZHEIMER
Modelo

1413- DOENÇA DE BASEDOW-GRAVES
Modelo

1414- Doença de Basedow - Graves
Modelo

1415- DOENÇA DE CHAGAS AGUDA
Modelo

1416- DOENÇA DE CHAGAS AGUDA COM MIOCARDIOPATIA DILATADA
Modelo

1417- DOENÇA DE CHARCOT-MARIE-TOOTH TIPO I
Modelo

1418- DOENÇA DE DEPÓSITO DE ÉSTERES DE COLESTEROL
Modelo

1419- DOENÇA DE FABRY
Modelo

1420- Doença de Farber
Modelo

1421- DOENÇA DE FARBER
Modelo

1422- Doença de Gaucher
Modelo

1423- DOENÇA DE GAUCHER
Modelo

1424- DOENÇA DE KRABBE
Modelo

1425- Doença de Krabble
Modelo

1426- Doença de Niemann-Pick tipo A
Modelo

1427- DOENÇA DE NIEMANN-PICK TIPO A
Modelo

1428- DOENÇA DE NIEMANN-PICK TIPO C
Modelo

1429- DOENÇA DE SANDHOFF
Modelo

1430- DOENÇA DE SCHINDLER
Modelo

1431- DOENÇA DE TAY-SACHS
Modelo

1432- DOENÇA DE VON WILLEBRAND
Modelo

1433- DOENÇA DE WHIPPLE
Modelo

1434- DOENÇA DE WILSON
Modelo

1435- DOENÇA DO ARMAZENAMENTO DE ÁCIDO SIÁLICO LIVRE FORMA ADULTA
Modelo

1436- DOENÇA DO ARMAZENAMENTO DE ÁCIDO SIÁLICO LIVRE FORMA INFANTIL
Modelo

1437- DOENÇA DO SORO
Modelo

1438- DOENÇA DO XAROPE DE BORDO TIPO CLÁSSICA
Modelo

1439- Doença imune por anti-corpos contra diferentes frações da glandula tireóide. Hipertiroidismo associado com um bócio hiperplásico difuso resultante da produção de um anticorpo dirigido contra o receptor do hormônio tireóide-estimulante (TSH), o qual atua como um agonista do receptor de TSH na célula da glândula tireóide.
Modelo

1440- Doença infecciosa por ingestão de ovos da tênia eliminadas nas fezes dos carnívoros da forma larval dos vermes chatos do helminto cestódeo Echinococcus granulosus, E. multiloculariis, E. vogeli e E. oligarthrus
Modelo

1441- DOENÇA PELO HIV
Modelo

1442- DOENÇA PLAQUETÁRIA DO QUEBEC
Modelo

1443- Doença sexualmente transmissível. Transfusão. Transplante. Incubação de 10A-20A
Modelo

1444- Doenças de desregulação imunológica
Modelo

1445- Doenças inflamatórias crônicas (lepra lepromatosa, tuberculose, osteomielite, bronquiectasias, artrite reumatóide)
Modelo

1446- Dolichol
Modelo

1447- DOPA
Modelo

1448- DOPAcisteína
Modelo

1449- DOPAcromo
Modelo

1450- Dopamina
Modelo

1451- Dopamina [hipotálamo]
Modelo

1452- DOPAquinona
Modelo

1453- Dor abdominal
Modelo

1454- Dor abdominal, hipocôndrio, direito
Modelo

1455- Dor de garganta
Modelo

1456- Dor generalizada, intensa
Modelo

1457- Dor lombar
Modelo

1458- Dor muscular
Modelo

1459- Dor nas articulações
Modelo

1460- Dor nas costas
Modelo

1461- Dor nos pés
Modelo

1462- Dor pélvica
Modelo

1463- Dor retrocular, intensa
Modelo

1464- Dorsiflexão da mão
Modelo

1465- Dorsiflexão do pé
Modelo

1466- Droga agindo como hapteno
Modelo

1467- DROGAS ANTITROMBÓTICA - INIBIDORES DE GLICOPROTEÍNA IIB-IIIA
Modelo

1468- DROGAS INOTRÓPICAS POSITIVAS
Modelo

1469- DST
Modelo

1470- Ducto arterioso
Modelo

1471- Dupla hemianestesia térmica e dolorosa
Modelo

1472- Dupla hemiplegia
Modelo

1473- Duração da diástole
Modelo

1474- Durante o ciclo menstrual, a adenomiose comporta-se como o próprio endométrio, sofrendo degeneração e hemorragias
Modelo

1475- ECG anomalias da condução
Modelo

1476- Ectasia dural
Modelo

1477- Edema
Modelo

1478- Edema cerebral
Modelo

1479- Edema da mucosa gastrointestinal
Modelo

1480- Edema e derrames articulares (grandes articulações), dolorosos, comum tb nas mãos e pés
Modelo

1481- Edema intersticial pulmonar
Modelo

1482- Edema localizado, abdominal, nos membros inferiores
Modelo

1483- Edema nos membros inferiores
Modelo

1484- Efluxo de Ca+2 por contratransporte com Na+/Ca+2 transmembrana
Modelo

1485- Efluxo de Ca+2 por contratransporte Na+/Ca+2 transmembrana
Modelo

1486- Elasticidade aumentada da pele
Modelo

1487- Elasticidade da parede da aorta
Modelo

1488- Elastina da parede da aorta defeituosa
Modelo

1489- Elastorrex da membrana de Bruch [entre a retina e a coróide]
Modelo

1490- Elastorrexe da derme média e profunda
Modelo

1491- Elastorrexe das túnica média [artérias de médio calibre]
Modelo

1492- ELASTOSE PERFURANTE SERPIGINOSA
Modelo

1493- Eliminação de ferro
Modelo

1494- Eliminação do tecido elástico dérmico através da epiderme
Modelo

1495- Em andamento
Modelo

1496- EMBOLIA CORONÁRIA (Coágulo, gordura, gasosa)
Modelo

1497- EMBOLIA CORONÁRIA COM INFARTO DO MIOCÁRDIO
Modelo

1498- EMBOLIA CORONÁRIA SEM INFARTO DO MIOCÁRDIO
Modelo

1499- Embrião ou feto (inviável) com menos de 500g E idade gestacional até 19 (OMS) ou até 21 semanas de gestação
Modelo

1500- EMBRIÃO, início da vida humana [2ª - 8ª semana]
Modelo

1501- Emulsão das gorduras no quimo duodenal
Modelo

1502- Encefalite
Modelo

1503- ENCEFALITE LETÁRGICA COM TIQUE
Modelo

1504- Encefalopatia
Modelo

1505- ENCEFALOPATIA ESPONGIFORME SUBAGUDA
Modelo

1506- Encurtamento dos dedos
Modelo

1507- Endocitose de Lipoproteínas plasmática (LDL)
Modelo

1508- Endocitose Recetor/Transferrina (célula)
Modelo

1509- Endocitose Recetor/Transferrina [célula]
Modelo

1510- Endométrio ectópico [extra útero]
Modelo

1511- Endométrio ectópico [miométrio no útero]
Modelo

1512- Endométrio proliferativo
Modelo

1513- Endométrio secretor
Modelo

1514- ENDOMETRIOSE
Modelo

1515- Endotélio vascular
Modelo

1516- Endurecimento da parede arterial
Modelo

1517- Engasgamentos
Modelo

1518- Engurgitação !obstrução venosa
Modelo

1519- Enilpiruvato
Modelo

1520- Enolpiruvato
Modelo

1521- Envelhecimento
Modelo

1522- Envelhecimento e Diabetes mellitus
Modelo

1523- Envolvendo circuitos neuronais frontais-subcorticais
Modelo

1524- Enxaqueca
Modelo

1525- Enzima 1,4-a-glicosidase desramificadora (lisossomos no músculo)
Modelo

1526- Enzima 1,4-a-glicosidase desramificadora [lisossomos no coração, músculo, cérebro, medula espinhal e fígado]
Modelo

1527- Enzima 1,6-a-glicosidase desramificadora [fígado]
Modelo

1528- Enzima 1,6-a-glicosidase desramificadora [músculo]
Modelo

1529- Enzima 11-b-hidroxiesteróde desidrogenase
Modelo

1530- Enzima 11-b-hidroxiesteróde desidrogenase [glomerulosa da adrenal]
Modelo

1531- Enzima 11-b-hidroxilase [mitocôndria da glomerulosa da adrenal]
Modelo

1532- Enzima 11-b-hidroxilase [zona glomerular e fascicular na adrenal]
Modelo

1533- Enzima 12-hidroxicolesterol
Modelo

1534- Enzima 17-a-hidroxilase [ausente na glomerulosa das adrenais]
Modelo

1535- Enzima 17-b-hidroxiesteróide desidrogenase
Modelo

1536- Enzima 17-ceto redutase
Modelo

1537- Enzima 17,20 liase (citocromo P450c17)
Modelo

1538- Enzima 18-hidroxilase [ausente na zona reticulada das adrenais]
Modelo

1539- Enzima 18-oxidase
Modelo

1540- Enzima 2-hidroxi-ftanoil-CoA liase
Modelo

1541- Enzima 2-metil-butiril-CoA desidrogenase
Modelo

1542- Enzima 21-b-hidroxilase
Modelo

1543- Enzima 21-hidroxilase
Modelo

1544- Enzima 3-b-hidroxiesteróde desidrogenase [retículo endoplasmático]
Modelo

1545- Enzima 3-b-hidroxiesteróide desidrogenase
Modelo

1546- Enzima 3-metilcrotonil-CoA carboxilase
Modelo

1547- Enzima 3-metilglutaconil-CoA hidratase
Modelo

1548- Enzima 4,5-dihidro-orótico desidrogenase
Modelo

1549- Enzima 5-a-redutase
Modelo

1550- Enzima 5-hidroxitriptofano descaboxilase
Modelo

1551- Enzima 5-nucleotidase
Modelo

1552- Enzima 6-fofogliconato desidrogenase
Modelo

1553- Enzima 7-dehidrocolesterol redutase
Modelo

1554- Enzima a-fucosidase [lisossomo]
Modelo

1555- Enzima a-galactosaminidase {N-acetil-a-D-galactosaminidase} [lisossomo]
Modelo

1556- Enzima a-galactosidase A [lisossomo nos vasos sanguíneos]
Modelo

1557- Enzima a-glucon-glicosil 4,4 tranferase
Modelo

1558- Enzima a-glucon-glicosil 4,4 tranferase [músculo]
Modelo

1559- Enzima a-glucosamina N-acetil transferase
Modelo

1560- Enzima a-L-iduronidase
Modelo

1561- Enzima a-manosidase [lisossomo]
Modelo

1562- Enzima a-metilacetoacetil-CoA tiolase
Modelo

1563- Enzima a-N-acetilgalactosamina 4-sulfatase (arilsulfatase B)
Modelo

1564- Enzima a-N-acetilgalactosamina 6-sulfatase
Modelo

1565- Enzima a-N-acetilglucosamina 6-sulfatase
Modelo

1566- Enzima a-N-acetilglucosaminidase
Modelo

1567- Enzima acetaldeído desidrogenase
Modelo

1568- Enzima acetil-CoA-acil transferase
Modelo

1569- Enzima acetilcolinesterase
Modelo

1570- Enzima ácido graso de cadeina longa-CoA ligase
Modelo

1571- Enzima acil-CoA-colesterol acil tranferase [intestino]
Modelo

1572- Enzima acil-CoA a-metil desidrogenase
Modelo

1573- Enzima acil-CoA desidrogenase [mitocôndria]
Modelo

1574- Enzima acil-CoA desidrogenase de cadeia muito longa
Modelo

1575- Enzima ADAMTS-13 [plasma]
Modelo

1576- Enzima adenilato quinase
Modelo

1577- Enzima adenilosuccinato liase
Modelo

1578- Enzima adenosina-deaminase
Modelo

1579- Enzima Adenosina-deaminase
Modelo

1580- Enzima ALA sintetase [eritroblasto]
Modelo

1581- Enzima ALA sintetase [fígado]
Modelo

1582- Enzima alanina:hidroxipiruvato aminotransferase [perosissomo]
Modelo

1583- Enzima álcool desidrogenase
Modelo

1584- Enzima aldeído desidrogenase
Modelo

1585- Enzima aldeído oxidase
Modelo

1586- Enzima aldolase
Modelo

1587- Enzima aldolase [músculo, hemácia]
Modelo

1588- Enzima alfa-aminoadipica semialdeído desidrogenase
Modelo

1589- Enzima amidofosforibosil transferase
Modelo

1590- Enzima amilase (1,4) [intestino delgado]
Modelo

1591- Enzima amilase (1,4) [saliva]
Modelo

1592- Enzima amilase [intestino]
Modelo

1593- Enzima amilo-1,4-1,6-glicosidase ramificadora [fígado, rim, músculo]
Modelo

1594- Enzima amino-oxidase
Modelo

1595- Enzima aminoimidazol carboxamida ribótido transformilase
Modelo

1596- Enzima aminotransferase de cadeia ramificada
Modelo

1597- Enzima arginase
Modelo

1598- Enzima argininossuccinato sintetase
Modelo

1599- Enzima arginosuccinato liase
Modelo

1600- Enzima arilsulfactase A [nervoso e rim]
Modelo

1601- Enzima aromatase
Modelo

1602- Enzima aromatase [granulosa]
Modelo

1603- Enzima aspartato aminotransferase
Modelo

1604- Enzima aspartato transcarbamoilase
Modelo

1605- Enzima b-galactocerebrosidase {lactosil-ceramida b-galactosidase} [lisossomos dos oligodendrócitos do SN]
Modelo

1606- Enzima b-galactosidase
Modelo

1607- Enzima b-glicocerebrosidase {glicosil-ceramida b-glicosidase} [lisossomo no macrófago]
Modelo

1608- Enzima b-glucuronidase [intestino]
Modelo

1609- Enzima b-glucuronidase [lisossoma]
Modelo

1610- Enzima b-hidroxibutirato desidrogenase
Modelo

1611- Enzima b-manosidase [lisossomo]
Modelo

1612- Enzima b-OH-metilglutaril-CoA liase
Modelo

1613- Enzima b-OH-metilglutaril-CoA liase {HMGL} [fígado]
Modelo

1614- Enzima b-OH-metilglutaril-CoA sintetase [fígado]
Modelo

1615- Enzima bilirrubina redutase
Modelo

1616- Enzima carbamoil-fosfato sintetase I
Modelo

1617- Enzima catabolisadora GABA-transaminaseantiepilético
Modelo

1618- Enzima catalase
Modelo

1619- Enzima ceramidase [lisossomo no macrófago]
Modelo

1620- Enzima ciclohidrolase IMP
Modelo

1621- Enzima cicloxigenase [plaquetas]
Modelo

1622- Enzima cistationina-g-liase
Modelo

1623- Enzima cistationina b-sintetase (fígado)
Modelo

1624- Enzima cisteina-aspartate aminotransferase
Modelo

1625- Enzima citocromo C oxidase
Modelo

1626- Enzima colesterol 20,22 desmolase [mitocôndria na adrenal]
Modelo

1627- Enzima Colesterol 7-hidroxilase
Modelo

1628- Enzima colinacetilase
Modelo

1629- Enzima conversora de angiotensina (pulmão)
Modelo

1630- Enzima coproporfirina III oxidase [mitocôndria do eritroblasto]
Modelo

1631- Enzima coproporfirina III oxidase [mitocôndria no fígado]
Modelo

1632- Enzima CPK
Modelo

1633- Enzima D-aminoácido oxidase [perosissomo]
Modelo

1634- Enzima decaprenil-4OH-benzoato transferase
Modelo

1635- Enzima dehidrodolichol diphosphato sintetase (DHDDS)
Modelo

1636- Enzima desidrogenase lática (músculo)
Modelo

1637- Enzima desmosterol redutase
Modelo

1638- Enzima difosfomevalonato carboxilase
Modelo

1639- Enzima dihidro-orotase
Modelo

1640- Enzima diidropteridina redutase (DHPR)
Modelo

1641- Enzima dimetilalil transferase
Modelo

1642- Enzima dolicol quinase
Modelo

1643- Enzima DOPA descarboxilase
Modelo

1644- Enzima dopamina-b-hidroxilase
Modelo

1645- Enzima dopamina b-hidroxilase
Modelo

1646- Enzima enolase
Modelo

1647- Enzima escaleno monooxigenase
Modelo

1648- Enzima esfingomielinase {esfingomielina fosfodiesterase} [cérebro, fígado, baço, medula óssea, linfonodos]
Modelo

1649- Enzima esqualeno sintetase
Modelo

1650- Enzima esterol 27-hidroxilase (mitocôndria)
Modelo

1651- Enzima farnesil-pirofosfato sintetase (1)
Modelo

1652- Enzima farnesil-pirofosfato sintetase (2)
Modelo

1653- Enzima farnesil-PP farnesil transferase
Modelo

1654- Enzima fenilalanina hidroxilase [fígado]
Modelo

1655- Enzima fenilalanina transaminase [fígado]
Modelo

1656- Enzima ferro oxidase [enterócito]
Modelo

1657- Enzima ferroquetalase [eritroblasto]
Modelo

1658- Enzima ferroquetalase [fígado]
Modelo

1659- Enzima fitanoil-CoA hidroxilase (alfa-oxidação) [peroxissomo]
Modelo

1660- Enzima fosfatase alcalina [fígado, ossos, intestino, placenta]
Modelo

1661- Enzima fosfatase alcalina [fígado]
Modelo

1662- Enzima fosfatase alcalina [plasma]
Modelo

1663- Enzima fosfofruto quinase [músculo, hemácia]
Modelo

1664- Enzima fosfoglicerato mutase
Modelo

1665- Enzima fosfoglicerato mutase [músculo]
Modelo

1666- Enzima fosfoglicerato quinase
Modelo

1667- Enzima fosfoglicerato quinase [músculo]
Modelo

1668- Enzima fosfoglico mutase
Modelo

1669- Enzima fosfoglico mutase [fígado, rim, intestino]
Modelo

1670- Enzima fosfoglico mutase [fígado, rim, músculo]
Modelo

1671- Enzima fosfoglicomutase
Modelo

1672- Enzima fosfohexose isomerase
Modelo

1673- Enzima fosfolipase A2 [plaqueta, pâncreas, veneno da jararaca e cascavel]
Modelo

1674- Enzima fosfolipase C [plaqueta]
Modelo

1675- Enzima fosfomanose isomerase
Modelo

1676- Enzima fosfomevalonato quinase
Modelo

1677- Enzima fosfopentose epimerase
Modelo

1678- Enzima fosfopentose isomerase
Modelo

1679- Enzima fosforibosilpirofosfato sintetase {PRPP}
Modelo

1680- Enzima fosforilase B quinase ativa [fígado, hemácia]
Modelo

1681- Enzima fosforilase B quinase ativa [fígado]
Modelo

1682- Enzima fosforilase B quinase inativa [fígado]
Modelo

1683- Enzima frutoquinase [extra-hepático]
Modelo

1684- Enzima frutoquinase [fígado]
Modelo

1685- Enzima frutose-1-fosfato aldolase B [fígado, rins, intestino delgado]
Modelo

1686- Enzima frutose-1,6-difosfatase
Modelo

1687- Enzima frutose-1,6-difosfatase [músculo]
Modelo

1688- Enzima fumarilacetoacetato hidrolase [fígado]
Modelo

1689- Enzima furina [secretada por fibroblastos, osteoblastos, células muscular lisa e pericondrócitos]
Modelo

1690- Enzima g-glutamil carboxilase Vitamina K dependente [fígado]
Modelo

1691- Enzima galactoquinase [fígado]
Modelo

1692- Enzima galactose-1-fosfato uridil transferase
Modelo

1693- Enzima galactose-1-fosfato uridil transferase parcial
Modelo

1694- Enzima galactose quinase
Modelo

1695- Enzima gangliosídeo-neuraminidase [lisosssomo]
Modelo

1696- Enzima geranil transferase
Modelo

1697- Enzima gliceraldeído desidrogenase
Modelo

1698- Enzima gliceraldeído quinase
Modelo

1699- Enzima glicogênio fosforilase A [músculo]
Modelo

1700- Enzima glicogênio fosforilase A ativa [fígado, rim, intestino]
Modelo

1701- Enzima glicogênio fosforilase B inativa [músculo]
Modelo

1702- Enzima glicogênio fosforilase quinase A (PKA) [fígado, rim, músculo]
Modelo

1703- Enzima glicogênio sintetase D
Modelo

1704- Enzima glicogênio sintetase I
Modelo

1705- Enzima glicogênio sintetase quinase [fígado]
Modelo

1706- Enzima glicolato oxidase [perosissomo]
Modelo

1707- Enzima glicoquinase [fígado, rim, músculo]
Modelo

1708- Enzima glicosamina 6-sulfato sulfatase
Modelo

1709- Enzima glicose-6-fosfatase [RE no [fígado, rim, intestino]
Modelo

1710- Enzima glicose-6-fosfatase [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

1711- Enzima glicose-6-fosfatase subunidade SP [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

1712- Enzima glicose-6-fosfato desidrogenase {G6PD}
Modelo

1713- Enzima glicose-6-fosfato desidrogenase {G6PD} [hemácia]
Modelo

1714- Enzima glioxilato redutase-hidroxipiruvato redutase {GR-HPR}
Modelo

1715- Enzima glioxilato redutase D-glicerato desidrogenase
Modelo

1716- Enzima glucose-fosfato isomerase
Modelo

1717- Enzima glucuronato sulfatase
Modelo

1718- Enzima glutamato descarboxilase
Modelo

1719- Enzima glutamato desidrogenase (fígado, mitocôndria)
Modelo

1720- Enzima glutamilcisteina sintetase [fígado]
Modelo

1721- Enzima glutamina sintetase
Modelo

1722- Enzima glutaminase (fígado)
Modelo

1723- Enzima glutaminase (rim)
Modelo

1724- Enzima glutatião peroxidase [hemácia]
Modelo

1725- Enzima glutatião redutase [hemácia]
Modelo

1726- Enzima glutation-cisteína desidrogenase
Modelo

1727- Enzima glutationa sintetase [fígado]
Modelo

1728- Enzima GM1-b-galactosidase [lisossomo]
Modelo

1729- Enzima heme-oxidase [macrófago]
Modelo

1730- Enzima heme oxigenase
Modelo

1731- Enzima heparan N-sulfatase
Modelo

1732- Enzima hexoquinase
Modelo

1733- Enzima hexoquinase [todas as células]
Modelo

1734- Enzima hexosaminidase A [lisossomo]
Modelo

1735- Enzima hexosaminidase B [lisossomo]
Modelo

1736- Enzima hialuronidase
Modelo

1737- Enzima hidroxifenilpiruvato dioxigenase (HPPD) [fígado]
Modelo

1738- Enzima hidroximetil-glutaril-CoA redutase
Modelo

1739- Enzima hidroximetil-glutaril-CoA sintase (peroxissomo)
Modelo

1740- Enzima hidroxiporlina oxidase
Modelo

1741- Enzima hipoxantina-guanina fosforribosil transferase {HGPRT}
Modelo

1742- Enzima hipoxantina-guanina fosforribosil transferase {HGPRT} (parcial)
Modelo

1743- Enzima hipoxantina-guanina fosforribosil transferase {HGPRT} (total)
Modelo

1744- Enzima hipoxantina-guanina fosforribosiltransferase {HGPRT}
Modelo

1745- Enzima hipoxantina-guaninafosforribosil transferase {HGPRT}
Modelo

1746- Enzima HMG-CoA fosfatase
Modelo

1747- Enzima HMG-CoA quinase
Modelo

1748- Enzima HMG-CoA quinase-fosfato
Modelo

1749- Enzima HMG-CoA redutase
Modelo

1750- Enzima HMG-CoA redutase-fosfato (inativa)
Modelo

1751- Enzima HMG-CoA sintetase
Modelo

1752- Enzima homogentísico oxidase [fígado, rim]
Modelo

1753- Enzima iduronato-2-sulfatase [lisossomos]
Modelo

1754- Enzima isobutiril-CoA desidrogenase
Modelo

1755- Enzima isoleucina alfa-cetoglutarato transaminase
Modelo

1756- Enzima isomaltase (1-6) [intestino delgado]
Modelo

1757- Enzima isopentenildifosfato d-isomerase
Modelo

1758- Enzima isovaleril-CoA desidrogenase
Modelo

1759- Enzima L-alanina:glioxilato aminotransferase [peroxissomo no fígado]
Modelo

1760- Enzima L-alanina:glioxilato aminotransferase {AGT} [peroxissomo no fígado]
Modelo

1761- Enzima lactase [intestino delgado]
Modelo

1762- Enzima lactato desidrogenase
Modelo

1763- Enzima lactonase
Modelo

1764- Enzima lanosterol sintetase
Modelo

1765- Enzima latosterol oxidase
Modelo

1766- Enzima lecitina colesterol acil tranferase
Modelo

1767- Enzima leucina a-cetoglutarato transaminase
Modelo

1768- Enzima ligase acil-CoA [citoplasma-peroxissomos]
Modelo

1769- Enzima lipase ácida [lisossomo no fígado, intestino, parede dos vasos sanguíneos, medula óssea, glândulas adrenais, linfonodos]
Modelo

1770- Enzima lipase ácida [lisossomo no fígado, intestino, parede dos vasos sanguíneos]
Modelo

1771- Enzima lisina 6-oxidase
Modelo

1772- Enzima lisina hidroxilase
Modelo

1773- Enzima maleilacetoacetato isomerase
Modelo

1774- Enzima maltase (1-4) [intestino delgado]
Modelo

1775- Enzima maltase [intestino]
Modelo

1776- Enzima mercaptopiruvato sulfurtransferase
Modelo

1777- Enzima metacril-CoA desidrogenase
Modelo

1778- Enzima metilmalonil-CoA epimerase
Modelo

1779- Enzima metilmalonil-CoA isomerase [mitocôndria]
Modelo

1780- Enzima metilmalonil-CoA mutase
Modelo

1781- Enzima metionina adenosil transferase
Modelo

1782- Enzima metionina sintetase
Modelo

1783- Enzima mevalonato-5-fosfato descarboxilase
Modelo

1784- Enzima mevalonato quinase
Modelo

1785- Enzima mieloperoxidases (MPO) de cor verde
Modelo

1786- Enzima N-acetil glutamato sintetase
Modelo

1787- Enzima NO sintetase (NOS)
Modelo

1788- Enzima noradrenalina transmetilase
Modelo

1789- Enzima OH-2-oxoglutarato aldolase {HOGA1} [mitocôndria]
Modelo

1790- Enzima ornitina carbamoil transferase
Modelo

1791- Enzima ornitina permease
Modelo

1792- Enzima oxidase do ácido ascórbico
Modelo

1793- Enzima óxido nítrico sintetase [macrófago]
Modelo

1794- Enzima peptidase do colágeno tipo I
Modelo

1795- Enzima peptidil-lisil oxidase [fibroblasto, músculo liso]
Modelo

1796- Enzima Pirofosfatomevalonato quinase
Modelo

1797- Enzima pirrolina-5-carboxílato desidrogenase
Modelo

1798- Enzima piruvato carboxilase
Modelo

1799- Enzima piruvato desidrogenase
Modelo

1800- Enzima piruvato desidrogenase (E1 + E2 + E3)
Modelo

1801- Enzima piruvato quinase
Modelo

1802- Enzima piruvato translocase
Modelo

1803- Enzima porfobilinogênio III desaminase [eritroblasto]
Modelo

1804- Enzima porfobilinogênio III desaminase [fígado]
Modelo

1805- Enzima porfobilinogênio sintetase [eritroblasto]
Modelo

1806- Enzima porfobilinogênio sintetase [fígado]
Modelo

1807- Enzima porfobirinogênio sintetase [fígado]
Modelo

1808- Enzima pró-colágeno N-endopeptidase (extracelular)
Modelo

1809- Enzima procolágeno C-proteinase [extracelular]
Modelo

1810- Enzima prolina hidroxilase
Modelo

1811- Enzima propionil-CoA carboxilase
Modelo

1812- Enzima protoporfirinogênio IX oxidase [eritroblasto]
Modelo

1813- Enzima protoporfirinogênio IX oxidase [fígado]
Modelo

1814- Enzima PRPP-amido tranferase
Modelo

1815- Enzima purina nucleotídio fosforilase
Modelo

1816- Enzima redutase férrica [intestino]
Modelo

1817- Enzima sacarase [intestino delgado]
Modelo

1818- Enzima sacarase [intestino]
Modelo

1819- Enzima sacaropina desidrogenase
Modelo

1820- Enzima serina hidroximetiltransferase
Modelo

1821- Enzima serotonina desaminase
Modelo

1822- Enzima sorbitol desidrogenase
Modelo

1823- Enzima sulfito oxidase
Modelo

1824- Enzima superóxido dismutase
Modelo

1825- Enzima superóxido dismutase tipo I
Modelo

1826- Enzima tiglil-CoA hidratase
Modelo

1827- Enzima tiolase
Modelo

1828- Enzima tiolase [fígado]
Modelo

1829- Enzima tirosina aminotransferase [fígado]
Modelo

1830- Enzima tirosina hidroxilase
Modelo

1831- Enzima tirosina hidroxilase [fígado]
Modelo

1832- Enzima Tirosina quinase de Bruton (BTK)
Modelo

1833- Enzima tirosinase
Modelo

1834- Enzima tirosinase (tirosinase-DOPA) [melanossomo no melanócito]
Modelo

1835- Enzima tirosinase (tirosinase-tirosina) [melanossomo no melanócito]
Modelo

1836- Enzima tirosinase [melanossomo no melanócito do olho]
Modelo

1837- Enzima tirosinase [melanossomo no melanócito]
Modelo

1838- Enzima transaldolase
Modelo

1839- Enzima transcetolase I
Modelo

1840- Enzima transcetolase II
Modelo

1841- Enzima transfenil transferase
Modelo

1842- Enzima transportadora de cobre ATP7B [fígado]
Modelo

1843- Enzima transportadora de cobre ATPase [célula]
Modelo

1844- Enzima trealase [intestino delgado]
Modelo

1845- Enzima trealase [intestino]
Modelo

1846- Enzima trifosfato de guanosina ciclohidrolase (GTPCH)
Modelo

1847- Enzima triose fosfato isomerase
Modelo

1848- Enzima triptofano-5-hidroxilase
Modelo

1849- Enzima triptofano hidroxilase
Modelo

1850- Enzima triptofano pirrolase [fígado]
Modelo

1851- Enzima tromboxano sintetase [plaquetas]
Modelo

1852- Enzima UDP-bilirrubina-glucuronil transferase (0% do normal)
Modelo

1853- Enzima UDP-bilirrubina-glucuronil transferase (1% do normal)
Modelo

1854- Enzima UDP-bilirrubina-glucuronil transferase (25% do normal)
Modelo

1855- Enzima UDP-bilirrubina-glucuronil transferase [SRE do fígado]
Modelo

1856- Enzima UDP-bilirrubina-glucuronil transferase [transitória)
Modelo

1857- Enzima UDP-galactose-4 epimerase [sangue, fibroblastos]
Modelo

1858- Enzima UDP-glico-galactose-1-fosfato uridil-transferase
Modelo

1859- Enzima UDP-glicose-pirofosforilase [fígado, rim, músculo]
Modelo

1860- Enzima UDP-glicose pirofosforilase
Modelo

1861- Enzima UDP-glicuroniltransferase
Modelo

1862- Enzima uroporfirinogênio III descarboxilase [eritroblasto]
Modelo

1863- Enzima uroporfirinogênio III descarboxilase [fígado]
Modelo

1864- Enzima uroporfirinogênio III sintetase [eritroblasto]
Modelo

1865- Enzima uroporfirinogênio III sintetase [fígado]
Modelo

1866- Enzima valina a-cetoglutarato transaminase
Modelo

1867- Enzima verde-hemina transidroximetilase [macrófagos]
Modelo

1868- Enzima Vitamina K epóxido redutase
Modelo

1869- Enzima Vitamina K epóxido redutase [fígado]
Modelo

1870- Enzima Vitamina K redutase
Modelo

1871- Enzima Vitamina K redutase [fígado]
Modelo

1872- Enzima xantina desidrogenase (1)
Modelo

1873- Enzima xantina desidrogenase (2)
Modelo

1874- Enzima xantina oxidase
Modelo

1875- Enzima xilulose desidrogenase
Modelo

1876- Enzimas degradativas e fatores reguladores da cicatrização levam a áreas focais de afinamento corneano e fibrose
Modelo

1877- Enzimas transaminases [fígado]
Modelo

1878- Enzina UDP-glicose oxidase
Modelo

1879- Eosinofilia
Modelo

1880- EPIDERMÓLISE BOHOSA ADQUIRIDA
Modelo

1881- EPIDERMÓLISE BOLHOSA DISTRÓFICA DOMINANTE
Modelo

1882- EPIDERMÓLISE BOLHOSA DISTRÓFICA RECESSIVA
Modelo

1883- EPIDERMÓLISE BOLHOSA JUNCIONAL
Modelo

1884- Epimastigota no trato intestinal do barbeiro
Modelo

1885- Epóxido de Vitamina K (K0)
Modelo

1886- Equimose
Modelo

1887- EQUINOCOCOSE
Modelo

1888- Eritema cutâneo exudativo
Modelo

1889- Eritro-OH-glutamato
Modelo

1890- Eritropoiese da medula óssea
Modelo

1891- Eritropoietina
Modelo

1892- Eritropoietina aumentada
Modelo

1893- Eritropoietina plasmática
Modelo

1894- Eritrose-4-fosfato
Modelo

1895- Erupção cutânea
Modelo

1896- Escaleno
Modelo

1897- Escaleno 2,3 epóxide
Modelo

1898- Escarro esbranquiçado
Modelo

1899- Escarro ferruginoso
Modelo

1900- Esclerodactilia
Modelo

1901- ESCLERODERMIA
Modelo

1902- ESCLERODERMIA LOCALIZADA
Modelo

1903- ESCLERODERMIA LOCALIZADA TIPO LINEAR
Modelo

1904- ESCLEROSE LATERAL AMIOTRÓFICA
Modelo

1905- ESCLEROSE MÚLTIPLA
Modelo

1906- ESCLEROSE SISTÊMICA
Modelo

1907- ESCLEROSE TUBEROSA
Modelo

1908- Esclerótica
Modelo

1909- Esclerótica azulada
Modelo

1910- Esclerótica transparente
Modelo

1911- Escoliose
Modelo

1912- Escoliose.
Modelo

1913- ESCORBUTO
Modelo

1914- Esfigomilelina
Modelo

1915- Esfingofosfolipídeos
Modelo

1916- Esfingoglicolipídeos (Galactocerebrosídeo)
Modelo

1917- Esfingolipídeos
Modelo

1918- ESFINGOLIPIDOSES
Modelo

1919- Esfingomielina
Modelo

1920- Esfingomielinas (bainha de mielina)
Modelo

1921- Esfingosina
Modelo

1922- Esfingosina (18C) + 1 ácido graxo + [fosfocolina ou fosfoetanolamina]
Modelo

1923- Esfingosina (18C) + 1 ácido graxo + [grupo polar não fosfato]
Modelo

1924- Esfingosina + 1 ácido graxo + [di, tri ou tetrassacarídeo]
Modelo

1925- Espasmo brônquico
Modelo

1926- Espasticidade
Modelo

1927- Espelnomegalia
Modelo

1928- Espessamento da pele da face
Modelo

1929- Espessamento da pele da mão
Modelo

1930- Espessamento dos nervos periféricos
Modelo

1931- Espessura da esclerótica
Modelo

1932- Espironolactona. Eplerenona
Modelo

1933- Esplenomegalia
Modelo

1934- Esplenomegalia, dolorosa
Modelo

1935- Esporozoítas do protozoário Plasmodium. P.falciparum. P.vivax. P.ovale. P.malariae
Modelo

1936- Esqualeno
Modelo

1937- Estado amnéstico
Modelo

1938- Estado de hipercoagulação
Modelo

1939- Estado de hipersensibilidade na mucosa
Modelo

1940- Estatina
Modelo

1941- Estatinas
Modelo

1942- Estatura baixa
Modelo

1943- Estatura corporal
Modelo

1944- Esteatorréia
Modelo

1945- ESTEATOSE HEPÁTICA
Modelo

1946- ESTEATOSE POR ABSORÇÃO
Modelo

1947- ESTEATOSES
Modelo

1948- Estenose arterial
Modelo

1949- Estenose da artéria renal
Modelo

1950- Estenose da valva pulmonar
Modelo

1951- Estenose subglótica
Modelo

1952- Estenose traqueal
Modelo

1953- Estenose vascular progressiva
Modelo

1954- Éster de colesteril
Modelo

1955- Estercobilina
Modelo

1956- Estercobilina [fezes]
Modelo

1957- Esterificação dos ácidos graxos [fígado]
Modelo

1958- Esterol 27-hidroxilase (mitocôndria)
Modelo

1959- Estertores pulmonares
Modelo

1960- Estímulo elétrico supralimiar
Modelo

1961- Estímulo nas mucosa das vias respiratórias
Modelo

1962- Estimulo sensitivo da parte anterior da perna e do pé
Modelo

1963- Estrabismo
Modelo

1964- Estradiol
Modelo

1965- Estratégia para aquisição da droga
Modelo

1966- Estreptococo beta-hemolítico do grupo A
Modelo

1967- Estresse metabólico, Exposição a algumas medicações, uso de álcool, jejum prolongado, Dieta com poucas calorias
Modelo

1968- Estresse oxidativo neuronal
Modelo

1969- Estrias atróficas
Modelo

1970- Estrona
Modelo

1971- Estrutura da dura-máter
Modelo

1972- Estrutura do glicogênio amilopectina-like (poliglucosano)
Modelo

1973- Etanol
Modelo

1974- Etileno glicol
Modelo

1975- ETIOLOGIA. Exantema hemorrágico, em surtos sucessivos. Inicialmente aparecem como lesões máculo-papulosas pequenas e urticarianas (elevadas) que evoluem para púrpuras
Modelo

1976- Etritroblasto (medula óssea)
Modelo

1977- Euforia
Modelo

1978- Eumelanina (preta e marrom)
Modelo

1979- Evacuação
Modelo

1980- Evolução crônica
Modelo

1981- Exantema com infiltrados linfocíticos (em heliotrópio)
Modelo

1982- Exantema máculo-papular, doloroso
Modelo

1983- Exantema pápulo-vesicular
Modelo

1984- Exantema, petequial
Modelo

1985- Excesso de beta-hidroxibutirato e acetoacetato
Modelo

1986- Excesso de oferta de ácidos graxos [fígado]
Modelo

1987- EXCITABILIDADE CARDÍACA
Modelo

1988- Excreção ativa da bilirrubina direta [fígado]
Modelo

1989- Excreção de bile
Modelo

1990- Excreção de cálculos urinários
Modelo

1991- Excreção renal
Modelo

1992- Excreção renal de ácido úrico
Modelo

1993- EXCREÇÃO RENAL DE URATOS. A excreção renal de uratos é complexa. Há 1) filtração glomerular, seguida de 2) reabsorção quase total, 3) secreção ativa nos túbulos e 4) reabsorção após a secreção. No sexo masculino, a capacidade de excreção final do urato filtrado é da ordem de 8 a 10%, enquanto no sexo feminino é de 10 a 12 %. Isto contribuiria para que os homens tenham uricemia mais elevada que as mulheres
Modelo

1994- Excreção renal de urobilina (cor da urina)
Modelo

1995- Excreção urinária de ácido úrico
Modelo

1996- Exercício físico
Modelo

1997- Exocitose da vesícula sináptica
Modelo

1998- Exocitose das vasículas sinápticas Ca+2 dependente
Modelo

1999- Exocitose de ferritina [macrófago]
Modelo

2000- Exocitose do lisossoma
Modelo

2001- Exocitose dos grânulos dos mastócitos e/ou basófilos
Modelo

2002- Exoftalmia
Modelo

2003- Exoftalmia pulsátil
Modelo

2004- Expansão da cavidade torácica
Modelo

2005- Expansão torácica
Modelo

2006- Expectoração esverdeada
Modelo

2007- Experiência emocional (Córtex límbico)
Modelo

2008- Expiração de gás hidrogênio [pulmão]
Modelo

2009- Exportação de triglicérides para outros tecidos [fígado]
Modelo

2010- Exposição ao sol
Modelo

2011- Exposição dos dentes
Modelo

2012- Expressão emocional (Hipotálamo)
Modelo

2013- Expressão facial diminuída
Modelo

2014- Exsudato e/ou os granulomas espessam a meninge
Modelo

2015- Extenso infiltrado mononuclear perivascular e perifolicular composto primariamente de linfócitos em toda a derme superior
Modelo

2016- Extrato basal
Modelo

2017- Extrato córneo
Modelo

2018- Extrato espinhoso
Modelo

2019- Extrato granuloso
Modelo

2020- Extrato lúcido
Modelo

2021- Extremidades finas
Modelo

2022- Extremidades frias
Modelo

2023- FACOMATOSE DE STURGE-WEBER
Modelo

2024- Fadiga
Modelo

2025- Fadiga visual
Modelo

2026- Fagocitose da hemácia
Modelo

2027- Fagocitose da hemácia [macrófago principalmente no baço]
Modelo

2028- Fagocitose diminuída
Modelo

2029- Fagocitose por células microgliais ou monócitos sanguíneos
Modelo

2030- Faringite
Modelo

2031- Farnesil-pirofosfato
Modelo

2032- Farnesil pirofosfato
Modelo

2033- Fasciculações
Modelo

2034- FASE 0 - Influxo de Na+ (despolarizando)
Modelo

2035- FASE 0 - Influxo lento de Na+:Ca+2
Modelo

2036- FASE 1 - Efluxo de K+ transitório
Modelo

2037- FASE 2 - Efluxo de K+ = Influxo de Na+:Ca+2 (Platô)
Modelo

2038- Fase 2 (plato) do cardiomiócito
Modelo

2039- FASE 3 - Efluxo de K+ (repolarizando)
Modelo

2040- FASE 3 - Efluxo lento de K+
Modelo

2041- FASE 4 - Influxo de Na+ = Efluxo de Ca+2 (repolarizado)
Modelo

2042- FASE 4 - Influxo lento de Na+
Modelo

2043- Fator Circulante Tóxico Endotelial (FCTE)
Modelo

2044- Fator de crescimento plaquetário {PDGF} [grânulos alfa nas plaquetas]
Modelo

2045- Fator de Hangeman ativo
Modelo

2046- Fator de necrose tumoral (TNF)
Modelo

2047- Fator de von Willebrand [fígado, endotélio vascular]
Modelo

2048- Fator desencadeante da PAI
Modelo

2049- Fator I (fibrinogênio) [fígado]
Modelo

2050- Fator Ia solúvel (fibrina)
Modelo

2051- Fator II (protrombina) [fígado]
Modelo

2052- Fator IIa (trombina)
Modelo

2053- Fator IIa (trombina) [fígado]
Modelo

2054- Fator III (tromboplastina ou fator tecidual)
Modelo

2055- Fator inibidor da tromboplastina
Modelo

2056- Fator IV (cálcio) [plasma]
Modelo

2057- Fator IX [fígado]
Modelo

2058- Fator IXa
Modelo

2059- Fator macromolecular de von Willebrand [fígado, endotélio vascular]
Modelo

2060- Fator recorrente da CIB
Modelo

2061- Fator V (proacelerina) [fígado]
Modelo

2062- FATOR V DE LEIDEN
Modelo

2063- Fator Va
Modelo

2064- Fator VII (proconvertina) [fígado]
Modelo

2065- Fator VIIa-Fator III (fator tecidual)
Modelo

2066- Fator VIII (globulina anti-hemofílica)
Modelo

2067- Fator VIIIa
Modelo

2068- Fator X (Stewart-Power - via comum) [fígado]
Modelo

2069- Fator Xa
Modelo

2070- Fator XI (tromboplastina)
Modelo

2071- Fator XI (Tromboplastina)
Modelo

2072- Fator XIa
Modelo

2073- Fator XII (Hageman)
Modelo

2074- Fator XIIa (Hageman)
Modelo

2075- Fator XIII (estabilizador de fibrina)
Modelo

2076- FATOR XIII VAL34LEU
Modelo

2077- Fator XIII:subunidade A [medula óssea]
Modelo

2078- Fator XIIIa
Modelo

2079- Fatores de coagulação Vitamina K dependentes com ácido g-carboxiglutâmico [fígado]
Modelo

2080- Febre
Modelo

2081- FEBRE AMARELA SILVESTRE
Modelo

2082- FEBRE FAMILIAR DO MEDITERRÂNEO FENÓTIPO I
Modelo

2083- FEBRE FAMILIAR DO MEDITERRÂNEO FENÓTIPO II
Modelo

2084- FEBRE HEMORRÁGICA
Modelo

2085- FEBRE HEMORRÁGICA POR VÍRUS EBOLA
Modelo

2086- FEBRE REUMÁTICA AGUDA CRITÉRIOS MAIORES COM CARDIOPATIA
Modelo

2087- Fecalito. Corpo estranho. Inflamação próxima do apêndice. Neoplasia
Modelo

2088- Feixe piramidal
Modelo

2089- Feixes espinotalâmicos
Modelo

2090- Fenilacetato
Modelo

2091- Fenilactato [plasma]
Modelo

2092- Fenilactato [urina]
Modelo

2093- Fenilalanina
Modelo

2094- Fenilalanina [plasma]
Modelo

2095- Fenilbutirado de sódio
Modelo

2096- FENILCETONÚRIA TIPO I (atividade enzimática <1%)
Modelo

2097- FENILCETONÚRIA TIPO II (atividade enzimática 1-3%)
Modelo

2098- Fenilpiruvato
Modelo

2099- Fenobarbital
Modelo

2100- Fenômeno de Raynaud
Modelo

2101- FEOCROMOCITOMA
Modelo

2102- Feomelanina (amarela e vermelha)
Modelo

2103- Fermentação bacteriana [intestino grosso]
Modelo

2104- Ferritina (fígado)
Modelo

2105- Ferritina [célula]
Modelo

2106- Ferritina [endométrio]
Modelo

2107- Ferritina [enterócito]
Modelo

2108- Ferritina [eritroblasto, fígado]
Modelo

2109- Ferritina [eritroblasto]
Modelo

2110- Ferritina [fígado]
Modelo

2111- Ferritina [gânglios da base]
Modelo

2112- Ferritina [interstício pulmonar]
Modelo

2113- Ferritina [medula óssea]
Modelo

2114- Ferritina [pâncreas]
Modelo

2115- Ferritina [plasma]
Modelo

2116- Ferritina [retina]
Modelo

2117- Ferro (plasma)
Modelo

2118- Ferro [plasma]
Modelo

2119- Ferro férrico [célula]
Modelo

2120- Ferro férrico [extra enterócito]
Modelo

2121- Ferro férrico [fígado]
Modelo

2122- Ferro férrico [plasma]
Modelo

2123- Ferro ferroso (célula)
Modelo

2124- Ferro ferroso [célula]
Modelo

2125- Ferro ferroso [enterócito]
Modelo

2126- Ferro ferroso [extra enterócito]
Modelo

2127- Ferro ferroso [fígado, macrófago]
Modelo

2128- Ferro ferroso [luz do intestino]
Modelo

2129- Ferro ferroso [plasma]
Modelo

2130- Ferro ferroso [pulmão]
Modelo

2131- Ferro ferroso Fe+2 [eritroblasto
Modelo

2132- Ferro ferroso Fe+2 [eritroblasto]
Modelo

2133- Ferro ferroso Fe+2 [fígado]
Modelo

2134- Ferro inorgânico +3 [luz do intestino]
Modelo

2135- Ferro inorgânico +3 [luzdo intestino]
Modelo

2136- Ferro ligado à Transferina
Modelo

2137- Ferro livre
Modelo

2138- Ferro orgânico heme [luz do intestino]
Modelo

2139- Ferroportina [duodeno]
Modelo

2140- Ferroportina [fígado, macrófago]
Modelo

2141- FETO, início da vida humana [9ª - nascimento)
Modelo

2142- Fezes amarela
Modelo

2143- Fezes de gato
Modelo

2144- Fezes sanguinolenta
Modelo

2145- Fibras colágenas
Modelo

2146- Fibras elásticas
Modelo

2147- Fibras musculares não necróticas são invadidas por linfócitos T CD8+
Modelo

2148- Fibras oxitalânicas da pele
Modelo

2149- Fibras pálido-talâmicas
Modelo

2150- Fibras tálamo-cortical
Modelo

2151- Fibrilina-1
Modelo

2152- Fibrilina-1 [fibroblastos]
Modelo

2153- Fibrilina é a principal componente das microfibrilas extracelulares
Modelo

2154- Fibroblasto
Modelo

2155- Fibroblastos
Modelo

2156- Fibroblastos da derme
Modelo

2157- Fibroblastos e fibras colágenas normais com edema difuso e depósitos de mucina (proteínas fortemente glicosiladas) com coloração pelo Alcian blue positiva
Modelo

2158- Fibrose [fígado]
Modelo

2159- Fibrose auto-imune [ductos biliares septais intra-hepáticos]
Modelo

2160- Fibrose difusa da vísceras
Modelo

2161- Fibrose difusa do parênquima
Modelo

2162- Fibrose difusa pele
Modelo

2163- Fibrose intersticial irreversível
Modelo

2164- Fígado
Modelo

2165- Fígado castanho-escuro
Modelo

2166- Filtração glomerular
Modelo

2167- Firmeza dos dentes nos alvéolos gengivais
Modelo

2168- FISIOLOGIA HEPÁTICA
Modelo

2169- Fístula carótido-cavernosa
Modelo

2170- Flatulência
Modelo

2171- Flavivírus
Modelo

2172- Fluoxetina
Modelo

2173- Flutter atrial
Modelo

2174- FLUTTER ATRIAL COM BLOQUEIO DE CONDUÇÃO
Modelo

2175- Fluxo arterial pulmonar
Modelo

2176- Fluxo arterial sistêmico
Modelo

2177- Fluxo biliar [fígado]
Modelo

2178- Fluxo da artéria lingual (ramo anterior da carótida externa)
Modelo

2179- Fluxo da artéria temperal superficial
Modelo

2180- Fluxo da artéria temperal superficial (ramo terminal da carótida interna)
Modelo

2181- Fluxo da microcirculação pulmonar
Modelo

2182- Fluxo da microcirculação sistêmica
Modelo

2183- Fluxo de CO2 alvéolo-capilar
Modelo

2184- Fluxo de CO2 capilar-alvéolo
Modelo

2185- Fluxo de O2 alvéolo-capilar
Modelo

2186- Fluxo de retorno da microcirculação sistêmica
Modelo

2187- Fluxo de retorno venoso hepático
Modelo

2188- Fluxo espaço morto
Modelo

2189- Fluxo na microcirculação hepática
Modelo

2190- Fluxo na microcirculação pulmonar longitudinal
Modelo

2191- Fluxo na microcirculação pulmonar transversal
Modelo

2192- Fluxo na microcirculação sistêmica
Modelo

2193- Fluxo na microcirculação sistêmica longitudinal
Modelo

2194- Fluxo na microcirculação sistêmica transversal
Modelo

2195- Fluxo na valva mitral
Modelo

2196- Fluxo na valva pulmonar
Modelo

2197- Fluxo na valva tricúspide
Modelo

2198- Fluxo na veia porta-hepática
Modelo

2199- Fluxo reverso no ducto arteriosus
Modelo

2200- Fluxo sanguíneo arterial dos membros superiores
Modelo

2201- Fluxo sanguíneo arterial encefálico
Modelo

2202- Fluxo sanguíneo coronariano diastólico
Modelo

2203- Fluxo sanguíneo coronariano subendocárdico
Modelo

2204- Fluxo sanguíneo coronariano transmural
Modelo

2205- Fluxo sanguíneo na microcirculação
Modelo

2206- Fluxo sanguíneo na microcirculação pulmonar
Modelo

2207- Fluxo sanguíneo pulmonar
Modelo

2208- Fluxo sanguíneo renal
Modelo

2209- Fluxo transcapilar
Modelo

2210- Fluxo transmural nos capilares intestinais
Modelo

2211- Foco da imagem na retina
Modelo

2212- Folículos pilosos agrupados com tampões duros
Modelo

2213- Fome
Modelo

2214- Força de contração cardíaca (Inotropismo)
Modelo

2215- Força de contração cardíaca direita
Modelo

2216- Força de contração cardíaca esquerda
Modelo

2217- Força de contração do ventrículo direito
Modelo

2218- Forma sanguícola do T_cruzi
Modelo

2219- Forma seca
Modelo

2220- Formação das plaquetas
Modelo

2221- Formação de complemento
Modelo

2222- Formação de cristais de cistina [lisossomo]
Modelo

2223- Formação de dióxido de enxofre [estômago]
Modelo

2224- Formação de pseudópodes [plaqueta]
Modelo

2225- Formação de tecido granulomatoso no seio cavernoso anterior ou fissura orbital superior
Modelo

2226- Formação do ânion peroxomonocarbonato
Modelo

2227- Formação do complexo imunoglobulinico
Modelo

2228- Formação e depósito de fibrilas de TTR
Modelo

2229- Formigamento
Modelo

2230- Formigamento nas extremidades
Modelo

2231- Formil-CoA
Modelo

2232- Formilaminoimidazole-4-carboxamide ribonucleotide {FAICAR}
Modelo

2233- Fosfatidil[colina] (lecitina)
Modelo

2234- Fosfatidil[etanolamina] (cefalina)
Modelo

2235- Fosfatidil[inositol]
Modelo

2236- Fosfatidil[serina]
Modelo

2237- Fosfatidilcolina
Modelo

2238- Fosfatidilinositol {PIP-2}
Modelo

2239- Fosfato
Modelo

2240- Fosfato [fígado, rim, intestino]
Modelo

2241- Fosfato [plasma]
Modelo

2242- Fosfato [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2243- Fosfoenolpiruvato
Modelo

2244- Fosfoglicerídeos ou glicerofosfolipídeos (membrana)
Modelo

2245- Fosforibosil-1-pirofosfato {PRPP}
Modelo

2246- Fosforibosilamina
Modelo

2247- Fosforil-colina
Modelo

2248- Fotofobia
Modelo

2249- Fotorreceptor
Modelo

2250- Fotosensibilidade
Modelo

2251- Fotossensibilidade
Modelo

2252- Fragilidade óssea
Modelo

2253- Fragmentação das fibras colágenos
Modelo

2254- Fragmentos de lipoproteínas
Modelo

2255- Fraqueza
Modelo

2256- Fraqueza muscular
Modelo

2257- Fraqueza, da dorsiflexão do pé
Modelo

2258- Fratura óssea
Modelo

2259- Fraturas múltiplas
Modelo

2260- Frequência cardíaca
Modelo

2261- Frequência respiratória
Modelo

2262- Frutas cítricas, hortaliças de folhas verdes, pimentão, tomate, batata, citrinos, groselhas pretas, pimentão doce, salsa, couve-flor, bróculos, couves de bruxelas, morangos, goiaba, manga
Modelo

2263- Frutose
Modelo

2264- Frutose-1-fosfato
Modelo

2265- Frutose-1,6-difosfato
Modelo

2266- Frutose-1,6-difosfato [músculo]
Modelo

2267- Frutose-6-fosfato
Modelo

2268- Frutose-6-fosfato [fígado]
Modelo

2269- Frutose [plasma]
Modelo

2270- FRUTOSEMIA
Modelo

2271- FRUTOSÚRIA ESSENCIAL
Modelo

2272- Ftanoil-CoA
Modelo

2273- fuc-gal-NAcgal-gal(NANA)-glc-ceramida
Modelo

2274- fuc-Gangliosídeo GM1
Modelo

2275- Fucose
Modelo

2276- Fucosidose
Modelo

2277- FUCOSIDOSE
Modelo

2278- Fumarato
Modelo

2279- Fumarilacetoacetato
Modelo

2280- Fumarilacetoacetato [plasma]
Modelo

2281- Funções extrínsecas
Modelo

2282- Funções intrínsecas
Modelo

2283- Fusão apical e descarregamento no espaço intersticial
Modelo

2284- GABA
Modelo

2285- GABA-cerebral
Modelo

2286- Galactitol (tóxico)
Modelo

2287- Galactocerebrosídeos [galactose]
Modelo

2288- Galactose
Modelo

2289- Galactose-1-fosfato
Modelo

2290- Galactose [plasma]
Modelo

2291- Galactose {gal}
Modelo

2292- GALACTOSEMIA DUARTE
Modelo

2293- GALACTOSEMIA TIPO I
Modelo

2294- GALACTOSEMIA TIPO II
Modelo

2295- GALACTOSEMIA TIPO III
Modelo

2296- Gamaglobulina (sangue)
Modelo

2297- Gametócitos - na corrente sanguínea
Modelo

2298- Gamopatia policlonal
Modelo

2299- Gânglios do trigêmeo
Modelo

2300- Gangliosídeo GM1 {gal-NAcgal-a-gal(NANA)-glc-ceramida}
Modelo

2301- Gangliosídeo GM2 {NAcgal-a-gal(NANA)-glc-ceramida}
Modelo

2302- Gangliosídeo GM3 {gal(NANA)-glc-ceramida}
Modelo

2303- Gangliosidose tipo 1
Modelo

2304- GANGLIOSIDOSE TIPO 1
Modelo

2305- GANGLIOSIDOSES
Modelo

2306- Gás carbônico [intestino grosso]
Modelo

2307- Gás carbônico [plasma]
Modelo

2308- Gás hidrogênio [intestino grosso]
Modelo

2309- GASTROENTERITE VIRAL
Modelo

2310- Gatilho da cirrose biliar primária
Modelo

2311- Gene ABCB11
Modelo

2312- Gene ABCC2
Modelo

2313- Gene ABCD1
Modelo

2314- Gene AGAT
Modelo

2315- Gene AGL [fígado, músculo, hemácia]
Modelo

2316- Gene AGT
Modelo

2317- Gene ALDOA
Modelo

2318- Gene ALDOB
Modelo

2319- Gene ARSB
Modelo

2320- Gene ATP7B
Modelo

2321- Gene ATP8B1
Modelo

2322- Gene COL3A1
Modelo

2323- Gene CTP11B1
Modelo

2324- Gene CTP11B2
Modelo

2325- Gene CYP17
Modelo

2326- Gene CYP21 (forma clássica troca isoleucina por asparagina)
Modelo

2327- Gene CYP21 (forma não-clássica troca prolina por serina ou leucina)
Modelo

2328- Gene CYP27A1
Modelo

2329- Gene da ALA [fígado]
Modelo

2330- Gene da apoceruloplasmina-CP [fígado]
Modelo

2331- Gene da cadeia alfa 1 do colágeno tipo XI
Modelo

2332- Gene da cadeia alfa 2 do colágeno tipo XI
Modelo

2333- Gene da enzima HMG-CoA redutase
Modelo

2334- Gene da enzima tirosinase
Modelo

2335- Gene da fibrilina-1 (FBN1)
Modelo

2336- Gene da proteína P [melanossomo no melanócito]
Modelo

2337- Gene DHCR7
Modelo

2338- Gene do colágeno VII
Modelo

2339- Gene do fator de crescimento derivado de plaquetas cadeia beta (PDGFbeta)
Modelo

2340- Gene do Receptor de superfície de LDL
Modelo

2341- Gene eritróide-específica [eritroblasto]
Modelo

2342- Gene eritróide-específica ALAS-2 [eritroblasto]
Modelo

2343- Gene FAH
Modelo

2344- Gene FUCA1
Modelo

2345- Gene FVR506Q
Modelo

2346- Gene G20210A
Modelo

2347- Gene G6PC
Modelo

2348- Gene GAA
Modelo

2349- Gene GALA
Modelo

2350- Gene GALC
Modelo

2351- Gene GATA1
Modelo

2352- gene GBE1
Modelo

2353- Gene GLB1
Modelo

2354- Gene GLUT2
Modelo

2355- Gene GUSB
Modelo

2356- Gene GYS2 [fígado]
Modelo

2357- Gene HEXA
Modelo

2358- Gene HEXB
Modelo

2359- Gene HFE
Modelo

2360- Gene HMGCL
Modelo

2361- Gene HMOX
Modelo

2362- Gene HOGA1
Modelo

2363- Gene HPPD
Modelo

2364- Gene HPS1
Modelo

2365- Gene HSD3B1 [pele, placenta, mama]
Modelo

2366- Gene HSD3B2 [adrenais, gônadas]
Modelo

2367- Gene IDS
Modelo

2368- Gene IDUA
Modelo

2369- Gene JAK2
Modelo

2370- Gene LIPA
Modelo

2371- Gene LMNA (mutante defeituoso)
Modelo

2372- Gene MAN2B1
Modelo

2373- Gene MCCA-R385S
Modelo

2374- Gene MCOLN1
Modelo

2375- Gene MYH9
Modelo

2376- Gene NAGA
Modelo

2377- Gene NBEAL2
Modelo

2378- Gene ORNT1
Modelo

2379- Gene PEX1
Modelo

2380- Gene PEX7
Modelo

2381- Gene PORCN
Modelo

2382- Gene PROS1
Modelo

2383- Gene PYGM [músculo]
Modelo

2384- Gene RAG e RAG 2 (Recombinante activating gene)
Modelo

2385- Gene SLC17A5
Modelo

2386- Gene SLC25A38
Modelo

2387- Gene SLC37A4
Modelo

2388- Gene TAT
Modelo

2389- Gene TBX1
Modelo

2390- Gene TREH
Modelo

2391- Gene UGT-1A1
Modelo

2392- Genes da enzima fitanoil-CoA hidroxilase [peroxissomos[ com biogénese peroxissomal diminuída
Modelo

2393- Genes PEX1, PEX2, PEX3, PEX5, PEX6, PEX10, PEX12, PEX13, PEX14, PEX16, PEX 26
Modelo

2394- Genes SLC3A1
Modelo

2395- Genes SLC7A9
Modelo

2396- Genética, autossômica dominante
Modelo

2397- Gentamicina
Modelo

2398- Gera o NADPH usado para reduzir o Glutatião (anti-oxidante) [hemácias]
Modelo

2399- Geranil-pirofosfato
Modelo

2400- Geranil pirofosfato
Modelo

2401- Glândula adrenal
Modelo

2402- Glândula timo
Modelo

2403- Glândulas paratireoides inferiores
Modelo

2404- Glândulas salivares infectadas com vírus da raiva
Modelo

2405- Glástula [2ª semana
Modelo

2406- Glicemia
Modelo

2407- Gliceraldeído
Modelo

2408- Gliceraldeído-3-fosfato
Modelo

2409- Glicerídeos ou glicerolipídeos
Modelo

2410- Gliceroglicolipídeos (sulfolipídeos)
Modelo

2411- Glicerol + 1 ácidos graxos + ácido aracdônico + fosfato[álcool]
Modelo

2412- Glicerol + 2 ácidos graxos + fosfato[álcool]
Modelo

2413- Glicerol + 3 ácidos graxos
Modelo

2414- Glicina
Modelo

2415- Glicina [citoplasma do eritroblasto]
Modelo

2416- Glicina [mitocôndria do eritroblasto]
Modelo

2417- Glicoaldeído
Modelo

2418- Glicocerebrosídeo {cerasina, glc-ceramida}
Modelo

2419- Glicocerebrosídeos [glicose]
Modelo

2420- GLICOGÊNESE [fígado, rim, músculo]
Modelo

2421- Glicogênio
Modelo

2422- Glicogênio com braços externos curtos
Modelo

2423- Glicogênio com braços externos longos
Modelo

2424- Glicogênio com braços externos longos [fígado, músculo]
Modelo

2425- Glicogênio hepático
Modelo

2426- Glicogênio linear
Modelo

2427- Glicogênio linear [músculo]
Modelo

2428- Glicogênio na forma de vacúolos abaixo do sarcolema
Modelo

2429- Glicogênio ramificado
Modelo

2430- Glicogênio ramificado [fígado, rim, intestino]
Modelo

2431- Glicogênio ramificado 1,4
Modelo

2432- Glicogênio ramificado 1,4 [músculo]
Modelo

2433- Glicogênio ramificado 1,6
Modelo

2434- Glicogênio ramificado 1,6 [músculo]
Modelo

2435- Glicogênio ramificado 4,4
Modelo

2436- Glicogênio ramificado 4,4 [músculo]
Modelo

2437- GLICOGENÓLISE (fígado, rim, intestino, músculo)
Modelo

2438- Glicogenólise hepática
Modelo

2439- GLICOGENOSE TIPO 0
Modelo

2440- GLICOGENOSE TIPO Ia (von Gierke)
Modelo

2441- GLICOGENOSE TIPO IaSP
Modelo

2442- GLICOGENOSE TIPO Ib
Modelo

2443- GLICOGENOSE TIPO Ic
Modelo

2444- GLICOGENOSE TIPO Id
Modelo

2445- GLICOGENOSE TIPO II (Pompe)
Modelo

2446- GLICOGENOSE TIPO IIIa (Forbes-Cori)
Modelo

2447- GLICOGENOSE TIPO IIIb
Modelo

2448- GLICOGENOSE TIPO IV (Andersen)
Modelo

2449- GLICOGENOSE TIPO IX
Modelo

2450- GLICOGENOSE TIPO V (McArdle)
Modelo

2451- GLICOGENOSE TIPO VI (Hers)
Modelo

2452- GLICOGENOSE TIPO VII (Tarui)
Modelo

2453- GLICOGENOSE TIPO VIII
Modelo

2454- GLICOGENOSE TIPO X
Modelo

2455- GLICOGENOSE TIPO XI (Fanconi-Bickel)
Modelo

2456- GLICOGENOSE TIPO XII
Modelo

2457- Glicolato
Modelo

2458- Glicolipídeos
Modelo

2459- GLICÓLISE
Modelo

2460- Glicólise aeróbica
Modelo

2461- Glicólise anaeróbica
Modelo

2462- Glicólise no miocárdio
Modelo

2463- Gliconeogênese hepática
Modelo

2464- Glicoproteína do Trypanossoma
Modelo

2465- Glicoproteína GpIb-IX-V [receptor de adesão das plaquetas]
Modelo

2466- Glicoproteína GpVI [receptor de adesão das plaquetas]
Modelo

2467- Glicoproteínas
Modelo

2468- Glicosaminoglicanos
Modelo

2469- Glicose
Modelo

2470- Glicose-1-fosfato
Modelo

2471- Glicose-1-fosfato [músculo]
Modelo

2472- Glicose-6-fosfato
Modelo

2473- Glicose-6-fosfato [fígado, rim, intestino]
Modelo

2474- Glicose-6-fosfato [fígado]
Modelo

2475- Glicose-6-fosfato [músculo]
Modelo

2476- Glicose-6-fosfato [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2477- Glicose-6-translocase 1 (citoplasma-RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2478- Glicose-6-translocase 2 [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2479- Glicose-6-translocase 3 [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2480- Glicose (plasma)
Modelo

2481- Glicose [fígado, rim, intestino]
Modelo

2482- Glicose [músculo]
Modelo

2483- Glicose [plasma]
Modelo

2484- Glicose [RE no fígado, rim, intestino]
Modelo

2485- Glicose aumentada
Modelo

2486- Glicose diminuída
Modelo

2487- Glicose hepática
Modelo

2488- Glicose plasmática
Modelo

2489- Glicose plasmática diminuída
Modelo

2490- Glicose urinária
Modelo

2491- GLICOSÍDIOS CARDIOATIVOS
Modelo

2492- Glicosúria
Modelo

2493- Glioxilato
Modelo

2494- Globina
Modelo

2495- Globina [pulmão]
Modelo

2496- Globos palidus (GPi)
Modelo

2497- Globosídeo {NAcgal-a-gal-glc-ceramida}
Modelo

2498- Globosídeos
Modelo

2499- Globotriaosilceramida {Gb3, gal-a-gal-glc-ceramida}
Modelo

2500- Glomerulonefrite
Modelo

2501- Glomerulonefrite (Nefrite lúpica, proliferativa difusa)
Modelo

2502- Glomérulos
Modelo

2503- Glomérulos em fase final são quase totalmente acelulares
Modelo

2504- Glomérulos são quase totalmente acelulares
Modelo

2505- Glucagon
Modelo

2506- Glucagon [plasma]
Modelo

2507- Glucosamina {glcN)
Modelo

2508- Glucosamina {glcN}
Modelo

2509- Glucosamina 6S {glcN-6S}
Modelo

2510- GLUT2 [citoplasma-interstício fígado, rim, intestino, célula-b-pâncreas]
Modelo

2511- GLUT2 [interstício-citoplasma no fígado, rim, músculo]
Modelo

2512- Glutamato
Modelo

2513- Glutamil-L-cisteína
Modelo

2514- Glutamina
Modelo

2515- Glutamina plasmática
Modelo

2516- Glutatião oxidado {GSSG}
Modelo

2517- Glutatião reduzido {GSH}
Modelo

2518- Gonadotrofinas hipofisárias
Modelo

2519- GOTA
Modelo

2520- GOTA IDIOPÁTICA
Modelo

2521- GOTA INDUZIDA POR CHUMBO
Modelo

2522- GOTA INDUZIDA POR DROGAS
Modelo

2523- GOTA POR NEFROPATIA
Modelo

2524- Gradiente albumina sérica/ascite baixo
Modelo

2525- Gradiente elétrico de efluxo
Modelo

2526- Gradiente elétrico de efluxo (pequena redução)
Modelo

2527- Gradiente elétrico de efluxo estável
Modelo

2528- Gradiente elétrico de influxo
Modelo

2529- Gradiente químico de Ca+2
Modelo

2530- Gradiente químico de K+
Modelo

2531- Gradiente químico de Na+
Modelo

2532- Gradiente químico transmembrana ao Ca+2
Modelo

2533- Gradiente químico transmembrana de K+
Modelo

2534- Gradiente químico transmembrana de Na+
Modelo

2535- Gradualmente vão lesando as superfícies articulares, dando dor e rigidez
Modelo

2536- Grande parte das purinas resultantes da degradação do DNA endógeno são reaproveitadas para síntese de novos nucleotídeos. A falta geneticamente condicionada da enzima hipoxantina-guanina fosforibosil transferase causa grande catabolismo dos nucleotídeos, que não podem ser reutilizados, Isto resulta em forte hiperuricemia e caracteriza a síndrome de Lesch-Nyhan (retardo mental, coreoatetose, tendência a automutilação). É uma causa rara de hiperuricemia
Modelo

2537- Grande quantidade de IgM anormais
Modelo

2538- Granulocitose
Modelo

2539- GRANULOMA
Modelo

2540- GRANULOMA EOSINOFÍLICO
Modelo

2541- Granuloma imune com lesão cicatricial
Modelo

2542- Granulomas caseosos nos locais de infecção
Modelo

2543- Granulomas de células T ativadas
Modelo

2544- Granulomas não-caseosos nos pulmões
Modelo

2545- GRANULOMATOSE POLIANGEÍTICA
Modelo

2546- Grânulos alfa [plaquetas]
Modelo

2547- Grânulos de hemossiderina insolúvel [fígado]
Modelo

2548- Grânulos de hemossiderina insolúvel [interstício pulmonar]
Modelo

2549- Grânulos densos [plaquetas]
Modelo

2550- Grânulos lamelares lipídicas das células granulares
Modelo

2551- Gravidez
Modelo

2552- GRAVIDEZ (período entre a fecundação e a remoção ou expulsão do concepto)
Modelo

2553- GRAVIDEZ COM SÍNDROME HELLP
Modelo

2554- GRAVIDEZ, ABORTAMENTO, PARTO E PUERPÉRIO
Modelo

2555- GRIPE
Modelo

2556- Grupo Heme
Modelo

2557- Grupo Heme (Porfirina)
Modelo

2558- Grupo heme [enterócito]
Modelo

2559- Grupo Heme [eritroblasto]
Modelo

2560- Grupo Heme [fígado]
Modelo

2561- Grupo Heme [medula óssea]
Modelo

2562- Grupo Heme [Porfirina]
Modelo

2563- Grupo heme [pulmão]
Modelo

2564- Grupo Heme [pulmão]
Modelo

2565- Grupo heme [SER]
Modelo

2566- Grupo heme [SRE]
Modelo

2567- Grupo Heme [SRE]
Modelo

2568- Grupo Heme {Porfirina}
Modelo

2569- Grupo heme no SRE
Modelo

2570- Guanina
Modelo

2571- Guanina-5-monofosfato {GMP}
Modelo

2572- Guanosina
Modelo

2573- Guanosina-5-monofosfato {GMP}
Modelo

2574- Gulonato
Modelo

2575- H+ (plasma)
Modelo

2576- H2O
Modelo

2577- Há forte tendência ao desenvolvimento de cálculos renais.
Modelo

2578- Há preferência por articulações distais (pés, tornozelos, joelhos, mãos, punhos, cotovelos) devido à menor temperatura destas (facilita precipitação dos cristais)
Modelo

2579- HAD plasmático
Modelo

2580- Haptoglobina plasmática
Modelo

2581- hC urinário aumentado
Modelo

2582- Hemácia
Modelo

2583- Hemácia (medula óssea)
Modelo

2584- Hemácia fagocitada por macrófago [pulmão]
Modelo

2585- Hemácia velha
Modelo

2586- Hemácias
Modelo

2587- Hemácias [sangue]
Modelo

2588- Hemácias com acúmulo de pigmentos irregulares e enegrecidos
Modelo

2589- Hemácias com corpos de Heinz
Modelo

2590- Hemácias diminuídas
Modelo

2591- Hemácias grandes, imaturas, disfuncionais, volume corpuscular médio (MCV) aumentado e hemoglobina corpuscular média (MCH) aumentada
Modelo

2592- Hemácias hemolizadas recorrentes por substituição das hemácias com mais de 40 dias
Modelo

2593- Hemácias na luz alveolar por hipertensão
Modelo

2594- Hemácias pequenas
Modelo

2595- Hemácias velhas
Modelo

2596- Hematêmese
Modelo

2597- Hematócrito
Modelo

2598- Hematócrito aumentado
Modelo

2599- Hematócrito baixo
Modelo

2600- Hematócrito diminuído
Modelo

2601- Hematócrtito
Modelo

2602- Hematoma subcapsular
Modelo

2603- Hematopatia da coagulação por redução dos fatores da coagulação. Anemia por trombina circulante que cliva o fibrinogênio, agrega as plaquetas, ativa os fatores V e VIII e libera o ativador de plasminogênio (e plasmina)
Modelo

2604- Hematopoiese
Modelo

2605- Hematopoiese em sítios extramedulares (fígado e baço) EPO independente
Modelo

2606- Hematopoiese em sítios extramedulares EPO independente
Modelo

2607- Hematopoiese na medula óssea
Modelo

2608- Hematopoiese na medula óssea EPO independente
Modelo

2609- Hematose
Modelo

2610- Hematúria
Modelo

2611- Hematúria macroscópica, proteinúria, cilindrúria.Pode evoluir para Insuficiência renal agudo ou sind. nefrótica. Nos adultos a complicação que impera é a glomerulonefrite com crescentes e deposição mesangial de IgA (GNRP tipoII)
Modelo

2612- Hemianopsia contralateral
Modelo

2613- Hemianopsia homônima contralateral
Modelo

2614- Hemihipoestesia alterna (face ipsilateral e membros contralateralmente)
Modelo

2615- Hemihipoestesia contralateral
Modelo

2616- Hemihipoestesia térmica e dolorosa contralateral
Modelo

2617- Hemiparesia de predomínio braquiofacial contralateral
Modelo

2618- Hemiparesia de predomínio crural contralateral
Modelo

2619- Hemiplegia severa e proporcionada contralateral
Modelo

2620- HEMOBILIA
Modelo

2621- HEMOCROMATOSE
Modelo

2622- Hemodiálise
Modelo

2623- Hemodinâmica pode ser normal dependendo do inotropismo entre os dois ventrículos
Modelo

2624- Hemoglobina [eritroblasto]
Modelo

2625- Hemoglobina [macrófago]
Modelo

2626- Hemoglobina [medula óssea]
Modelo

2627- Hemoglobina [SER]
Modelo

2628- Hemoglobina [SRE]
Modelo

2629- Hemoglobina dentro do macrófago
Modelo

2630- Hemoglobinúria
Modelo

2631- HEMOGLOBINÚRIA PAROXÍSTICA NOTURNA
Modelo

2632- Hemólise
Modelo

2633- HEMÓLISE
Modelo

2634- Hemólise excessiva
Modelo

2635- Hemorragia
Modelo

2636- Hemorragia (interna ou externa)
Modelo

2637- Hemorragia cutânea
Modelo

2638- Hemorragia da decídua basal
Modelo

2639- Hemorragia dentro ou através do trato biliar
Modelo

2640- Hemorragia gastrointestinal alta
Modelo

2641- Hemorragia intersticial [pulmão]
Modelo

2642- Hemorragia na mucosa
Modelo

2643- Hemorragia na mucosa gástrica
Modelo

2644- Hemorragia na mucosa, boca
Modelo

2645- Hemorragia no duodeno
Modelo

2646- Hemorragia no espaço de Disse
Modelo

2647- Hemorragia nos lábios
Modelo

2648- Hemorragia por diapedese
Modelo

2649- Hemorragia retiniana
Modelo

2650- Hemorragia sistêmica
Modelo

2651- Hemorragia vaginal
Modelo

2652- Hemorragia via canais biliares
Modelo

2653- Hemossiderina
Modelo

2654- Hemossiderina (plasma)
Modelo

2655- Hemossiderina [grânulos de ferritina]
Modelo

2656- Hemossiderina [plasma]
Modelo

2657- Hemossiderina alveolar
Modelo

2658- Hemossiderose [fígado]
Modelo

2659- HEMOSSIDEROSE PULMONAR IDIOPÁTICA
Modelo

2660- Heparan sulfato {glc-2S-glcN-6S}...
Modelo

2661- Heparan sulfato {idu-2S-glcN-6S}...
Modelo

2662- Heparina (glicosaminoglicano) [mastócitos]
Modelo

2663- Heparina + Antitrombina
Modelo

2664- HEPATITE A AGUDA
Modelo

2665- Hepatite alcoólica aguda
Modelo

2666- HEPATITE B AGUDA
Modelo

2667- HEPATITE C AGUDA
Modelo

2668- HEPATITE E AGUDA
Modelo

2669- HEPATITE FULMINANTE
Modelo

2670- Hepatite viral
Modelo

2671- Hepatomegalia
Modelo

2672- Hepatomegalia, pulsátil
Modelo

2673- Hereditários
Modelo

2674- Hérnia inguinal
Modelo

2675- HERPES SIMPLES
Modelo

2676- Herpesvírus, infecção vitalícia tipo 1 (HSV-1), infecção vitalícia
Modelo

2677- Herpesvírus, infecção vitalícia, EBV4. Linfomas de células B na imunodeficiência
Modelo

2678- Herpesvírus, infecção vitalícia?
Modelo

2679- Herpesvírus. Paramixovírus. HIV. HHV-6. Vírus da roséola. Vírus da Hepatite A, B ou C. Rubéola. Tripanossoma cruzi. Bartonela. Toxoplasmose.
Modelo

2680- Heterodímeros de adesão LFA-1 (CD11a/CD18) presente em linfócitos B, T e NK
Modelo

2681- Heterodímeros de adesão p150,95 (outro receptor de complemento) (CD11c/CD18)
Modelo

2682- Heterodímeros de adesão por receptores de complemento tipo 3 (CR3), (CD11b/CD18) presente em neutrófilos, monócitos, macrófagos, eosinófilos e células NK
Modelo

2683- HETEROPOLISSACARÍDIOS (Mucopolissacaridoses)
Modelo

2684- Híbridos de Linfócitos B e plasmócitos
Modelo

2685- Híbridos de Linfóctios B e paslmáticos
Modelo

2686- Hidratação da pele
Modelo

2687- Hidrocefalia
Modelo

2688- Hidrogênio
Modelo

2689- Hidrogênio [plasma]
Modelo

2690- Hidropsia fetal
Modelo

2691- Hidrópsias da porção mesenquimal do vilo
Modelo

2692- Hidroxifenilpiruvato
Modelo

2693- Hidroxilação da prolina e lisina, formando a hidroxilisina e hidroxiprolina, componentes do colágeno
Modelo

2694- Hidroxilisina
Modelo

2695- Hidroxilisina no colágeno
Modelo

2696- Hidroximetilbilano (incolor)
Modelo

2697- Hidroximetilbilano (incolor) [eritroblasto]
Modelo

2698- Hidroximetilbilano (incolor) [fígado]
Modelo

2699- Hidroxipiruvato
Modelo

2700- Hidroxiprolina
Modelo

2701- HIPERAMONIEMIA TIPO I
Modelo

2702- HIPERAMONIEMIA TIPO II
Modelo

2703- Hiperativação imunológica
Modelo

2704- Hipercapnia
Modelo

2705- HIPERCOLESTEROLEMIA PURA - TIPO IIA DE FREDRICKSON
Modelo

2706- Hipercolesterolemia tipo IIA
Modelo

2707- Hiperemia
Modelo

2708- Hiperemia conjuntival
Modelo

2709- Hiperemia periférica
Modelo

2710- HIPERFENILALANINEMIA BENIGNA (atividade enzimática >3%)
Modelo

2711- Hiperfunção
Modelo

2712- HIPERFUNÇÃO DAS CÉLULAS G ANTRAL
Modelo

2713- Hipergliceridemia tipo IV
Modelo

2714- Hiperlipemia
Modelo

2715- Hiperlipidemia tipo IIB ou III
Modelo

2716- Hipermenorréia
Modelo

2717- HIPEROXALÚRIA PRIMÁRIA TIPO I
Modelo

2718- HIPEROXALÚRIA PRIMÁRIA TIPO II
Modelo

2719- HIPEROXALÚRIA PRIMÁRIA TIPO III
Modelo

2720- Hiperpigmentação cutânea
Modelo

2721- Hiperplasia das células da teca
Modelo

2722- Hiperplasia do aparelho justa-glomerular
Modelo

2723- Hiperplasia megacariocítica
Modelo

2724- Hiperplasia nodular adrenal bilateral
Modelo

2725- Hiperquilomicronemia tipo I
Modelo

2726- Hiperreflexia
Modelo

2727- Hipersecreção brônquica
Modelo

2728- Hipersecreção de células imunológicas
Modelo

2729- Hipersensibilidade à lise e aumento da ligação C3b
Modelo

2730- Hipersensibilidade da Amigdala temporal (Agressividade)
Modelo

2731- Hipersensibilidade da musculatura lisa e das glândulas mucosas
Modelo

2732- Hipersideremia
Modelo

2733- Hipertelorismo ocular
Modelo

2734- Hipertensão arterial sistêmica
Modelo

2735- HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA
Modelo

2736- HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA RENOVASCULAR
Modelo

2737- Hipertensão arterial, eventual, em mais de 50% !por isquemia cisto-induzida
Modelo

2738- Hipertensão liquórica
Modelo

2739- Hipertermia
Modelo

2740- Hipertonia muscular
Modelo

2741- Hipertrofia com ciclos de desnervação e reinervação dos nervos distais
Modelo

2742- Hipertrofia do nervo fibular
Modelo

2743- Hipertrofia do nervo tibial
Modelo

2744- Hipertrofia do nervo ulnar
Modelo

2745- Hipertrofia e compactação
Modelo

2746- Hipertrofia e hiperplasia das células justaglomerulares, produzindo alcalose hipopotassêmica e hiperaldosteronismo
Modelo

2747- Hipertrofia ventricular esquerda
Modelo

2748- Hiperuricemia. Hipertensão. Nefroesclerose. Tofos. Pielonefrite. Diabetes mellitus. Hipertrigliceridemia. Aterosclerose
Modelo

2749- HIPERVALINEMIA
Modelo

2750- Hipoacusia, para sons de alta frequência
Modelo

2751- Hipoalbuminemia
Modelo

2752- Hipoglicemia
Modelo

2753- HIPOGLICEMIA
Modelo

2754- Hipomania
Modelo

2755- HIPOPLASIA DÉRMICA FOCAL
Modelo

2756- Hipopotassemia
Modelo

2757- Hiporreflexia
Modelo

2758- Hipotensão
Modelo

2759- Hipotensão arterial sistêmica
Modelo

2760- HIPOTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA
Modelo

2761- Hipotermia
Modelo

2762- Hipotermia durante o sono de ondas lentas
Modelo

2763- Hipotireoidismo
Modelo

2764- Hipotireoidismo. Diabetes mellitus.
Modelo

2765- Hipotonia muscular
Modelo

2766- Hipotrofia [músculo]
Modelo

2767- HIPOVITAMINOSE K COM COAGULOPATIA
Modelo

2768- Hipovolemia
Modelo

2769- Hipoxantina
Modelo

2770- Hipoxantina [músculo]
Modelo

2771- Hipoxemia
Modelo

2772- Hipóxia
Modelo

2773- Hipóxia cerebral
Modelo

2774- Hirsutismo
Modelo

2775- Histiócitos
Modelo

2776- Histiócitos espumosos
Modelo

2777- HMG-CoA
Modelo

2778- HMG-CoA fosfatase
Modelo

2779- Homem, gado, carneiro, porco, cavalo são hospedeiros intermediário do estágio larvário. Hospedeiro definitivo é um carnívoro
Modelo

2780- Homocisteína
Modelo

2781- Homocisteína autooxidada
Modelo

2782- HOMOCISTINÚRIA
Modelo

2783- Homocitrulina
Modelo

2784- Hormônio ACTH [plasma]
Modelo

2785- Hormônio adrenalina [plasma]
Modelo

2786- Hormônio aldosterona (plasma)
Modelo

2787- Hormônio aldosterona (plasma) com insensibilidade aos efeitos pressores da angiotensina II e Alcalose metabólica que não responde à solução salina
Modelo

2788- Hormônio aldosterona [plasma]
Modelo

2789- Hormônio angiotensina II [plasma]
Modelo

2790- Hormônio anti-diurético (plasma)
Modelo

2791- Hormônio anti-diurético plasmático diminuído
Modelo

2792- Hormônio beta-gonadotrofina coriônica (bHCG) aumentado
Modelo

2793- Hormônio cortisol [plasma]
Modelo

2794- Hormônio estradiol [plasma]
Modelo

2795- Hormônio estrgênico (plasma)
Modelo

2796- Hormônio estrógeno
Modelo

2797- Hormônio FSH (plasma)
Modelo

2798- Hormônio glucagon [plasma]
Modelo

2799- Hormônio hepcidina [fígado]
Modelo

2800- Hormônio insulina [plasma]
Modelo

2801- Hormônio insulina plasmática
Modelo

2802- Hormônio LH (plasma)
Modelo

2803- Hormônio natriurético tipo beta aumentado
Modelo

2804- Hormônio progesterona
Modelo

2805- Hormônio testosterona (plasma)
Modelo

2806- Hormônio testosterona [plasma]
Modelo

2807- Hormônio testosterona [plasma]|Crescimento corporal|Maturação esquelética|Massa muscular|Acne|Hisurtismo|Clítoris aumentado|Emgrossamento da voz|Irregularidade menstrual|Infertilidade
Modelo

2808- Hormônios esteróides
Modelo

2809- Hormônios GnRH pulsáteis [hipotálamo]
Modelo

2810- Hormônios gonadais (estrógeno e prgesterona)
Modelo

2811- Hormônios gonadais (estrógeno e progesterona) [corpo lúteo]
Modelo

2812- Hormônios gonadotróficos (FSH e LH) [hipófise]
Modelo

2813- Hormônios gonadotróficos [hipófise]
Modelo

2814- Hormônios liberadores dos hormônios gonadotróficos pulsáteis (GnRH) [hipotálamo]
Modelo

2815- IAM nãoQ
Modelo

2816- IAM Q
Modelo

2817- Icterícia
Modelo

2818- Icterícia hepática
Modelo

2819- ICTERÍCIA NEONATAL
Modelo

2820- Icterícia pré-hepática
Modelo

2821- Icterícia, grave
Modelo

2822- Ictiose adquirida
Modelo

2823- Ictiose hereditária
Modelo

2824- ICTIOSE VULGAR
Modelo

2825- Ictus cordis globoso
Modelo

2826- Idiopática
Modelo

2827- Idiopático: Vírus da monomucleose infecciosa
Modelo

2828- IgA não específica aumentada
Modelo

2829- IgE
Modelo

2830- IgE de superfície mastócitos e/ou basófilos
Modelo

2831- IgG
Modelo

2832- IgG não específica aumentada
Modelo

2833- IgM não específica aumentada
Modelo

2834- IMAO
Modelo

2835- Implantação do ovo na fase de blastocisto com cariótipo triplóide 3n (2n paterno e 1n materno)
Modelo

2836- Implante endometrial [extra útero]
Modelo

2837- Impulso torácico, paraesternal
Modelo

2838- Imunidade celular
Modelo

2839- Imunidade humoral
Modelo

2840- Imunocomplexos
Modelo

2841- Imunocomplexos (complexos antígenos-anticorpo)
Modelo

2842- Imunocomplexos mais complemento em paredes vasculares. Não há diferenças clínicas entre pacientes com PAN portadores ou não de antígeno do virus B
Modelo

2843- IMUNODEFICIÊNCIA COMBINADA DE LINFÓCITOS B E T
Modelo

2844- IMUNODEFICIÊNCIA COMBINADA GRAVE
Modelo

2845- IMUNODEFICIÊNCIAS PRIMÁRIAS
Modelo

2846- Imunoglobulina {IgG} antiplaqueta [baço]
Modelo

2847- Imunoglobulina G {IgG}
Modelo

2848- Imunoglobulina M {IgM}
Modelo

2849- Imunoglobulinas monoclonais de cadeias leves fragmentadas
Modelo

2850- Imunoglobulinas monoclonais de cadeias pesadas fragmentadas
Modelo

2851- Imunoglobulinas não específicas aumentadas
Modelo

2852- Imunoglobulinas no intestino (IgE)
Modelo

2853- Inalação de bactérias
Modelo

2854- Inalação de dióxido de enxofre
Modelo

2855- Inalação de fumaça de maconha com cádmio
Modelo

2856- Inalação de perdigoto de pessoa contaminada
Modelo

2857- Inalação de perdigoto de pessoa infectada
Modelo

2858- Inalação de perdigotos de pessas contaminadas ou contato direto com secreção nasal
Modelo

2859- Inalação de perdigotos de pessoa contaminada
Modelo

2860- Inalação de perdigotos de pessoa infectada
Modelo

2861- Inalação de perdigotos de pessoas infectadas
Modelo

2862- Inalação do antígeno
Modelo

2863- Inalação, transfusão de sangue, sêmem, nosocomial (hospitalar), suor ou contato com pessoa infectada
Modelo

2864- Inclinação da fase 4
Modelo

2865- Inconsequente
Modelo

2866- Infarto [fígado]
Modelo

2867- INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO
Modelo

2868- Infarto cerebral
Modelo

2869- Infecção
Modelo

2870- INFECÇÃO
Modelo

2871- Infecção aguda das vias aéreas, incluindo o nariz, seios paranasais, garganta, laringe e frequentemente a traquéia e os brônquios
Modelo

2872- Infecção bacteriana (recorrente)
Modelo

2873- Infecção da mucosa orofaringe
Modelo

2874- Infecção da mucosa respiratória
Modelo

2875- Infecção das células por amastigota
Modelo

2876- Infecção das glândulas salivares
Modelo

2877- Infecção de um linfonodo hilar (adenite satélite), onde a lesão é maior, com extensa necrose caseosa
Modelo

2878- Infecção do anel linfático de Waldeyer e epitélio oral
Modelo

2879- Infecção do coração, os pulmões, o cérebro, as articulações e olhos
Modelo

2880- Infecção do Encéfalo
Modelo

2881- Infecção do Sistema retículo endotelial
Modelo

2882- Infecção do Sistema Retículo Endotelial
Modelo

2883- Infecção do SNC
Modelo

2884- Infecção dos cardiomiócitos
Modelo

2885- Infecção e proliferação [macrófago]
Modelo

2886- Infecção e proliferação no Sistema Retículo Endotelial
Modelo

2887- Infecção generalizada
Modelo

2888- Infecção localizada, crônica, recorrentes
Modelo

2889- Infecção no íleo
Modelo

2890- Infecção por transfusões de sangue, relações sexuais
Modelo

2891- Infecção por transfusões de sangue, relações sexuais, via placentária
Modelo

2892- Infecção por Tripomastigota
Modelo

2893- Infecção primária
Modelo

2894- Infecção respiratória prévia
Modelo

2895- Infecciosa (chagásica). Isquêmica. Hipertensiva. Intoxicação (alcoólica). Inflamatória (miocardite). Idiopática. Taquicardia. Bradicardia. Distúrbios elétricos cardíacos. Infarto do miocárdio. Regurgitação mitral. Regurgitação aórtica. Estenose aórtica. Hipertensão arterial severa. Hipertrofia ventricular. Alteração tecidual do miocárdio.
Modelo

2896- Infecções
Modelo

2897- Infecções oportunista graves
Modelo

2898- Infecções recorrentes
Modelo

2899- Infecções virais, fotodermatose idiopática, desordem nos depósitos de mucina, alterações imunológicas e fatores hormonais
Modelo

2900- Infiltração cutânea causa a mancha acastanhada
Modelo

2901- Infiltração da lâmina própria da mucosa intestinal com acúmulo de macrófagos espumosos contendo grânulos positivos para o ácido periódico de Schiff (PAS)
Modelo

2902- Infiltração da lâmina própria da mucosa intestinal com obstrução linfática
Modelo

2903- Infiltração do baço
Modelo

2904- Infiltração do Sistema Retículo Endotelial
Modelo

2905- Infiltração do Sistema Retículo Endotelial tipo B
Modelo

2906- Infiltração do Sistema reticuloendotelial
Modelo

2907- Infiltração leucocitária
Modelo

2908- Infiltração na pele
Modelo

2909- Infiltração no baço
Modelo

2910- Infiltração no fígado
Modelo

2911- Infiltração no intestino
Modelo

2912- Infiltração periportal e sinusal com necrose mínima no fígado
Modelo

2913- Infiltração por linfócitos plasmocíticos
Modelo

2914- Infiltrado inflamatório com neutrófilos, eosinófilos e linfócitos (eg T)
Modelo

2915- Infiltrado pulmonar
Modelo

2916- Infiltrados inflamatórios perivasculares e perimisiais
Modelo

2917- Inflamação
Modelo

2918- Inflamação alveolar ou intersticial
Modelo

2919- Inflamação da mucosa nasal
Modelo

2920- Inflamação das glândulas parótidas
Modelo

2921- Inflamação de pequenos vasos sanguíneos
Modelo

2922- Inflamação do apêndice vermiforme
Modelo

2923- Inflamação do corno anterior da medula espinhal
Modelo

2924- Inflamação dos glomérulos renais
Modelo

2925- Inflamação dos hepatócitos
Modelo

2926- Inflamação dos testículos
Modelo

2927- Inflamação encéfalo
Modelo

2928- Inflamação granulomatosa dos ductos biliares septais intra-hepáticos [fígado]
Modelo

2929- Inflamação sistêmica
Modelo

2930- Inflamações difusas da conjuntiva
Modelo

2931- Influxo de Ca+2 durante a fase 2
Modelo

2932- Influxo de Ca+2 na terminação sináptica
Modelo

2933- Influxo de Ca+2 no cardiomiócito
Modelo

2934- Influxo de Ca+2 nos mastócitos e/ou basófilos
Modelo

2935- Influxo de Ca+2 para o botão sináptico
Modelo

2936- Ingestão de ácido ascórbico (vitamina C)
Modelo

2937- Ingestão de açúcar da cana
Modelo

2938- Ingestão de açúcar da cana, rapadura
Modelo

2939- Ingestão de água
Modelo

2940- Ingestão de água ou alimentos com fezes contaminados
Modelo

2941- Ingestão de água ou alimentos contaminados por fezes
Modelo

2942- Ingestão de alimentos
Modelo

2943- Ingestão de alimentos contaminados
Modelo

2944- Ingestão de alimentos contaminados com o helminto cestódeo Taenia solium
Modelo

2945- Ingestão de alimentos contaminados com oocistos ou pseudocistos
Modelo

2946- Ingestão de alimentos ou água contaminada pro fezes de portadores
Modelo

2947- Ingestão de carne, peixe, clara de ovo, castanha-de-cajú, amêndoa, castanha-do-pará, abacate, cogumelo, banana, leite, feijão
Modelo

2948- Ingestão de cereais, batata, cevada, malte, cerveja
Modelo

2949- Ingestão de cobre [dieta]
Modelo

2950- Ingestão de cogumelos, sementes de girassol
Modelo

2951- Ingestão de colchicina
Modelo

2952- Ingestão de ferro [dieta]
Modelo

2953- Ingestão de fígado, músculo esquelético, rim
Modelo

2954- Ingestão de Hormônio estrógeno no início da gravidez
Modelo

2955- Ingestão de leguminosas
Modelo

2956- Ingestão de leite e derivados, amamentação
Modelo

2957- Ingestão de maçã ou ameixa
Modelo

2958- Ingestão de pão, batatas, ervilhas, feijão, arroz, milho, farinha
Modelo

2959- Ingestão de proteínas com Leucina
Modelo

2960- Ingestão de sulfitos
Modelo

2961- Ingestão de Vicia fava (divicina e isouramil)
Modelo

2962- Ingestão de Vitamina C (ácido ascórbico)
Modelo

2963- Ingestão excessiva de cobre
Modelo

2964- Ingestão excessiva de ferro
Modelo

2965- Inibição bacteriana de Guthrie (teste do pezinho)
Modelo

2966- Inibição da síntese protéica de bactérias sensíveis
Modelo

2967- Inibidores das cininases (Captopril)
Modelo

2968- Início súbito, 01S-02S após contato com pessoa infectada
Modelo

2969- Início súbito, 01S-02S, após transfusão de sangue ou contato com pessoa infectada
Modelo

2970- Início súbito, 14D 10D-20D, após contato ou inalação de perdigoto com pessoa infectada
Modelo

2971- Inosina
Modelo

2972- Inosina-5-monofosfato {IMP}
Modelo

2973- Inositol trifosfato {IP3}
Modelo

2974- Inseticidas organofosforados. Carbamatos. Assntol. Bidin. Chlortion. Co-ral. DDVP Delnav. Diazinon. Dimefox. Dimethoate, dipterex. Disyston. Ekatin. Endothion. EPN. Ethion. Gusathion. Isopestox. Lebaycid. Malathion. Menazon. Metasistox. OMPA. Parathion. Paraoxon. Phosphamidon. Potasan. TepP. Tetran
Modelo

2975- Insônia
Modelo

2976- INSÔNIA FAMILIAR FATAL
Modelo

2977- INSUFICIÊNCIA ADRENOCORTICAL CRÔNICA
Modelo

2978- Insuficiência cardíaca
Modelo

2979- INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CONGESTIVA DIREITA
Modelo

2980- INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CONGESTIVA DIREITA AGUDA
Modelo

2981- INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CONGESTIVA ESQUERDA
Modelo

2982- Insuficiência cardíaca esquerda
Modelo

2983- Insuficiência cerebrovascular
Modelo

2984- Insuficiência circulatória coronariana: 1- por placa ateromatosa (quando a dor ocorre aos eforços moderados o grau de estreitamento da artéria coronária é de 75%). 2- aumento do consumo de O2. Sopro sistólico, durante a dor significa disfunção do músculo papilar
Modelo

2985- Insuficiência de síntese de hormônio anti-diurético
Modelo

2986- Insuficiência hepática
Modelo

2987- Insuficiência imunológica celular, células T
Modelo

2988- INSUFICIÊNCIA RENAL
Modelo

2989- Insuficiência renal aguda
Modelo

2990- Insuficiência Renal Aguda
Modelo

2991- Insuficiência Renal Aguda intrínseca
Modelo

2992- INSUFICIÊNCIA RENAL AGUDA POR NECROSE TUBULAR
Modelo

2993- Insuficiência Renal Aguda pós-renal
Modelo

2994- Insuficiência Renal Aguda pré-renal
Modelo

2995- INSUFICIÊNCIA RENAL AGUDA PRIMÁRIA
Modelo

2996- Insuficiência renal crônica
Modelo

2997- Insuficiência respiratória
Modelo

2998- INSUFICIÊNCIA RESPIRATÓRIA AGUDA
Modelo

2999- Insulina
Modelo

3000- Insulina (plasma)
Modelo

3001- Insulina de jejum aumentada
Modelo

3002- Interleucina 1 (IL-1)
Modelo

3003- Interleucina 1 [IL-1]
Modelo

3004- Interleucina 12
Modelo

3005- Interleucina 6 (IL-6)
Modelo

3006- Interleucina 6 [IL-6]
Modelo

3007- Intersticio alcalino > depósito de uratos
Modelo

3008- Intervalo PQ
Modelo

3009- Intervalo QQ
Modelo

3010- Intestino
Modelo

3011- Intolerância à glicose positiva
Modelo

3012- INTOLERÂNCIA À LACTOSE FORMA CONGÊNITA
Modelo

3013- INTOLERÂNCIA À LACTOSE NO ADULTO
Modelo

3014- INTOLERÂNCIA À MALTOSE
Modelo

3015- INTOLERÂNCIA À SACAROSE
Modelo

3016- INTOLERÂNCIA À TREALOSE
Modelo

3017- Intolerância alimentar. Soro. Droga. Picada de insiteo
Modelo

3018- INTOLERÂNCIA AO AMIDO
Modelo

3019- Intoxicação
Modelo

3020- INTOXICAÇÃO CRÔNICA POR INALAÇÃO DE CÁDMIO E SEUS COMPOSTOS
Modelo

3021- INTOXICAÇÃO POR AMINOGLICOSÍDEOS - GENTAMICINA
Modelo

3022- INTOXICAÇÃO POR INGESTÃO COBRE E SEUS COMPOSTOS FORMA AGUDA
Modelo

3023- INTOXICAÇÃO POR INGESTÃO DE ÁLCOOL - ETILENO GLICOL
Modelo

3024- INTOXICAÇÃO POR INGESTÃO DE COGUMELO PRODUTOR DE MUSCARINA
Modelo

3025- INTOXICAÇÃO POR INGESTÃO DE FERRO E SEUS COMPOSTOS FORMA AGUDA
Modelo

3026- INTOXICAÇÃO POR INGESTÃO DE PESTICIDA - NICOTINA
Modelo

3027- INTOXICAÇÃO POR INOCULAÇÃO DE VENENO DE COBRA CASCAVEL
Modelo

3028- INTOXICAÇÃO POR ORGANOFOSFORADOS
Modelo

3029- Invasão dos gânglios linfáticos regionais
Modelo

3030- Invasão via hematogênica de ovos do Taenia solium no Sistema Nervoso
Modelo

3031- Inveja:Indiferença
Modelo

3032- Inversão ventricular
Modelo

3033- Iosina, purina intracelular
Modelo

3034- IRREVERSÍVEIS: Diflos. Edotiopato. Malathion. Paration. Tabun. Sarin
Modelo

3035- Irritabilidade
Modelo

3036- Isobutiril-CoA
Modelo

3037- Isoleucina
Modelo

3038- ISOLEUCINA-LEUCINEMIA
Modelo

3039- Isoleucina [plasma]
Modelo

3040- Isoleucina [urina]
Modelo

3041- Isomaltose
Modelo

3042- Isopentenil-5-pirofosfato
Modelo

3043- Isopentenil-PP
Modelo

3044- Isovaleril-CoA
Modelo

3045- Isovalerilglicina
Modelo

3046- Isquemia
Modelo

3047- Isquemia [placenta]
Modelo

3048- Isquemia + microrganismo
Modelo

3049- Isquemia de coronária com degeneração hdrópica (vacuolar; balonosa) do miocárdio
Modelo

3050- Isquemia de coronária com degeneração turva (albuminosa; parenquimatosa) do miocárdio
Modelo

3051- Isquemia de coronária com necrose subendocárdica
Modelo

3052- Isquemia de coronária com necrose transmural
Modelo

3053- Isquemia do músculo cardíaco subendocárdico
Modelo

3054- Isquemia do músculo cardíaco transmural
Modelo

3055- Isquemia em tecidos pobres em lipídios (músculo esquelético, cardíaco)
Modelo

3056- Isquemia em tecidos ricos em lipídeos (exceto triglicerídeos) causa NECROSE LIQUEFATIVA [nervoso, adrenais]
Modelo

3057- Isquemia em tecidos ricos em lipídios (SNervoso, tecido adiposo)
Modelo

3058- Isquemia em tecidos ricos em triglicerídeos causa NECROSE GRODUROSA (Esteatonecrose) [adiposo subcutâneo ou abdominal (lipase pancreática)]
Modelo

3059- Isquemia em tecidos tecidos pobres em lipídeos causa NECROSE COAGULATIVA (por coagulação) [músculo esquelético, cardíaco, rins, baço]
Modelo

3060- Isquemia muscular
Modelo

3061- Isto sugere que uma maior produção da proteína precursora por dosagem excessiva do gene possa causar as lesões
Modelo

3062- Jangadas lipídicas
Modelo

3063- Jangadas lipídicas da membrana
Modelo

3064- Jejum prolongado
Modelo

3065- K+ (plasma)
Modelo

3066- KERNICTERUS
Modelo

3067- L-arginina
Modelo

3068- L-citrulina
Modelo

3069- L-glicerato
Modelo

3070- L-glicerato [urina]
Modelo

3071- L-metilmalonil-CoA
Modelo

3072- L-Xilulose
Modelo

3073- Lacrimejamento
Modelo

3074- Lacrimejamento aumentado
Modelo

3075- Lactato
Modelo

3076- Lactato [fígado]
Modelo

3077- Lactato [hemácia]
Modelo

3078- Lactato [músculo]
Modelo

3079- Lactato [plasma]
Modelo

3080- Lactato plasmático
Modelo

3081- Lactose
Modelo

3082- Lactose [intestino grosso]
Modelo

3083- Lactosil-ceramida {gal-glc-ceramida}
Modelo

3084- Lactosilceramida (Ceramida + [lactose])
Modelo

3085- Lâmina basal, um dos componentes da membrana basal dos epitélios
Modelo

3086- Lâmina densa
Modelo

3087- Lâmina lúcida
Modelo

3088- Laminina
Modelo

3089- Lanosterol
Modelo

3090- Largura da onda Q
Modelo

3091- Latosterol
Modelo

3092- LEIOMIOMA DO ÚTERO
Modelo

3093- Leiomioma. Sinéquias (aderências).
Modelo

3094- Leishmania donovani, protozoários flagelados. L.donovani. L.infantum. L.chagasi. L.archaldi. Amastigota - no vertebrado, não apresenta flagelo. Promastigota - forma infectante, no flebotomíneo
Modelo

3095- Leishmania intracelulares causam inflamação, morte celular e fibrose intersticial
Modelo

3096- LEISHMANIOSE VISCERAL
Modelo

3097- Lentes da cápsula ocular
Modelo

3098- Lentigines múltiplas
Modelo

3099- LEPRA
Modelo

3100- Lesão cervical
Modelo

3101- Lesão cutânea
Modelo

3102- Lesão cutânea bolhosa
Modelo

3103- Lesão cutânea, edematosa, região palpebral
Modelo

3104- Lesão cutânea, hiperpigmentação
Modelo

3105- Lesão cutânea, úlcera, atrofica
Modelo

3106- Lesão da matriz vascular
Modelo

3107- Lesão das células epiteliais dos túbulos proximais renais
Modelo

3108- Lesão das vias urinárias
Modelo

3109- Lesão de artérias e veias da base do crânio
Modelo

3110- Lesão de nervos cranianos
Modelo

3111- Lesão do endotélio vascular
Modelo

3112- Lesão do epitélio intestinal
Modelo

3113- Lesão do eritroblasto
Modelo

3114- Lesão do feixe de His
Modelo

3115- Lesão do IIIPC
Modelo

3116- Lesão do IIPC
Modelo

3117- Lesão do IVPC
Modelo

3118- Lesão do nervo ulnar
Modelo

3119- LESÃO DO NERVO ULNAR
Modelo

3120- Lesão do núcleo lenticular [núcleos da base]
Modelo

3121- Lesão do Tronco Encefálico
Modelo

3122- Lesão do VIPC
Modelo

3123- Lesão dos hepatócitos [fígado]
Modelo

3124- Lesão dos núcleos neoestriado (caudado + putamem)
Modelo

3125- Lesão endotelial microvascular [especialmente no fígado]
Modelo

3126- Lesão endotelial vascular
Modelo

3127- Lesão focais ou segmentares da média da artéria com necrose fibrinóide e infiltração de células inflamatórias em todas as camadas, podendo ocluir o lúmem e formar aneurismas que podem romper-se
Modelo

3128- Lesão mediada por anticorpos das placas de fixação das células basais à membrana basal (hemidesmossomas)
Modelo

3129- Lesão no globos palidus (GPi)
Modelo

3130- Lesão no Hipocampo
Modelo

3131- Lesão no neoestriado
Modelo

3132- Lesão no núcleo do VIII PC
Modelo

3133- Lesão nos núcleos subtalâmicos
Modelo

3134- Lesão renal irreversível
Modelo

3135- Lesão tecidual (Via extrínseca)
Modelo

3136- Lesões restritas à pele ou acometendo diferentes órgãos (esôfago, fígado, pâncreas, rins, ureteres, útero e supra-renais), não deixa cicatrizes residuais
Modelo

3137- Lesões simétricas em nádegas , face extensora dos membros, cotovelos
Modelo

3138- LEUCEMIA DE CÉLULAS PILOSAS (proliferativa)
Modelo

3139- LEUCEMIA MIELÓIDE AGUDA (displásica)
Modelo

3140- LEUCEMIA MIELOMONOCÍTICA AGUDA (proliferativa)
Modelo

3141- Leucina
Modelo

3142- LEUCINA
Modelo

3143- Leucina [plasma]
Modelo

3144- Leucina [urina]
Modelo

3145- Leucócitos aumentados
Modelo

3146- Leucócitos com liberação de fatores quimiotácicos e mediadores da inflamação
Modelo

3147- Leucócitos diminuídos
Modelo

3148- Leucodistrofia espongiforme
Modelo

3149- Leucodistrofia metacromática
Modelo

3150-